Por que algumas pessoas parecem ganhar o dinheiro facilmente e outras precisam trabalhar duro para conseguir esse feito? Ou por que a maioria das pessoas que ganham em loterias acabam perdendo tudo? 

Para o autor do best-seller Os Segredos da Mente Milionária a resposta está no “modelo de dinheiro” - que são as crenças que cada um de nós carrega no subconsciente.

 

 

Ficou interessado(a)? Então, vamos lá!

 

Sobre a obra

 

A obra de enorme sucesso do autor T. Harv Eker ensina o leitor a enriquecer tendo a mentalidade e os hábitos das pessoas ricas.

O autor divide o livro em duas partes. Na primeira parte: “O seu modelo de dinheiro”, o autor aborda como a forma que fomos condicionados na infância em relação ao dinheiro influencia nas ações que tomamos hoje. Além disso, Eker ensina como modificar as crenças que bloqueiam o indivíduo a se tornar uma pessoa rica.

Já na segunda parte do livro: “Os arquivos de riqueza”, o autor retrata os 17 modos de pensar e agir que diferenciam uma pessoa de mentalidade rica de uma pessoa de mentalidade pobre. Ademais, T. Harv Eker sugere diversos exercícios práticos para a pessoa mudar a sua vida financeira.

Se você deseja se inteirar de todos os detalhes do livro, a edição completa está disponível para compra no link:

 


Sobre o autor

 

O milionário T. Harv Eker é palestrante motivacional e empreendedor. Atualmente é presidente da Peak Potentials Training, um empresa bem-sucedida de treinamento pessoal nos Estados Unidos e no Canadá. Essa empresa realiza cursos sobre os conceitos da mente milionária.

Em apenas dois anos e meio ele abriu o seu negócio e tornou-se milionário. Eker espalha o seu conhecimento sobre sucesso financeiro em seus seminários “Millionaire Mind Intensive”.

 

Esse livro é indicado para quem?

 

Esse livro é indicado para todos aqueles que querem enriquecer por meio da mudança de mentalidade e ao adquirir os hábitos de pessoas ricas.

 

Ideias principais do livro
 

  • O seu mundo interior (o seu pensamento e intenção) reflete no seu mundo exterior (resultados);

  • Muitas pessoas têm a ideia de que se você tem muito dinheiro não é uma pessoa bondosa e/ou generosa. Mas isso não passa de uma crença equivocada e você deve descartá-la para conseguir construir uma mentalidade rica;

  • A única maneira de você ganhar o que realmente merece é trabalhando com base nos seus resultados e não pelo tempo desprendido;

  • A maioria das pessoas deveria trabalhar por conta própria (em tempo parcial ou integral). Já que a grande maioria dos milionários tem o seu próprio negócio e se enriqueceu dessa forma;

  • O que mede a riqueza de uma pessoa é o seu patrimônio líquido e não os rendimentos, como acreditam muitas pessoas;

  • Se a pessoa tem a capacidade de administrar o seu próprio dinheiro ela vai ter sucesso financeiro;

  • Compre imóveis assim que puder;

  • Não tem como ser financeiramente livre sem ter rendimentos passivos;

  • Comprometa-se com o crescimento – se envolva sobre os temas: dinheiro, negócio, desenvolvimento pessoal;

  • Não deixe o medo te limitar.


Overview: O seu modelo de dinheiro


Na primeira parte, T. Harv Eker explica como cada um de nós foi educado a pensar e agir sobre as finanças e que cada um tem o seu “modelo de dinheiro”. E que esse modelo é criado através do “Processo de Manifestação que tem o seguinte raciocínio:

Os pensamentos te levam a ter sentimentos, estes conduzem as nossas ações e, por fim, as ações produzem resultados.

Esse modelo de dinheiro é criado desde quando você era criança. A forma que você foi programado a pensar e agir sobre o dinheiro. Mas como ocorreu esse condicionamento? O autor relata que ele ocorreu através de 3 principais maneiras:

 

1. Programação verbal: “o que você ouvia quando era criança”.

 

Nessa parte,T. Harv Eker nos mostra como o que ouvíamos sobre o dinheiro no passado reflete nos nossos pensamentos, afetando assim o nosso sentimento em relação a ele e, por fim, no modo com que agíamos.

Dessa forma, o autor fornece o exemplo das pessoas que desde cedo escutam frases do tipo: “os ricos são gananciosos”, “ricos são desonestos” ou qualquer outra frase que associe os ricos como “pessoas ruins”. Isso fez com que o subconsciente dessa pessoa fosse projetado para “não se tornar uma pessoa rica”.

 

2. Exemplo: “o que você via quando era criança”.

 

A segunda maneira que reflete na forma que você foi condicionado vem dos exemplos que você via quando era criança.

Quando criança, imitamos os nossos pais no modo de pensar e agir. Em relação ao dinheiro, a maioria tende a “imitar” ao modelo dos pais .No entanto, há também aqueles que se tornam o oposto deles. O exemplo que o autor aborda é o das pessoas que nascem pobres e se tornam ricas.

Se a criança sentia raiva da pobreza acaba se rebelando e fazendo de tudo para conseguir a riqueza. No entanto, a maioria não se sente feliz. Já que essa riqueza é fruto de um sentimento ruim, nesse caso da raiva.

Dessa forma, o autor enfatiza que a riqueza não lhe trará felicidade se ela for fruto de sentimentos ruins como a raiva, o medo, ou a necessidade de autoafirmação.

 

3. Episódios específicos: “que experiências você teve quando era criança”

 

A última maneira que faz parte da sua programação diz respeito às experiências com dinheiro que você teve quando criança.

Para se dissociar dessas três maneiras que são responsáveis pela sua programação hoje, o autor ensina que primeiramente você deve refletir sobre o que ouvia, via, e qual experiência você teve quando criança em relação ao dinheiro.

Com isso, você deve analisar se elas (as experiências) estão causando algum efeito na sua vida financeira atual. E, por fim, conscientizar-se de que elas se referem ao aprendizado passado e que você pode mudar.


 

 

Overview: Os arquivos da riqueza

 

Na segunda parte, T. Harv Eker explica os dezessete arquivos da riqueza que são os modos de pensar e agir que distinguem as pessoas ricas das pessoas pobres.

 

Arquivo da riqueza nº 1 “As pessoas ricas acreditam na seguinte ideia: ‘Eu crio a minha própria vida’.”

 

As pessoas de mentalidade rica acreditam que conseguem ter controle do sucesso financeiro, já que assumem as responsabilidades pelo o que acontece na vida.

No entanto, as pessoas de mentalidade pobre se colocam no papel de vítima, ou seja, culpam os outros, justificam e/ou vivem reclamando das coisas ruins que acontecem em sua própria vida. O autor ainda pontua a frase “aquilo que focalizamos se expande”, ou seja, quando focamos nas coisas negativas que estão acontecendo, atraímos essas coisas ruins ainda mais.

 

Arquivo da riqueza nº 2 “As pessoas ricas entram no jogo do dinheiro para ganhar”

 

As pessoas de mentalidade pobre preocupam-se com a sua segurança e sobrevivência, e não em conquistar uma grande fortuna. Diferindo totalmente das pessoas de mentalidade rica, que têm a preocupação em vencer.

 

Arquivo da riqueza nº 3 “As pessoas ricas assumem o compromisso de serem ricas”

 

O terceiro modo diz que as pessoas de mentalidade rica se arriscam para fazer fortuna. No entanto, as pessoas de mentalidade pobre apenas gostariam de se tornar ricas, mas não fazem nenhum esforço ou sacrifício pra isso acontecer.

T. Harv Eker ainda pontua que se você se comprometer a se tornar uma pessoa rica, o universo irá conspirar para que isso ocorra.

 

Arquivo da riqueza nº 4 “As pessoas ricas pensam grande”

 

Enfatizando mais uma vez que as pessoas de mentalidade rica se arriscam para fazer fortuna, T. Harv Eker complementa dizendo que elas pensam e agem grande, usam os seus talentos na vida pessoal e profissional. As pessoas de mentalidade pobre fazem o oposto disso.

 

Arquivo da riqueza nº 5 “As pessoas ricas focalizam oportunidades

 

Ao se depararem com um desafio, as pessoas de mentalidade rica o encaram porque veem nele uma oportunidade. No entanto, as pessoas de mentalidade pobre acreditam que precisam estar preparadas ou saber de tudo (o que é praticamente impossível) para assim poderem enfrentá-lo.

 

Arquivo da riqueza nº 6 “As pessoas ricas admiram outros indivíduos ricos e bem-sucedidos”

 

As pessoas de mentalidade pobre ressentem-se com o sucesso alheio. Já as pessoas de mentalidade rica admiram e vibram com as conquistas das pessoas bem-sucedidas.


Arquivo da riqueza nº 7 “As pessoas ricas buscam a companhia de indivíduos ricos e bem-sucedidos”

 

As pessoas de mentalidade rica imitam as pessoas ricas e bem sucedidas, já que veem nelas uma fonte de inspiração. Além de também preferirem estar em sua companhia, porque conseguem vibrar com o seu sucesso e extrair as estratégias de sucesso específicas. Ao contrário das pessoas de mentalidade pobre.

 

Arquivo da riqueza nº 8 “As pessoas ricas gostam de se promover”

 

Quem tem mentalidade rica sabe do seu valor e vê a necessidade de se autopromover, já que acredita que pode oferecer algo verdadeiramente útil para a pessoa, podendo se tornar rico. Já as pessoas de mentalidade pobre não conseguem apreciar essa autopromoção.

 

Arquivo da riqueza nº 9 “As pessoas ricas são maiores que os seus problemas”

 

Ao acreditar que você é maior do que os seus problemas e que pode lidar com eles, você assume o nono modo de pensar como uma pessoa de mentalidade rica. Quem pensa pequeno, no entanto, faz de tudo para evitar enfrentar os problemas.

 

Arquivo da riqueza nº 10 “As pessoas ricas são excelentes recebedoras

 

As pessoas de mentalidade rica são “excelentes recebedoras” porque acreditam serem merecedoras do que estão recebendo, seja através de um elogio ou das oportunidades que estão acontecendo em sua vida. Porém, quem tem mentalidade pobre acredita não ser merecedor de nada


Arquivo da riqueza nº 11 “As pessoas ricas preferem ser remuneradas por seus resultados”

 

As pessoas de mentalidade rica preferem ser remuneradas pelo seus resultados. Eker afirma que isso pode ser garantido se você abrir o seu próprio negócio, trabalhar por comissão ou receber uma porcentagem dos lucros, da receita ou das ações da empresa, por exemplo.

Contudo, as pessoas de mentalidade pobre preferem ser remuneradas pelo tempo despendido na realização de determinada atividade.

 

Arquivo da riqueza nº 12 “As pessoas ricas pensam: ‘posso ter as duas coisas’;”

 

Quem tem mentalidade rica acredita que pode ter duas coisas ao mesmo tempo. Por exemplo, que pode ter sucesso profissional e conseguir se divertir. No entanto, quem pensa pequeno crê que só se pode ter uma coisa ou outra.

 

Arquivo da riqueza nº 13 “As pessoas ricas focalizam o seu patrimônio líquido”

 

O patrimônio líquido é soma de tudo o que a pessoa possui (dinheiro, ações, títulos, imóveis, o seu negócio atual, a sua casa) menos o que ela deve. Para, T. Harv Eker quem foca nisso são as pessoas ricas. Enquanto as pessoas de mentalidade pobre focalizam nos rendimentos.

O autor ressalta que para concentrar no patrimônio líquido, você deve aumentar a sua poupança e rendimentos, aumentar o retorno dos seus investimentos e diminuir os gastos pessoais. Com isso, você deve criar um extrato dele, monitorá-lo e revisá-lo trimestralmente.

 

Arquivo da riqueza nº 14 “As pessoas ricas administram bem o seu dinheiro”

 

Nessa parte, T. Harv Eker declara que o outro fator que distingue as pessoas de mentalidade pobre com as pessoas ricas é o fato de que essas sabem administrar o seu dinheiro.

Para conseguir administrar o dinheiro, o autor sugere que:

 

  • Abra “Conta da Liberdade Financeira” e deposite 10% do dinheiro que receber (descontando imposto). Esse dinheiro só deve ser usado para investir e/ou para comprar ou criar os fluxos de rendimento passivo;

  • Abra a “Conta da Diversão” e deposite 10% do seu rendimento. Esse dinheiro é destinado para você gastar com o que quiser, ao final de cada mês você deve deixar essa conta “zerada”, porque isso o fará se “sentir rico”.

 

Coloque o restante do seu rendimento em outras quatro contas:

 

  • 10% para a “Conta de Poupança para Despesas ao Longo Prazo”;

  • 10% para a “Conta da Instrução Financeira”;

  • 50% para a “Conta das Necessidades Básicas”;

  • 10% para a “Conta das Doações”.

 

Arquivo da riqueza nº 15 “As pessoas ricas põem o seu dinheiro para dar duro para elas”

 

As pessoas ricas acreditam que trabalhar muito para se ter dinheiro é uma forma temporária e que podem ganhá-lo de forma passiva, ou seja, sem trabalhar. Dessa forma, se tornará “financeiramente livre”.

Mas como ganhar dinheiro de forma passiva? Isso pode ser feito por meio dos ganhos em investimentos (ações, fundos de investimentos…) ou nos ganhos de negócios (aluguel de imóveis, royalties, franqueamento de marcas…).

No entanto, as pessoas que pensam pequeno gastam todo o dinheiro que recebem e acreditam ter que sempre trabalhar muito, e não que essa forma é uma forma temporária.

 

Arquivo da riqueza nº 16 “As pessoas ricas agem apesar do medo”

 

Uma das maiores características que distinguem as pessoas de mentalidade rica com as pessoas de mentalidade pobre é que as primeiras agem, apesar da dúvida e do medo em relação ao dinheiro existirem, enquanto as segundas deixam esses sentimentos serem mais fortes do que elas.

 

Arquivo da riqueza nº 17 “As pessoas ricas aprendem e se aprimoram o tempo todo”

 

O último modo de pensar como uma pessoa rica diz que as pessoas de mentalidade rica são receptivas aos novos aprendizados, querem estar sempre crescendo seja no âmbito pessoal ou profissional. No entanto, as pessoas de mentalidade pobre ficam estagnadas por acreditarem que já “sabem de tudo”. E, além disso, não admitem os seus erros e nem aprendem com eles.

 

 

 

O que outros autores dizem a respeito?

 

Para Robert Kiyosaki, autor do best-seller Pai Rico, Pai Pobre, a jornada para o enriquecimento deve começar o mais cedo possível, e ela consiste na avaliação de suas finanças, criação de metas pessoais e busca pelo conhecimento necessário para atingir seus objetivos.

Paulo Vieira, autor do livro Fator de Enriquecimento diz que a jornada de enriquecimento é feita de picos e vales, esteja preparado e disposto a não parar no meio do caminho. Lembre-se de que o “não desistir” é que fará de você um milionário. Faça com que você tenha uma mentalidade de sucesso, seja capaz de ver a adversidade e seguir em frente, fazendo o que tem que ser feito.

Por fim, para o autor de Quem Pensa Enriquece, Napoleon Hill. o primeiro passo para se tornar rico é ter um forte desejo de ser rico. Pode parecer simples, não é? Mas esse desejo tem que ser um verdadeiro “sangue nos olhos” e possuir uma boa dose de persistência.

 

Certo, mas como posso aplicar isso na minha vida?

 

Utilize os conceitos que aprendeu aqui para melhorar a forma como você enxerga as questões financeiras. Utilize-as para fazer novas escolhas, tomar novas decisões para, assim, obter resultados diferentes.

Faça uma reflexão de cada um, tanto das três principais maneiras que interferiram no seu condicionamento (“Programação verbal”, “Exemplos”, “Episódios Específicos”) como dos princípios que distinguem uma pessoa de mentalidade rica da de mentalidade pobre. Como eles estão presentes na sua vida? O que você pode fazer para modificá-los?

No seu livro, T. Harv Eker fornece sugestões de exercícios pra você praticar cada um dos princípios e assim adquirir uma nova mentalidade.

 

O que achou?

 

O que achou do livro Os Segredos da Mente Milionária? Deixe o seu feedback, ele é muito importante para nós!

Se você deseja adquirir essa obra fantástica, é só clicar na capa dos livros da versão que preferir!


 

        

 

Finalmente você terá a oportunidade de estudar com referências em liderança e gestão e fazer parte de uma rede de alta performance para desenvolver habilidades e se preparar para o emprego dos sonhos!

A Voitto Premium é um plano de assinatura criado para quem está em busca de uma solução acessível para se preparar para os desafios do mercado.

No nosso clube de vantagens, os assinantes têm acesso aos cursos, mentorias, VoittoCast, Power Hacks, Let’s Grow, conteúdos exclusivos, além de uma rede de Networking conectada e engajada. Seja Premium!

 

 
Nota:
O conteúdo apresentado acima traduz a visão e análise crítica da nossa equipe de redatores, respeitando os fundamentos de propriedade intelectual no Brasil (artigo 8, inciso I).
Nenhuma parte do livro está sendo copiada. São conteúdos únicos e exclusivos, sempre dando créditos aos autores e indicando o link para aquisição da obra completa. A Voitto respeita o código de direitos autorais de acordo com o estabelecido na legislação brasileira, Lei 9.610/98.
Este conteúdo é de propriedade exclusiva da Voitto e está protegido pela Lei de Direitos Autorais em seus artigos 46, I, (a) e em seu artigo 47, isso porque não se trata de reprodução e também não lhe implicam qualquer descrédito, pelo contrário, o direito moral é protegido e, como ressaltado anteriormente, o leitor recebe um link para adquirir a obra. É proibida a reprodução deste material sem a autorização da empresa.