O sistema Lean de produção surgiu para ser implantado em grandes indústrias do setor automotivo, lembra-se? 

Alguns anos mais tarde, aos poucos, pequenas e médias empresas também começaram a adotar a metodologia, assim, os resultados expressivos, através de suas práticas e ferramentas de melhoria, também começaram a aparecer.

Confira: Lean Manufacturing: o que é e como funciona?

Porém, infelizmente, o sistema Lean de produção ainda é pouco visto como estratégico por pequenas organizações. Estas costumam adotar apenas algumas de suas ferramentas de forma isolada, não conquistando, assim, toda a melhoria de desempenho que este sistema enxuto proporciona.

Por experiência, podemos constatar que se compararmos proporcionalmente o número de empresas de grande porte com o restante, descobriremos que, na maioria das vezes, somente empresas de grande porte realmente mantém o sistema Lean de produção funcionando. Mas, por que isto acontece?

Isto está ligado a um grande erro de associação com a filosofia enxuta: muitos acreditam que, para implantar o sistema Lean de produção, são necessários altos investimentos que acabam não alcançando o retorno a curto e médio prazo Geralmente, onde as estratégias de pequenas e médias companhias estão mais voltadas.

Vamos desmistificar esta ideia?

 

3 motivos pelos quais sua empresa, seja de micro, pequeno ou médio porte, deve implementar o sistema Lean de produção

 

1. Aumente sua competitividade

 

Empresas de pequeno e médio porte, geralmente, possuem uma concorrência muito mais acirrada, não é mesmo? Por terem um número mais expressivo de concorrentes, não só locais e regionais, como também em mercados mais distantes, elas possuem uma dificuldade tremenda para expandir seus negócios.

É aí que entra o sistema Lean de produção! Para ampliar sua atuação, a empresa precisa ser mais competitiva!

Para isso, necessita-se de maior produtividade e qualidade em seus processos-chave.

Estes fatores são trazidos por uma boa implementação do Lean manufacturing que, busca entregar mais valor aos clientes buscando entender os processos produtivos da empresa para eliminar 8 desperdícios, entre eles: estoque, logística, espera e outros.

 

2. Torne hábitos e valores culturais mais eficientes

 

Adotar práticas e hábitos culturais mais eficientes não é uma tarefa fácil, afinal, esta premissa mexe com pessoas, não com máquinas (mais fáceis de gerenciar e controlar).

Para que processos sejam, de fato, mais produtivos, flexíveis e entreguem mais qualidade, eles precisam que os colaboradores envolvidos estejam engajados com uma filosofia de pensar e agir na busca de melhores resultados: ou seja, com o sistema de Lean produção.

É como o empresário e escritor norte-americano Michael Gerber escreveu em um de seus livros: “Para um negócio se tornar grande, antes de tudo, ele precisa pensar e agir como um”.

 

3. Alcançar a sustentabilidade de seus negócios

 

Dia a dia, pequenas companhias buscam pela sobrevivência em seus respectivos mercados. Elas mantêm suas estratégias mais voltadas ao curto e médio prazo. Porém, deixar de considerar metas de longo prazo pode ser muito prejudicial para o futuro de qualquer empreendimento.

É verdade que o sistema Lean de produção não dá resultados expressivos de imediato, mas ele garante que estes resultados sejam alcançados e que, talvez venham mais rápido do que você imagina.

O pulo do gato está em uma implantação alinhada aos objetivos estratégicos da organização, assim, se alcança a sustentabilidade.

 

Aprenda mais!

 

Agora que você já sabe porque toda empresa deve implementar o sistema Lean de produção, o que você acha de conhecer um pouco mais a respeito da filosofia Lean Manufacturing?

Confira já o curso de Introdução ao Lean Manufacturing da Voitto. Com ele você será capaz de aplicar os princípios do Lean Manufacturing e identificar os seus 8 desperdícios dentro da sua empresa, para assim, eliminá-los de uma vez por todas! 

 

Introdução ao Lean Manufacturing