O primeiro livro do autor Jeffrey Liker, “The Toyota Way” (2003), revolucionou a maneira pela qual a indústria enxergava a filosofia Lean de produção. Com o sucesso, muitas empresas ao redor do mundo decidiram implementar a metodologia.

No entanto, ele percebeu que muitas falharam em aplicar o Modelo Toyota pois apenas tentavam imitar o que funcionava na fábrica da gigante japonesa.

Pensando nisso e com a contribuição de Karyn Ross, Jeffrey apresenta nesse livro as melhores maneiras de compreender e vivenciar os princípios do Modelo Toyota dentro da sua empresa.

Ficou animado? Nesse resumo, vamos analisar os principais aspectos desse modelo!

 

Sobre a obra

 

Publicado em 2016 pela Editora McGraw Hill Education, “The Toyota Way to Service Excellence” (O Modelo Toyota de Excelência em Serviço, em tradução livre) rapidamente alcançou o topo das listas dos mais vendidos nos segmentos de Engenharia e gestão.

Com mais de 400 páginas divididas em 10 capítulos, a publicação traz 17 princípios essenciais para o funcionamento do Sistema Toyota de Produção, relacionados à filosofia, processo, pessoas e solução de problemas (o que os autores chamam de Modelo 4P)..

Para desenvolver suas ideias sobre cada fundamento, os autores fazem uso de exemplos reais e aplicações práticas da metodologia.

Ao longo do resumo, vamos analisar os pontos principais por trás de cada aspecto do modelo - filosofia, processo, pessoas e solução de problemas.

Para conhecer mais sobre as ideias dos autores, você pode adquirir o livro completo clicando no link:

 

Sobre os autores

 

Jeffrey K. Liker é professor de Engenharia Industrial e de Operações na University of Michigan. Ele é autor do best-seller “The Toyota Way: 14 Management Principles from the World’s Greatest Manufacturer” (O Modelo Toyota: 14 Princípios de Gestão do Maior Fabricante do Mundo).

Karyn Ross é consultora especializada em Lean. Já trabalhou com empresas como a Zurich Insurance (corretora de seguros) e Paychex. Karyn tem textos publicados nas revistas “The Lean Management Journal” e “Industrial Engineer”.

 

Esse livro é indicado para quem?

 

Essa obra é uma leitura obrigatória para todo profissional que deseja entregar serviços com excelência, em todos os níveis.

Além disso, é essencial para quem deseja adquirir maior conhecimento sobre a filosofia Lean, saber como esse método pode ser utilizado para instituir a melhoria contínua e o foco em oferecer excelência aos clientes.

 

Ideias principais do livro

 

Os pontos de destaque do Modelo Toyota são:

 

  • O propósito de uma organização deve ser perseguido com paixão e comprometimento, sempre se baseando nos valores essenciais;

  • Em uma cultura de entrega de excelência ao consumidor, é importante que todas as partes do processo aumentem o valor oferecido ao cliente;

  • Padrões nivelados de trabalho são importantes para manter a coesão interna;

  • Os líderes precisam treinar e implementar a cultura da empresa em seus comandados;

  • É importante alinhar de maneira equilibrada o foco no cliente com a qualidade intelectual dos colaboradores;

  • Os objetivos de melhoria devem estar alinhados com a estratégia geral da empresa;

  • A solução de problemas deve é uma oportunidade para criar novas e melhores técnicas;

  • O modelo 4P - Philosophy (filosofia), Process (processos), People (pessoas), Problem solving (resolução de problemas) - é a base para o funcionamento do método Toyota.

 

Então, vamos ao que interessa? Que tal analisar melhor cada um desses aspectos 4P?

 

Overview - Aspecto 1: filosofia

 

No primeiro aspecto do modelo 4P, os autores tratam da importância de se viver uma filosofia dentro da organização.

Eles explicam que esse aspecto é a fundação para a excelência em serviços e também para os outros três aspectos.

Basicamente, a filosofia é a noção que a empresa deve ter sobre sua visão de sucesso futuro, aliada à maneira que a empresa funciona para alcançar essa situação. Ela é responsável por fornecer propósito e direção aos esforços da empresa.

Para formular seu propósito, você pode se basear nas seguintes perguntas:

 

  • Como a minha organização vai contribuir com os consumidores?

  • Como ela pode ser a que mais contribui com os clientes?

  • Quais são os valores essenciais da empresa?

  • O que é importante para a organização em relação à sociedade?

 

Overview - Aspecto 2: processos

 

O próximo ponto tratado pelo modelo 4P de Liker são os processos. Inicialmente, os autores destacam que não existe uma solução simples e rápida para tornar os processos dentro de uma empresa mais enxutos.

Isso se dá pelo fato de os processos envolverem a interdependência de muitas pessoas e da maneira como as coisas são realizadas.

Eles explicam que o processo é ideal para os clientes é o de fluxo singular, ou seja, é direto: o cliente consegue pedir exatamente o que quer e recebe isso imediatamente, na quantidade necessária.

Os consumidores pagam por valor adicionado ao produto, não por outras atividades durante o processo produtivo. Basicamente, esse fluxo singular significa adição de valor ao produto durante cada etapa.

A análise desse aspecto é dividida em duas partes:

 

Macroprocessos

 

Aqui, o foco é nas soluções maiores, que devem ser lideradas por gerentes sênior. Pode-se mapear como o fluxo de material e informação percorre através dos processos até chegar no consumidor.

Os autores definem algumas práticas para conduzir os macroprocessos da melhor forma:

 

  • Entender profundamente as necessidades dos clientes;

  • Buscar sempre o fluxo singular de valor;

  • Implementar padrões de trabalho nivelados, sem grandes grandes picos ou vales ao longo do fluxo;

 

Microprocessos

 

Aqui é onde são realizadas as ações formuladas no desenho dos macroprocessos. Nos microprocessos são realizadas as principais contribuições diárias com a melhoria contínua através da organização.

Neles são realizados desafios que surgem diariamente e, a partir de ciclos PDCA diários, a empresa segue melhorando e continua firme na direção da visão estabelecida.

As práticas sugeridas são:

 

  • Estabilizar e continuamente adaptar padrões de trabalho;

  • Gerenciar visualmente os processos, facilitando a comparação e análise;

  • Construir qualidade a cada etapa;

  • Fazer uso de tecnologia para facilitar o desenvolvimento das pessoas.

 

Overview - Aspecto 3: pessoas

 

No livro Everybody Matters, Bob Chapman cita que a grande maioria das empresas replica que os seus funcionários são seu bem mais valioso, quando na prática os tratam de maneira desrespeitosa.

No Modelo Toyota, por outro lado, acredita-se que a melhor forma de se demonstrar respeito aos colaboradores é continuamente incentivá-los a melhorar.

Eles são continuamente desafiados a atingir altos níveis de desempenho, ao mesmo tempo em que são treinados e mentorados.

Isso mostra a sua importância dentro da empresa e favorece o seu desenvolvimento dentro e fora da organização.

Durante uma transformação para uma empresa Lean, as seguintes práticas devem ser seguidas:

 

  • Organizar as pessoas de maneira que equilibre seu nível de especialidade e seu foco no cliente;

  • Desenvolver uma cultura de satisfação do cliente dentro da organização;

  • Integrar parceiros externos a essa cultura;

  • Desenvolver habilidades e mentalidade que apoiem essa cultura;

  • Desenvolver líderes como mentores de equipes que estão constantemente evoluindo;

  • Equilibrar recompensas.

 

Os autores citam diversas vezes ao longo do livro a importância da formação de líderes que sejam capazes de identificar, motivar e contribuir com os pontos fortes da sua equipe.

Para isso, a Voitto oferece um curso completo de Formação de Líder Coach. Não perca a oportunidade! Inscreva-se já:

 

 

Overview - Aspecto 4: resolução de problemas

 

Por fim, na última parte do Modelo 4P, situa-se a resolução de problemas, que representa o contínuo aprendizado organizacional.

A ideia principal desse aspecto é trabalhar para que a resolução de problemas deixe de ser encarada apenas como uma prática reativa, mas sim como uma maneira inspiradora de aumentar o padrão de excelência naquela parte que apresentou desvios.

Para isso, é importante que as técnicas do ciclo PDCA sejam compreendidas por colaboradores em todos os níveis da empresa. Isso permite que os objetivos estejam alinhados à estratégia de longo prazo da empresa.

 

O que outros autores dizem a respeito?

 

Para Marcus Buckingham e Donald Clifton, autores do livro Descubra Seus Pontos Fortes, para aumentar a produtividade da empresa, o segredo é focar nos pontos fortes dos funcionários ao invés de viver tentando melhorar os pontos fracos.

No livro Scaling Up, o autor Verne Harnish dá algumas dicas para a busca da melhoria contínua, como por exemplo:

  • O feedback dos colaboradores deve ser constantemente recolhido, visando identificar obstáculos e oportunidades de melhoria;

  • O ritmo de comunicação deve ser bem estabelecido, fazendo com o que o fluxo de informação dentro da organização seja rápido e preciso.

Por fim, em Sonho Grande, Cristiane Correa  ressalta a importância de manter um processo de melhoria contínua para alcançar seus objetivos. Suas ideias foram inspiradas nas visões dos empreendedores mais ricos do Brasil. É possível extrair lições excelentes para aplicar em seu percurso empreendedor e, assim, alcançar resultados surpreendentes. Além disso, buscar a tão sonhada independência financeira.

 

Certo, mas como posso aplicar isso na minha vida?

 

Para implementar os princípios do Modelo Toyota na sua realidade, os autores sugerem algumas dicas:

 

  • A jornada da busca pela eficiência precisa ser abraçada profundamente pelos líderes da empresa;

  • Toda empresa deve desenvolver seu próprio modelo, não apenas copiar o que deu certo em outra circunstância;

  • Líderes em todos os níveis devem ser treinados no processo de melhoria contínua;

  • As pessoas que ocupam os níveis mais altos de liderança devem aprender pela prática antes de poder treinar os níveis abaixo;

  • Uma cadeia de mentoria deve ser estabelecida dentro da organização;

  • Os gerentes devem ser exemplos de gestão focada na satisfação do cliente;

  • Qualquer desvio nos padrões de excelência deve ser tratado como oportunidade de aprendizado e de melhoria.

 

E aí, o que achou?

 

Gostou do resumo? Deixe seu feedback para conhecermos sua opinião!

É importante lembrar que esse texto se trata de uma síntese das ideias principais do livro. Portanto, para conhecer as ideias desenvolvidas pelo autor, você pode comprar a edição completa do livro clicando abaixo:

 

 

Finalmente você terá a oportunidade de estudar com referências em liderança e gestão e fazer parte de uma rede de alta performance para desenvolver habilidades e se preparar para o emprego dos sonhos!

A Voitto Premium é um plano de assinatura criado para quem está em busca de uma solução acessível para se preparar para os desafios do mercado.

No nosso clube de vantagens, os assinantes têm acesso aos cursos, mentorias, VoittoCast, Power Hacks, Let’s Grow, conteúdos exclusivos, além de uma rede de Networking conectada e engajada. Seja Premium!

 

 

Nota:
O conteúdo apresentado acima traduz a visão e análise crítica da nossa equipe de redatores, respeitando os fundamentos de propriedade intelectual no Brasil (artigo 8, inciso I).
Nenhuma parte do livro está sendo copiada. São conteúdos únicos e exclusivos, sempre dando créditos aos autores e indicando o link para aquisição da obra completa. A Voitto respeita o código de direitos autorais de acordo com o estabelecido na legislação brasileira, Lei 9.610/98.
Este conteúdo é de propriedade exclusiva da Voitto e está protegido pela Lei de Direitos Autorais em seus artigos 46, I, (a) e em seu artigo 47, isso porque não se trata de reprodução e também não lhe implicam qualquer descrédito, pelo contrário, o direito moral é protegido e, como ressaltado anteriormente, o leitor recebe um link para adquirir a obra. É proibida a reprodução deste material sem a autorização da empresa.