Como criar NFT? Aprenda como criar um Non-Fungible Token e lucrar com isso!

O Non-Fungible Token é uma tecnologia que vem revolucionando o mundo virtual, utilizando Blockchain, trouxe ainda mais visibilidade para o mundo dos negócios virtuais. Neste artigo, te ensinaremos como criar um NFT.

Marcela Gomes 09/05/2022 - 5 mins de leitura

Popularizado em 2021, os NFTs ainda seguem desconhecidos pela maioria da população. Desenvolvido com tecnologia Blockchain, ele funciona como um certificado de posse digital para alguns ativos. Você sabia que pode criar seu próprio NFT, comprar e vender produtos não fungíveis por meio destes tokens? Vem entender um pouco mais sobre o assunto que será distribuído nos seguintes tópicos:

  • O que é NFT?
  • Como criar seu próprio NFT?
  • Quanto você deve investir para criar seu NFT?
  • Como lucrar com NFT?

Preparados? Vamos lá!

O que é NFT?


O NFT do inglês Non-Fungible Token (token não fungível), é um certificado de posse virtual para peças insubstituíveis, únicas.  E este, é o exato significado de algo não fungível: peças únicas, que não perdem valor e possuem um único proprietário, como por exemplo:  fotos, poemas  e obras de arte. Outro conceito que vale a pena ser ressaltado, é o de token, este nada mais é, que um certificado digital de posse de algo, que garante a segurança dos proprietários de bens virtuais. 


Recomendação de sucesso!

A tecnologia Blockchain é considerada uma revolução, pois desafia paradigmas em processos relacionados a transações financeiras, de informações e documentos, de armazenamento de dados e de movimentação de ativos, nos permitindo a descentralização de monopólios de ampla duração de alguns setores.

Pensando nessa revolução, criamos o curso Fundamentos Essenciais para Blockchain. Esse treinamento introdutório prepara você para compreender os princípios, conceitos e aplicações da tecnologia Blockchain. Além disso, apresenta os comentários sobre o artigo publicado por Satoshi Nakamoto e várias questões comentadas para você se preparar para exames de certificação e se destacar no mercado de trabalho!

Tem interesse em dar os primeiros passos nessa nova tecnologia? Então, clique na imagem abaixo, utilize o cupom BLOG100 e tenha acesso gratuito ao nosso curso Fundamentos Essenciais para Blockchain.


Como criar seu próprio NFT?


O primeiro passo para criação do seu próprio NFT é definir seu nicho de atuação e analisar os ativos que você já possui (sejam fotos, pinturas, músicas), além de se familiarizar com os conceitos da área.  Para realizar a criação, não é necessária a instalação de nenhum software, basta você: 

  • Possuir uma carteira virtual de criptomoedas:  Nela serão guardados seus NFTs e por isso, recomendamos que busque sempre plataformas seguras e confiáveis para abrir a sua.
  • Adquirir uma quantidade de criptomoedas Ethereum, mais calma, sabemos que o valor das criptomoedas hoje está extremamente alto, então compra uma pequena quantidade, aquela que cabe em seu orçamento, beleza? Essas moedas serão utilizadas para pagar as despesas geradas na criação do NFT. 
  • O próximo passo é fazer a conexão da sua carteira virtual com alguma plataforma marketplace, a Open Sea é uma plataforma muito recomendada atualmente, devido a facilidade de uso e sua configuração simplificada. Caso opte por criar na plataforma citada anteriormente, basta entrar no site e navegar até o canto superior direito, clicar em “criar”, selecionar a opção “minhas coleções” e após isso, é só clicar em “criar” novamente!
  • Agora basta aproveitar as opções que a plataforma te oferece, crie coleções e armazene seus NFTs, carregue imagens e pronto, seu NFT está criado! Mas lembre-se de validar todo processo dentro da plataforma, beleza?

Quanto você deve investir para criar seu NFT?


Para responder essa pergunta, temos que olhar por dois cenários: o interesse do investidor e ter a certeza, que os custos variam de acordo com a exchange. Atualmente a rede mais utilizada é a Ethereum e nela, o valor gasto na criação do processo pode variar entre 70 e 200 dólares. Os principais custos são:

  • Taxas de rede: Essas taxas são aquelas gastas com todas as operações na Blockchain, chamada taxa de gás. Além disso, deve-se levar em conta que quanto maior a procura, maior o valor da taxa.
  • Taxas de conta: São aquelas que dependem do mercado que você irá utilizar.
  • Taxa de listagem:  Por mais que várias plataformas permitam a criação de NFTs gratuitamente, a maioria ainda cobra uma taxa para que você coloque eles à venda.

As taxas variam de acordo com o blockchain utilizado, as apresentadas anteriormente são as principais, porém isso não exclui o fato de existir a possibilidade de haver outras. O valor é um pouco alto, né? Para isso, existem no mercado alternativas mais acessíveis. As que possuem mais renome nesse quesito são a Ronin, Flow e Solana. 


3 maneiras de lucrar com NFT!


Por mais que o processo que apresentamos aqui para criar um NFT seja simples, quando se trata de venda e lucro, a dificuldade aumenta. Ainda que existam casos de extremo sucesso nessa área, nem todos são assim. Iremos apresentar aqui, algumas formas de conseguir entrar com o pé direito nesse mercado e talvez conseguir uma margem de lucro boa.


  1. Criação e venda de artes: Se você é um amante de design de imagens e desenhos, este é o nicho perfeito para você! Deixe sua criatividade fluir e produza imagens incríveis. Quanto maior o número de pessoas que gostarem do seu trabalho, mais fácil e mais valiosa será a venda.
  2. Jogos de NFT:  O mundo dos jogos virtuais te encanta? Você pode lucrar com isso! Jogos virtuais que fazem a combinação entre tecnologia de itens únicos com a ideia de jogar.
  3. Revendas de NFTs:  Caso não se identifique com nenhuma das alternativas anteriores, o nicho de revenda pode ser sua porta para lucrar com NFTs. Basta comprar NFTs e revendê-los, lembrando sempre que seu lucro é a diferença entre o valor que você pagou e o que foi vendido. Lembre-se sempre de comprar aqueles que venham a se valorizar.

Essa é a trilha para o sucesso!

Calma, não desanime! Estamos aqui para te ajudar e te mostrar os primeiros passos para conseguir a carreira que tanto deseja. Você sabia que aqui na Voitto temos cursos desde o iniciante até o master? 

Você já teve dúvidas na hora de escolher o melhor investimento para o seu dinheiro? Qual a melhor maneira de analisar qual investimento traz a melhor relação de risco e retorno? E como seria se você soubesse analisar essas variáveis na hora de escolher um investimento?

Com o curso de Gestão financeira e Análise de investimentos você irá aprender conceitos importantes e acabar de uma vez com essas dúvidas!

Você irá aprender sobre como entender uma DRE, analisar um Balanço Patrimonial, Fluxo de Caixa e Gestão do Capital de Giro. 

Também será capaz de compreender indicadores financeiros como ROA, ROI, entre outros, além de aprender um método passo a passo para analisar seus investimentos.

Clique na imagem abaixo e se inscreva no curso de Gestão Financeira e Análise de Investimentos!

Inscreva-se em nossa newsletter e acompanhe de perto todas as novidades

Voltar ao topo