O desenvolvedor Python tem ganhado muita importância por conta do crescimento rápido da popularidade dessa linguagem. De acordo com o ranking TIOBE, Python é a terceira linguagem de programação mais utilizada pelos desenvolvedores.

Por causa disso, esse tipo de programador é colocado em uma posição de destaque diante da comunidade de desenvolvedores. Não somente isso, mas também abre diversas oportunidades de trabalho, pois a busca por profissionais especializados cresce cada vez mais.

Por conta desses fatores, trouxemos neste artigo os seguintes tópicos sobre esse assunto:

  • Quem é o desenvolvedor Python?

  • Qual a função de um desenvolvedor Python?

  • Área de atuação de um desenvolvedor Python?

  • Quanto ganha um desenvolvedor Python? 

Preparado? Vamos lá!

 

Quem é o desenvolvedor Python?

 

Um desenvolvedor Python é um programador especialista na linguagem de programação Python. Ele deve ter aptidão para a área de exatas, já que lógica, estatística e matemática são muito utilizadas. Além disso, deve ter uma boa capacidade de análise e de atenção.

Esse tipo de programador normalmente possui formação em Ciência da Computação, Engenharia de Software, Análise de Sistemas ou alguma outra área da tecnologia. Além disso, é importante fazer outros cursos de especialização para aprender Python

O desenvolvedor Python começa como um estagiário ou um desenvolvedor júnior. Conforme for adquirindo experiências e demonstrando capacidade, o programador pode ir ocupando outras vagas.

Nesse processo, duas coisas precisam ser destacadas. 

A primeira é a importância de se aprender não somente Python, mas outras linguagens que são utilizadas no dia a dia. Ter conhecimentos sobre bancos de dados, HTML e CSS é fundamental para facilitar o trabalho e destacar o programador. Para isso, existem uma série de frameworks (como Django ou Flask) e bibliotecas.

A outra é o papel das soft skills na jornada de crescimento do desenvolvedor Python. O mercado valoriza muito as habilidades interpessoais do programador, uma vez que ele atuará em conjunto com uma equipe. Por isso, equilíbrio, inteligência emocional e sociabilidade são características importantes para o profissional.

Como você pode perceber, para iniciar nessa carreira, é preciso estar por dentro de tudo que envolve essa linguagem de programação. Está pensando em mudar de carreira, mas ainda não sabe Python? Ou já sabe um pouco e gostaria de se aprofundar?

Então, fique tranquilo, que temos o material perfeito para você! Com o curso de Fundamentos Essenciais para Python, você aprenderá a aplicar a lógica proposicional em programação e a resolver problemas usando técnicas orientadas por dados.

Não vai perder essa chance, não é mesmo? Então, se inscreva no botão abaixo agora!

Aproveite e faça já sua inscrição!

Pronto para descobrir a função de um desenvolvedor Python? Veja a seguir!

 

 

Qual a função de um desenvolvedor Python?

 

Um desenvolvedor Python pode desempenhar diversas funções. Entretanto, na maioria das vezes, ele atuará programando no back-end. Normalmente, ele lidará com bancos de dados e fluxos de informações, criando códigos e utilizando frameworks para análise e para manipulação de informações.

Por todas essas facilidades, Python é amplamente usado na ciência de dados. Além disso, por ser uma linguagem de programação orientada a objetos, possui diversas funcionalidades. Com ela, é possível desenvolver aplicações web, jogos, códigos de inteligência artificial, por meio de suas IDEs.

Por isso, também espera-se que um programador saiba desenvolver websites, otimizar algoritmos para retenção de informações, resolver problemas de análise de dados, melhorar a segurança e proteção dos dados e escrever códigos eficientes.

Entre várias outras profissões que um desenvolvedor Python pode desempenhar, temos: 

  • Engenheiro de Software;

  • Cientista de Dados;

  • Especialista em Inteligência Artificial;

  • Desenvolvedor de jogos. 

Isso demonstra a versatilidade dessa linguagem, que pode ser utilizada para os mais diversos fins.

 

Área de atuação de um desenvolvedor Python

 

Hoje em dia, o controle do fluxo de informações se tornou algo muito valioso para as empresas. A análise desses dados é muito importante para nortear as decisões. 

Python é uma das melhores linguagens para desempenhar essa função, porque ela conta com várias ferramentas específicas para isso. Não é a toa que, em uma pesquisa da JetBrains, 59% dos participantes afirmaram que utilizam Python para a análise de dados, sendo sua principal aplicação.

Ainda de acordo com a pesquisa citada, as duas outras principais aplicações são o desenvolvimento web (51%) e machine learning (41%). Portanto, a área de atuação de um desenvolvedor Python é vasta.

O mercado para programadores hoje em dia é extenso. Grandes empresas como Google, Netflix e Apple procuram profissionais para desenvolver em Python. O Spotify, por exemplo, utiliza a linguagem em 80% das operações de back-end do aplicativo.

Para se ter uma ideia, segundo uma pesquisa feita pelo site Coding Dojo, Python é a terceira linguagem de programação mais procurada pelo mercado, atrás somente de JavaScript e de Java.

 

Quanto ganha um desenvolvedor Python?

 

De acordo com a pesquisa “Panorama de Salários em Tecnologia 2018”,  a remuneração de um desenvolvedor pode ter várias variações conforme suas habilidades e suas experiências.

Por conta das especificidades do trabalho e das exigências de formação, o salário de um programador Python pode começar em R$ 3.000,00, para desenvolvedores júnior, e chegar até R$ 7.000,00. Esse valor depende de alguns fatores que falaremos a seguir.

Em uma comparação, esses valores estão compatíveis com outros cargos de desenvolvimento no mercado, como o desenvolvedor full-stack, que pode ganhar entre R$ 4.000,00 e R$ 8.000,00.

Já a média salarial de um desenvolvedor comum do back-end, que seria o foco de atuação de um código escrito em Python, é de R$ 6.456,00.

Esse valor acaba variando devido ao grau de experiência do programador. Um desenvolvedor iniciante, com menos de um ano de atuação, ganha em torno de R$5.000,00.  Até o terceiro ano, poderá ganhar R$ 5.469,00.

Entre 3 e 6 anos de experiência, o salto é maior: os vencimentos giram em torno de R$ 7.025,00. Acima de 6 anos, o profissional pode chegar a receber R$ 8.227,00.

Quando falamos da influência da linguagem Python no salário de um desenvolvedor back-end, a média é de R$ 6.373,00. Nesse quesito, ela fica atrás de outras linguagens de programação como Java e C#, que pagam R$6.603,00 e R$6.991,00 respectivamente.

Entretanto, um fator importante a ser levado em conta nesse aspecto é a área de atuação. Como já dissemos anteriormente, Python lida muito bem com a ciência de dados.

Por causa disso, no ramo de Business Intelligence, a valorização do desenvolvedor Python aumenta, e o salário pode chegar a R$ 7.180,00.

Vamos ressaltar que, no caso de programadores freelancer, esses valores podem variar devido a diversos outros fatores. Demanda, nível de produtividade do programador podem influenciar na quantia recebida pelo desenvolvedor.

 

Tenha vantagens sendo um especialista!

 

Neste artigo, você aprendeu as principais funções e responsabilidade de um desenvolvedor Python. Se você já está trilhando seu caminho nessa carreira, já deve ter percebido como se especializar pode ser um grande diferencial.

Caso você tenha interesse em crescer sua remuneração, você deve ter percebido como investir em Business Intelligence é uma boa opção. Pensando em te ajudar, trouxemos para você o curso Introdução ao Power BI 2.0!

O Power BI é um software da Microsoft criado para solução de problemas em BI. Com a capacitação de nosso curso, você aprenderá a levar o conceito de Business Intelligence para sua empresa, proporcionando inovação da forma de análise de dados e a compreender a interface do Power BI!

Aproveite e faça sua inscrição agora!

Curso de introdução ao power bi