Será que só engenheiros podem fazer o treinamento de Lean 6 Sigma? Sempre que alguém me faz esse questionamento eu rebato com uma outra pergunta: “Só estudantes de engenharia aprendem estatística durante a faculdade?”

A resposta é simples. É claro que não, afinal, até em um curso de Psicologia o aluno pode ter contato com estatística. Então quer dizer que qualquer pessoa pode se tornar um Green Belt ou Black Belt? Antes de responder esta pergunta vamos fazer uma breve reflexão...

Os engenheiros são, por definição, pessoas de raciocínio lógico que utilizam cálculos matemáticos para transformar números em processos eficientes e produtos funcionais.

Outra capacidade de seu perfil é a de saber transferir as ideias da prancheta para o mundo real, mas para que isso aconteça é preciso ter também uma boa compreensão de questões sociais e econômicas.

O que eu quero dizer é que, no mercado, existe uma linha muito tênue entre as diferentes áreas do conhecimento. Na prática, toda profissão tem um pouco de cada área, sem exceções. Vou te dar alguns exemplos que comprovam isto:.

Um médico da área de biológicas precisa ter conhecimento das ciências sociais para lidar com seus pacientes.

Um jornalista da área de humanas precisa ter conhecimento de exatas para interpretar números que darão credibilidade a uma notícia.

Um engenheiro precisa conhecer das ciências humanas para compreender o impacto social de uma nova tecnologia.

 

E o que isso tem a ver com a metodologia Lean 6 Sigma?

 

Tem a ver que se você acha que só um engenheiro ou um profissional da área das exatas pode aprender uma metodologia gerencial que envolve cálculos estatísticos, você está cometendo um grave erro.

Esse erro pode custar um cargo de trabalho melhor no futuro, já que as empresas estão procurando, cada vez mais, profissionais plurais, capazes de solucionar problemas e gerar resultados.

Os estudos da última década consolidaram a definição do termo Lean 6 Sigma como uma filosofia gerencial que permite às empresas potencializar seus lucros por meio do aprimoramento das operações, melhoria da qualidade e eliminação de defeitos, falhas e erros do processo.

Por ser tão ampla, esta é uma metodologia que não se restringe apenas a uma área, até porque ela é aplicada não só no setor operacional das empresas, mas também nas áreas administrativas.

Hoje a gente tem vários exemplos de bons resultados que o Lean 6 Sigma trouxe no RH, na área jurídica, no comercial e até no marketing de uma empresa.

Então, se em cada área administrativa dessas que eu citei, eu estou falando de colaboradores com formações diferentes, quer dizer que esta metodologia é indicada para administradores, publicitários, psicólogos, economistas, para os próprios engenheiros e diversos outros tipos de profissionais.

 

Então, qualquer pessoa pode fazer o treinamento de Lean 6 Sigma?

 

A resposta desta pergunta é SIM. Qualquer pessoa pode aprender e aplicar a metodologia. O único pré-requisito para fazer um treinamento em Lean 6 Sigma é estar disposto a encarar o desafio.

É preciso saber que no curso existe sim uma parte estatística extensa que faz parte da formação do profissional Seis Sigma, mas se você estiver interessado em aprender a aplicar a metodologia e topar encarar este desafio, você tem tudo para se tornar um profissional mais valorizado pelo mercado.

 

Busque estímulos!

 

Como exemplo, vamos analisar uma das consultorias recentemente ministradas por nós em uma empresa?

A organização que nos contratou prestava serviços e, a partir daí, seus funcionários focaram no aprendizado da estratégia. Desta maneira, uma das melhores propostas de projeto Lean Seis Sigma trouxe um ótimo desfecho.

A sugestão visava diminuir a rotatividade de funcionários na empresa e, ao aplicá-la, o resultado deu certo.

A idealizadora do planejamento é formada em psicologia e trabalhava no núcleo de Recursos Humanos. Então, é fácil perceber: não só engenheiros ou pessoas da área de exatas podem aprender e aplicar o Lean 6 Sigma.

 

Em que o Lean 6 Sigma pode me ajudar?

 

Para garantir o sucesso do Lean 6 Sigma e, consequentemente garantir sua grande contribuição ao alcance de resultados, é preciso treinar pessoas com perfil apropriado e já provamos aqui que isto não significa a necessidade de uma formação específica.

Os colaboradores devidamente treinados se transformarão em patrocinadores do programa e em especialistas na metodologia e nas ferramentas quantitativas e gerenciais, o que terá um grande reflexo nas suas áreas de atuação e nas chances de trilhar novos objetivos e caminhos.

Ao se comprometer com o aprendizado, as consequências serão visíveis em suas atividades. O Lean Seis Sigma pode ser um sistema possível para muitos, basta querer e ter força de vontade.

Convido você para conhecer os treinamentos de Lean Seis Sigma em nosso site e a se inscrever no curso de White Belt gratuito da Voitto. Será um prazer ajudá-lo em seu desenvolvimento profissional!

 

Treinamento Lean Seis Sigma - White Belt