Quando falamos de planejamento ágil não importa a metodologia que está sendo usada nas organizações. A sua proposta é permitir uma transformação ágil dentro das empresas.

Ouvimos falar muito de Scrum, Kanban, Lean, entre outras metodologias, mas é sempre um grande desafio aplicar esse métodos nas empresas. É por isso que vamos falar nesse artigo sobre o planejamento ágil.

Esse método de planejamento permite que as equipes estejam preparadas para a mudança ou união do método tradicional com a abordagem ágil. Quer saber mais? Confira abaixo os tópicos que vamos tratar nesse artigo:

  • Mas, o que é ágil?
  • O que é planejamento ágil?
  • Como funciona o planejamento ágil;
  • Etapas para aplicar um planejamento ágil.

Vamos aprender sobre planejamento ágil? Confira o próximo tópico!

 

Mas, o que é ágil?

 

Ágil é um termo que surgiu como uma alternativa para uma tomada de decisão dentro organizações no setor da tecnologia para o desenvolvimento de softwares. O seu objetivo é proporcionar um ambiente que desenvolva soluções eficientes e dinâmicas.

Esse conceito permite a padronização de processos, aplicação de práticas de excelência operacional com o foco em melhoria contínua. Todos esses conceitos são baseados em um documento chamado de Manifesto Ágil.

Esse documento deu a origem aos 12 princípios da metodologia ágil e 4 fundamentos essenciais para o gerenciamento de projetos adaptativos. Quando falamos de processos ágeis podemos citar vários como o Kanban e o Scrum, por exemplo.

O Curso de Introdução ao Agile Scrum é uma capacitação ideal para você quer conhecer mais sobre todos os assuntos tratados acima. Além disso você vai ser capaz de aprender como é a aplicação um projeto baseado nesse framework.

Clique no botão abaixo e conheça mais sobre o Scrum!

Curso de Introdução ao Agile Scrum

Como você já adquiriu o nosso curso e está interessado em conhecer o Scrum, deixe a aba do curso aberta e vamos entender o que é planejamento ágil.

 

O que é um planejamento ágil?

 

Planejamento Ágil é uma estratégia utilizada para realizar o roadmap de um projeto baseado nos métodos ágeis.

Esse método é uma forma de unir o ágil com o gerenciamento de projetos tradicional. Mas também é usado para auxiliar as organizações que estão no processos de transição da gestão tradicional para a ágil.

Para projetos que utilizam o seu gerenciamento fundamentado no Guia PMBOK, por exemplo, esse processo ocorre na etapa de desenvolvimento do cronograma. No qual é chamado, em inglês, de Agile Release Planning.

Não podemos deixar de citar que dentro das organizações é necessário desenvolver o planejamento estratégico. Para toda empresa que está no processo de aplicação da abordagem ágil, unido ou não ao método tradicional, existe a opção do planejamento estratégico ágil.

O nosso foco nesse artigo é entender como funciona o planejamento ágil para projetos, então vamos para o próximo tópico compreender mais sobre esse método.

 

Como funciona o planejamento ágil

 

O planejamento ágil para organizações que desejam unir o método ágil com o método tradicional é orientado à partir de uma estimativa de uma data final do projeto, diferente de um projeto apenas ágil.

Isso porque as metodologias ágeis, como o Scrum, ocorrem de forma cíclica em torno dos eventos e artefatos com entregas e melhorias contínuas para projetos de curto prazo.

O desenvolvimento de um planejamento ágil é feito com a elaboração do product backlog e a cada sprint há uma entrega que agrega valor ao final do projeto a longo prazo.

Essa prática garante que o time mantenha o foco, por meio das sprints, para que a entrega ocorra de acordo com o que foi planejado com excelência aplicando os fundamentos ágeis.

 

Etapas para aplicar um planejamento ágil

 

Nesse tópicos vamos falar sobre quais são as etapas para o desenvolvimento de um planejamento ágil e como ele pode ajudar na hora de organizar as atividades de um projetos de longo prazo. Confira a lista abaixo.

 

1. Visão geral

 

O primeiro passo para um planejamento ágil é responder a seguinte pergunta: “O que estamos construindo?”.

É a resposta que vai mostrar qual é o foco do projeto. Além disso, é importante definir tempo e recurso possuídos para que seja analisado a viabilidade do projeto.

 

2. Identificar os itens

 

Nessa etapa é feita a analise de quais são as premissas, restrições e também as prioridades do projeto. Separados os itens por ordem de preferência. 

O objetivo desse momento é criar um product backlog para que sejam decididos todos os requisitos sobre o projeto.

 

3. Definir as obrigações 

 

Como estamos falando de um projeto de longo prazo é importante analisar desde já quem serão os responsáveis por cada atividade. Para isso é necessário possuir um visão detalhada de todas as etapas, recursos e atividades do produto final.

 

4. Obter estimativas

 

É o momento de estimar quanto de tempo e recurso cada etapa e atividade vai demandar. É necessário elaborar um mapa do projeto para entender quais são as etapas mais importantes.

Essa etapa também auxilia na visualização de quais as etapas influenciam uma na outra. Assim então é possível prever a possibilidade de atraso, por exemplo, já podendo também ser analisadas possíveis soluções para o ocorrido. 

 

5. Desenvolver pensando no ágil

 

Como estamos falando de um planejamento que envolve métodos ágeis é importante que esse processo desenvolva objetos que produzam entregas funcionais.

É importante gerenciar que no andamento do projeto sejam feitas entregas que agreguem valor as partes interessadas. Nesse processo é importante que em todas as etapas estejam programadas alguma entrega.

 

6. Compartilhar e validar o planejamento

 

Nessa etapa é o ponto para que o que foi planejado seja colocado no papel como por exemplo um roteiro ou mapa, para que ser apresentado para toda a equipe. O ponto mais importante a ser analisado nesse momento é se todos os prazos estão estimados de forma realista.

Outra importante validação é a dos stakeholders para passar para eles se há necessidade de alguma modificação nas etapas ou entrega que foram programadas.

 

7. Continuar melhorando

 

Uma etapa muito importante de um método ágil é a melhoria contínua. Além de aplicar esse conceito no desenvolvimento do projeto é imprescindível a documentação de todos os processos para que seja feita uma avaliação do que foi feito.

Essa avaliação acontece em conjunto com as partes interessadas por meio de feedbacks para impulsionar e motivar a melhoria dos processos.

 

Aprenda mais sobre ágil

 

Nós entendemos durante todo o artigo que o planejamento ágil é uma forma de integrar o ágil com o modelo tradicional. Isso é também a implementação de uma metodologia híbrida.

Para liderar projetos dessa dimensão que implementam metodologias ágeis com o modelo tradicional é necessário a formação de Scrum Master.

Esse profissional vai além de um líder, ele é importante para garantir que o Scrum esteja sendo praticado de forma eficiente e eficaz.

O Curso de Formação em Agile Scrum Master EXIN é a capacitação que vai te preparar para monitorar projetos ágeis e implementar a cultura ágil na sua organização.

Clique no botão abaixo e seja um Scrum Master.

Curso de Formação em Scrum Master EXIN