Você se sente em controle com relação ao seu negócio? Você está tendo lucros? Você se sente estagnado? Você tem a impressão de que nada que você faça vai conseguir mudar os rumos da empresa?

Todos esses sentimentos são comuns entre empreendedores, especialmente naqueles que estão começando um pequeno negócio. Pensando nisso, Gino Wickman descreve neste livro os seis componentes essenciais para alcançar um negócio lucrativo e sem frustrações.

Ficou curioso? Continue comigo que eu te conto mais!

 

Sobre a obra

 

"Traction", de tradução livre "Tração" foi publicada originalmente em 2007, nos Estados Unidos.

Em 10 capítulos, o autor apresenta o método desenvolvido por sua empresa de desenvolvimento de líderes, o “Entrepreneurial Operating System” (EOS), de tradução livre “Sistema Operacional Empreendedor”. Esse sistema é composto por 6 componentes fundamentais, explicados a fundo no livro.

O objetivo do sistema é indicar diretrizes para líderes que desejam melhorar seus resultados e ter controle do seu negócio. Além disso, o autor cita diversos exemplos de clientes de sua empresa que fizeram uso desse método.

Para conhecer mais sobre o sistema desenvolvido por Gino Wickman, você pode comprar o livro completo clicando no link:

 

Sobre o autor

 

Gino Wickman é um empreendedor desde os 21 anos. Com sua experiência, ele desenvolveu o que chama de "Entrepreneurial Operating System" (Sistema operacional empreendedor) e fundou uma empresa de desenvolvimento de líderes, a EOS Worldwide.

Gino é autor e escreveu o também best-seller "Get a Grip".

 

Esse livro é indicado para quem?

 

O conteúdo do livro é interessante para qualquer empreendedor que precisa definir direções para seu negócio, visando o crescimento sustentável e alcançar o sucesso duradouro.

Basicamente, é interessante para pessoas que desejam saber como sistematizar os processos dentro de uma empresa.

 

Ideias principais do livro

 

Os pontos de destaque do livro são:

 

  • Ter uma visão bem definida é fundamental para o sucesso de qualquer empreendimento, pois é ela que dita as ações e pensamentos dentro da organização;

  • As pessoas são responsáveis por transformar a visão em uma cultura corporativa;

  • As reuniões são parte essencial do sucesso de uma empresa, desde que sejam bem feitas;

  • Os problemas não são sinais de fraqueza, mas sim oportunidades de crescimento;

  • A tração é o que faz a visão se transformar em resultados;

  • Os seis componentes do sistema EOS são: visão, pessoas, dados, problemas, processos e tração.

 

Nesse resumo, vamos analisar cada um desses componentes. Está pronto? Vamos lá!

 

Overview - Componente 1: visão

 

Os empreendedores de sucesso possuem uma visão atrativa e bem definida para o seu negócio. Além disso, eles sabem como comunicar essa mensagem aos colaboradores.

A partir disso, é criada uma diretriz a ser seguida por todos dentro da organização, utilizada sempre para desenvolver as soluções e guiar as ações estratégicas.

Portanto, é uma parte fundamental do sucesso de qualquer empresa. De acordo com o EOS, durante a concepção da visão, devem ser respondidas as seguintes perguntas:
 

  • "Quais são seus valores principais?": são os princípios que, se bem implementados, vão se tornar a cultura da sua empresa;

  • "Qual é o seu foco principal?": aquilo em que sua equipe deve focar ao construir seu negócio;

  • "Qual é o seu objetivo para os próximos 10 anos?": onde você quer que seu negócio esteja em 10 anos?;

  • "Qual é a sua estratégia de marketing?";

  • "Qual é o seu foco em 3 anos?": planejamento estratégico detalhado para os primeiros três anos;

  • “Qual é o seu plano de 1 ano?": é a maneira pela qual você vai transformar a sua visão de longo prazo do seu negócio em realidade;

  • "Quais são suas prioridades trimestrais?": o autor chama essas prioridades de "pedras";

  • "Quais são seus problemas?": os obstáculos em seu caminho que te impedem de atingir seus objetivos.

 

Overview - Componente 2: pessoas

 

O segundo componente do sistema de operação empreendedora desenvolvido pelo autor são as pessoas. De acordo com ele, o ponto fundamental nesse componente é alocar as pessoas certas nos lugares certos.

Mas o que o autor quer dizer com isso? Como saber quais são as pessoas certas e como descobrir o seu lugar correto? Vamos entender isso por partes.

Inicialmente, por "pessoas certas" o autor quer dizer pessoas que compreendem e compartilham dos valores e da visão da empresa. Dessa forma, elas vão se adaptar mais facilmente e ajudar no estabelecimento de uma forte cultura corporativa.

Depois de selecionadas as pessoas mais adequadas à sua organização, o próximo passo é colocá-las nos “lugares certos”. Isso significa alocar pessoas em funções nas quais elas possam atingir o seu potencial.

Para saber se a pessoa é adequada para aquele lugar, ela deve passar no teste “GWC” (Get it, Want it, Capacity to do it): a pessoa deve entender as obrigações daquela função, deve querer assumir esse papel e precisa ter a capacidade técnica para isso.

O autor identifica as principais funções dentro de uma empresa:

 

 

Além disso, Gino explica que existem mais dois papéis fundamentais para o sucesso de um empreendimento:

 

  • Integrador: é o responsável por integrar e relacionar as principais funções da empresa. Essas pessoas possuem a capacidade de gerenciar o negócio e controlar os problemas do cotidiano;

  • Visionário: normalmente, é o fundador da empresa. São pessoas criativas, que buscam diferentes ideias para a empresa e solucionam os maiores problemas.

 

Overview - Componente 3: dados

 

Todo empreendedor de sucesso precisa manter um controle dos rumos do seu negócio. E, pelo sistema EOS, a melhor maneira de se fazer isso é através da análise de dados.

O autor explica que um acompanhamento eficiente dos números da empresa promove a capacidade de identificar os problemas de forma mais rápida, ou até mesmo prever problemas.

Com isso, é possível desenvolver soluções antes que os problemas causem danos mais graves.

De acordo com Wickman, as métricas são esclarecedoras para toda a equipe sobre a situação da empresa, além de aumentar o comprometimento, já que podem servir para criar uma competição sadia dentro da organização e incentivar o trabalho em equipe.

 

Overview - Componente 4: problemas

 

É normal encontrar problemas. Por isso, o autor explica que é essencial que o líder entenda isso e trate-os como uma forma de crescimento ao invés de um sinal de fraqueza. O sistema EOS sugere que você liste os problemas em três conjuntos separados:

 

  • Problemas que podem ser adiados e resolvidos em mais de 90 dias. São questões que não precisam de prioridade no momento, mas que devem ser identificadas e registradas para que não se percam pelo caminho;

  • Problemas de liderança que necessitam ser resolvidos na atual semana. Essas problemáticas devem ser apresentadas e solucionadas durante as reuniões com os líderes de equipe;

  • Problemas departamentais que devem ser resolvidos nas próximas semanas, mas são questões mais locais e específicas de um setor.

 

Identificados e listados os problemas, o autor sugere agora um guia sobre como atacar essas questões da melhor forma:

 

  • Identificar: isso envolve analisar a fundo e descobrir a causa raiz do problema. Muitas vezes, o problema apresentado é apenas algo superficial causado por uma falha bem maior por trás.

  • Discutir: nessa etapa, todos os envolvidos na questão devem ser estimulados a dar suas opiniões sobre as causas e realizar um brainstorm sobre as possíveis soluções.

  • Resolver: depois de definida a melhor solução, é preciso colocá-la em prática. É importante que a resolução seja bem gerenciada, com uma lista de afazeres e uma data limite.

 

Overview - Componente 5: processos

 

De acordo com o autor, os processos representam a maneira pela qual você toca o seu negócio. Ele explica que esse componente é um dos mais negligenciados do sistema, o que cria ineficiências e inconsistências.

Por isso, o sistema EOS sugere a seguinte abordagem para os processos:

 

  • Identifique seus processos principais: são os processos utilizados por cada setor da empresa (RH, marketing, comercial, etc);

  • Documente cada um de seus processos principais: isso pode ser feito pela pessoa responsável pelo processo. É preciso construir um guia com os procedimentos necessários para a sua realização, de maneira que uma pessoa que não esteja familiarizada consiga conduzir o processo, caso necessário;

  • Preserve: essa é a parte mais fácil. Você deve manter esses documentos em um lugar seguro e acessível por todos da empresa.

 

Overview - Componente 6: tração

 

Esse é o componente que dá nome ao livro. Em uma analogia com um carro, seria o momento em que a borracha do pneu encontra o asfalto e leva o carro para frente.

Basicamente, a ideia desse componente é transformar a visão instituída na primeira etapa em resultados reais. E é nessa parte que, segundo o autor, a maioria dos empreendimentos encontra maior dificuldade.

Por sorte, a solução apresentada por Gino é relativamente simples e está baseada em dois pilares: prioridades e reuniões.

Antes de tudo, todos dentro da organização devem ter prioridades específicas bem estabelecidas. É importante que essas prioridades sejam medidas de alguma forma para acompanhar seu progresso (lembra da importância das métricas?).

O autor acredita que as reuniões são os “batimentos cardíacos” da empresa. Quando são bem conduzidas, as reuniões servem como uma maneira dos envolvidos em um projeto atingirem o alinhamento necessário para alcançar os objetivos.

Gino indica reuniões semanais rápidas para acompanhamento das prioridades e solução de pequenos problemas. Além dessas, é importante realizar reuniões trimestrais, nas quais é revisado o seu progresso de acordo com a visão da empresa e são definidas as prioridades para o próximo trimestre.

 

O que outros autores dizem a respeito?

 

No recomendadíssimo livro Pipeline de Liderança os autores Ram C., Stephen D. e James N. explicam quais são as 7 fases de liderança e as 6 transições entre elas que um líder deve passar para alcançar um nível ótimo de gestão.

Para John C. Maxwell, autor do Livro de Ouro da Liderança os melhores líderes são aqueles que sabem ouvir. Ouvintes sabem o que está acontecendo porque são atentos. Eles aprendem melhor que os outros porque absorvem de vários lugares. Além disso, bons ouvintes têm a capacidade de enxergar melhor os pontos fortes e fracos das outras pessoas.

Por fim, em o Gestor Eficaz, Peter F. Drucker esclarece que executivos podem ser brilhantes, imaginativos e informados, e ainda assim serem ineficientes. Executivos eficazes são sistemáticos. Eles trabalham duro nas áreas certas e seus resultados os definem. São profissionais do conhecimento que ajudam a empresa a bater suas metas.

 

Certo, mas como posso aplicar isso na minha vida?

 

O conteúdo do livro é amplamente prático, com sugestões de ações a serem tomadas sobre cada componente do empreendimento.

Para aplicá-las com sucesso em sua organização, siga as seguintes dicas:

 

  • Desenvolva um organograma com as responsabilidades de cada um dentro da empresa;

  • Estabeleça um cronograma de reuniões (semanais e trimestrais);

  • Mantenha suas métricas sempre atualizadas;

  • Nunca esqueça da sua visão.

 

E aí, o que achou?

 

Gostou da resenha? Deixe seu feedback para sabermos sua opinião!

Além disso, se deseja conhecer todas as ideias e exemplos do autor, você pode adquirir a versão completa clicando abaixo:

 

 

Finalmente você terá a oportunidade de estudar com referências em liderança e gestão e fazer parte de uma rede de alta performance para desenvolver habilidades e se preparar para o emprego dos sonhos!

A Voitto Premium é um plano de assinatura criado para quem está em busca de uma solução acessível para se preparar para os desafios do mercado.

No nosso clube de vantagens, os assinantes têm acesso aos cursos, mentorias, VoittoCast, Power Hacks, Let’s Grow, conteúdos exclusivos, além de uma rede de Networking conectada e engajada. Seja Premium!

 


Nota:

O conteúdo apresentado acima traduz a visão e análise crítica da nossa equipe de redatores, respeitando os fundamentos de propriedade intelectual no Brasil (artigo 8, inciso I).
Nenhuma parte do livro está sendo copiada. São conteúdos únicos e exclusivos, sempre dando créditos aos autores e indicando o link para aquisição da obra completa. A Voitto respeita o código de direitos autorais de acordo com o estabelecido na legislação brasileira, Lei número 9.610/98.
Este conteúdo é de propriedade exclusiva da Voitto e está protegido pela Lei de Direitos Autorais em seus artigos 46, I, (a) e em seu artigo 47, isto porque não se trata de reprodução e também não lhe implicam qualquer descrédito, pelo contrário, o direito moral é protegido e, como ressaltado anteriormente, o leitor recebe um link para adquirir a obra. É proibida a reprodução desse material sem a autorização da empresa.