Qual é a primeira coisa que vem em sua mente quando você ouve a palavra “marketing”? A maioria das pessoas responde “propaganda”. Essas duas atividades foram associadas de maneira tão forte que se tornaram quase sinônimos.

No entanto, o mundo mudou, e o marketing mudou com ele. A propaganda hoje em dia não passa de apenas mais uma ferramenta usada pelas empresas para alcançar o sucesso.

Por isso, é importante obtermos uma compreensão mais ampla e profunda sobre o que é marketing, que vai muito além de apenas propagandas.

Nesse livro, o autor Seth Godin ensina a enxergar e realmente entender aquelas pessoas que você deseja influenciar. Ficou interessado? Então vem comigo!

 

Sobre a obra

 

Publicado em 2018 nos Estados Unidos, o livro traz uma nova abordagem sobre o conceito e técnicas de marketing mais adequadas ao mundo atual, totalmente imerso na Internet e nas redes sociais.

Com leitura fácil, a obra traz em seus 23 capítulos diversos estudos de caso que fundamentam as ideias do autor.

Para conhecer mais sobre tais conceitos e princípios, você pode adquirir a versão completa do livro clicando abaixo:

 

 

Sobre o autor

 

Seth Godin é um empreendedor, educador, autor e palestrante nos tópicos de marketing e liderança. Ele já fundou duas empresas e escreveu 18 livros, entre eles os best-sellers “A Vaca Roxa” e “O Melhor do Mundo”.

Além disso, trabalhou como Vice-Presidente de Marketing no Yahoo e é membro do Hall da Fama do Marketing.

 

Esse livro é indicado para quem?

 

O conteúdo disposto no livro é essencial para publicitários em busca de novas ideias e inspiração, que procuram entender como podem se adaptar a toda essa nova realidade do mundo atual.

Além disso, a obra é indicada para pessoas que querem conhecer mais sobre marketing e, mais do que isso, aprender a identificar e a se defender de manipulações.

 

Ideias principais do livro

 

Os pontos de destaque do livro são:

 

  • O marketing sempre busca aumentar. Aumentar sua fatia de mercado, aumentar seus clientes e aumentar seu trabalho;

  • Marketing é guiado pela melhoria. Melhores serviços, melhor vida em comunidade e melhores resultados;

  • Marketing cria uma cultura;

  • Marketing representa mudança;

  • Ao mudar a cultura, você muda o mundo;

  • Os “marketeiros” são responsáveis pela mudança;

  • Nós estamos usando o marketing o tempo todo, por isso temos a habilidade de mudar o mundo (mais do que imaginamos);

  • Nós temos a obrigação de fazer um marketing do qual nos orgulhamos.

 

Overview: a internet

 

Antigamente, se uma empresa quisesse atingir as massas ela precisava pagar por anúncios na TV, que atingiriam milhões de pessoas todos os dias, já que essa era a principal forma de entretenimento.

No entanto, isso mudou com o advento da internet. A atenção das pessoas está dividida entre TV, celular, Netflix, Youtube, entre diversas outras formas de mídia.

O autor explica que a internet mudou as regras do jogo. Ela é o meio de comunicação mais massivo que já foi criado, pois conecta bilhões de pessoas. Ao mesmo tempo, ela pode ser o que atinge menos pessoas, já que cada usuário pode personalizar sua “versão” da internet, com feeds do Facebook e Twitter totalmente customizáveis, por exemplo.

Isso permite que você atinja precisamente o grupo que você deseja, a qualquer momento e em qualquer lugar do mundo. Além disso, outra vantagem da internet é que você consegue medir os resultados da sua publicidade de maneira exata, permitindo que você otimize seu conteúdo.

O problema é que todos os seus concorrentes também têm acesso a todos esses benefícios. Dessa forma, fica evidente a importância de se utilizar uma abordagem diferenciada.

Para isso, Seth Godin sugere alguns passos para realizar marketing efetivo, que serão analisados logo a seguir.

 

Overview: primeiro passo

 

O pontapé inicial é fácil de se entender, mas muito difícil de fazer: você precisa criar algo que valha a pena ser comprado. Isso normalmente é entendida como uma tarefa feita apenas por designers.

No entanto, Godin explica que os profissionais de marketing desempenham um importante papel no desenvolvimento de um novo produto ou serviço.

O marketing efetivo começa com a identificação das necessidades e desejos intrínsecos das pessoas. Normalmente, estão relacionados a diferentes aspirações emocionais, como aventura, conexão, liberdade, tranquilidade e força.

De acordo com o autor, um produto que valha a pena ser comprado responde a uma ou várias dessas aspirações emocionais.

Como exemplo, Seth cita a situação de um homem que deseja comprar um SUV por estar atraído pelas suas capacidades “fora de estrada”, de superar obstáculos em estradas de chão e atravessar terrenos difíceis.

No fim das contas, o homem pode nunca ir de fato fazer um “rally” com o carro, mas apenas saber que ele pode fazer isso já é suficiente para motivar a compra, pois isso satisfaz a sua sede de aventura.

Portanto, o autor nos mostra que o marketing eficiente começa já no primeiro estágio de desenvolvimento. Depois de identificar as aspirações das pessoas, ele guia todo o processo para construir produtos que satisfaçam essas necessidades e desejos.

 

Overview: segundo passo

 

O próximo passo do marketing eficiente é relacionado com a ideia de que é impossível agradar a todos, pois as pessoas são diferentes, por isso querem coisas diferentes. Mas isso não faz com que elas deixem de ser seu público.

Para isso, o autor sugere dividir sua audiência em dois grupos: os adotantes e os adaptadores.

Os adotantes são aqueles que abraçam coisas novas. Eles adoram a sensação de descobrir algo que é mais eficiente e inovador do que o que eles estavam acostumados antes.

Por outro lado, os adaptadores fogem de coisas novas. Eles preferem a segurança de lidar apenas com objetos com os quais já estão familiarizados.

Seth Godin fala que a distinção entre esses dois grupos é essencial, uma vez que o produto que você está oferecendo será algo novo para qualquer pessoa que ainda não o comprou.

Por isso, é muito mais provável que você consiga persuadir os adotantes do que os adaptadores, pois está na sua natureza aceitar e testar coisas novas.

Dessa forma, o segundo passo consiste em focar nos adotantes, pois eles vão constituir seu mercado mínimo viável - o menor número de pessoas que vai tornar seu produto lucrativo. Esse conceito é similar ao de Produto Mínimo Viável, que também já explicamos aqui no blog!

 

Overview: terceiro passo

 

Segundo o autor, uma tribo é um grupo de pessoas que confraternizam entre si e compartilham a mesma visão de mundo - o conjunto de hipóteses através do qual elas enxergam o mundo ao redor.

É essa visão de mundo que determina como elas vão perseguir seus valores, desejos e necessidades. Pensando nisso, o próximo passo consiste em criar, conectar e liderar tribos contando histórias que ressoam na visão de mundo de seus membros.

Ao contar histórias, é possível fazer uma promessa e se conectar com o público utilizando uma linguagem que eles vão compreender.

Dessa forma, você consegue começar a reunir pessoas que desejam e acreditam no que você está oferecendo. Elas podem ser consideradas como “fãs” do seu produto.

 

Overview: quarto passo

 

Por fim, depois de começar a aumentar o número de fãs, seu próximo passo é persuadir essas pessoas a de fato adquirirem seu produto.

De acordo com o autor, a chave para fazer isso é criar uma tensão - uma sensação desconfortável de pressão para a qual o seu produto oferece o antídoto.

Uma forma de fazer isso é desafiar sua condição. A maioria das pessoas quer se manter dentro da tribo. A sua missão é fazer com que o seu produto seja adotado como parte essencial do grupo.

Por exemplo, na frase “as pessoas como nós fazem as coisas X, Y e Z”, o seu produto se transforma em uma das variáveis. Isso faz com que a sua oferta faça parte da cultura da tribo e força as pessoas a comprarem seu produto se quiserem continuar dentro do grupo.

 

O que outros autores dizem a respeito?

 

No livro Launch, o autor Jeff Walker apresenta um guia sobre como vender produtos na internet, considerando todos os desafios e dificuldades de se fazer um marketing digital eficiente.

Em Selling With Emotional Intelligence , Mitch Anthony destaca ideias que prometem triplicar suas vendas em questão de meses, ao trabalhar com a inteligência emocional dos seus clientes.

Por fim, Jonah Berger explica na obra Contágio: Por Que as Coisas Pegam como fazer com que seus produtos se tornem um hábito na vida das pessoas.

 

Certo, mas como posso aplicar isso na minha vida?

 

Depois de apresentar todos os princípios do livro, o autor oferece uma série de questões que devem ser respondidas para que uma estratégia de marketing eficiente seja criada e aplicada na prática.

As perguntas são:

 

  • Para quem é?

  • Qual é a visão de mundo do público que desejo atingir?

  • Do que eles têm medo?

  • Qual história eu vou contar?

  • Qual é a transformação que eu quero fazer?

  • Como isso vai mudar sua condição?

  • Como isso vai atingir os adotantes?

  • Por que eles vão contar para os amigos sobre isso?

  • O que eles vão contar para os amigos?

  • Qual é o valor que está sendo construído?

  • Eu estou orgulhoso?

 

E aí, o que achou?

 

Gostou do livro? Deixe seu comentário abaixo para sabermos sua opinião!

Além disso, se deseja se inteirar sobre todos os princípios e conceitos apresentados no livro, a versão completa está disponível para compra abaixo:

 

 

Finalmente você terá a oportunidade de estudar com referências em liderança e gestão e fazer parte de uma rede de alta performance para desenvolver habilidades e se preparar para o emprego dos sonhos!

A Voitto Premium é um plano de assinatura criado para quem está em busca de uma solução acessível para se preparar para os desafios do mercado.

No nosso clube de vantagens, os assinantes têm acesso aos cursos, mentorias, VoittoCast, Power Hacks, Let’s Grow, conteúdos exclusivos, além de uma rede de Networking conectada e engajada. Seja Premium!

 

Nota:
O conteúdo apresentado acima traduz a visão e análise crítica da nossa equipe de redatores, respeitando os fundamentos de propriedade intelectual no Brasil (artigo 8, inciso I).
Nenhuma parte do livro está sendo copiada. São conteúdos únicos e exclusivos, sempre dando créditos aos autores e indicando o link para aquisição da obra completa. A Voitto respeita o código de direitos autorais de acordo com o estabelecido na legislação brasileira, Lei 9.610/98.
Este conteúdo é de propriedade exclusiva da Voitto e está protegido pela Lei de Direitos Autorais em seus artigos 46, I, (a) e em seu artigo 47, isso porque não se trata de reprodução e também não lhe implicam qualquer descrédito, pelo contrário, o direito moral é protegido e, como ressaltado anteriormente, o leitor recebe um link para adquirir a obra. É proibida a reprodução deste material sem a autorização da empresa.