Você não leu errado, realmente a Engenharia Química é conhecida como Engenharia Universal. Mas por quê? Bem, sua formação compreende conhecimentos aprofundados em diferentes ramos, atuando até mesmo na organização dos processos produtivos.

Sendo assim, se você está a procura de uma carreira para seguir e se interessa pelas ciências (matemática, física e química), pense com carinho na Engenharia Química!

Mas antes de conhecer as melhores instituições, as disciplinas, onde ela atua e até o seu salário, é importante saber, o que é Engenharia Química?

 

O que é Engenharia Química?

 

A Engenharia Química é um ramo da Engenharia que estuda e realiza o planejamento de plantas químicas industriais, assim como sua operação.

Para projetar e construir essas plantas, é necessário conhecimento aprofundado em química, computação, matemática, física e biologia, fazendo dela uma engenharia completa.

O American Institute of Chemical Engineers (AIChe) utiliza o conceito:

“Engenharia química é a área/profissão que dedica-se à concepção, desenvolvimento, dimensionamento, melhoramento e aplicação dos Processos e dos seus Produtos. Neste âmbito inclui-se a análise econômica, dimensionamento, construção, operação, controle e gestão das Unidades Industriais que concretizam esses Processos, assim como a investigação e formação nesses domínios”.

 

Curso

 

A grade da Engenharia Química conta com disciplinas da Computação, Matemática, Física e, obviamente, da Química. Porém, você deve estar mais interessado em conhecer as matérias que são mais específicas do curso, não é?

Os nomes e cargas horárias podem sofrer alterações entre as instituições, mas fiz uma lista com 10 matérias que provavelmente você terá acesso, se escolher esta engenharia, é claro.

 

  • Química Inorgânica e Orgânica;

  • Físico-Química;

  • Química de Processos;

  • Termodinâmica Física e Química;

  • Fenômenos do Transporte;

  • Ciência dos Materiais;

  • Planejamento e Análise de Experimentos;

  • Organização Industrial para Engenharia;

  • Engenharia de Corrosão;

  • Otimização e Análise de Processos.


Na Engenharia Química, assim como toda engenharia, são de extrema importância as aulas de laboratório, para que sejam feitas as práticas e experimentos relacionados. Também são essenciais as disciplinas de ética e meio ambiente.

Além disso, são obrigatórias as horas de estágio e o trabalho de conclusão de curso (TCC).

 

Softwares na Engenharia Química

 

Para realizar projetos e simulações, o estudante e o profissional de Engenharia Química utilizam alguns softwares para auxiliá-los. Fiz uma lista com 4 dessas ferramentas para que você possa conhecer um pouco do trabalho delas.

 

  • AFT Fathom: esse software realiza simulações de cálculos de queda de pressão e fluxo de distribuição em líquidos e em tubulações de gás a baixa velocidade.

  • Dynsim: essa ferramenta trabalha como um simulador na criação de projeto e operações de uma planta de processos. Realiza análise operacional, simulação dinâmica, treinamento de operadores, entre outras funções.

  • WinSim Design II: é voltado para simulações de processos químicos e petroquímicos, incluindo o processamento de gás e refinarias.

  • Hextran: oferece funções que possibilitam a avaliação de projetos complexos e classificação de trocadores de calor. Também é possível simular processos de trocas térmicas.

 

Áreas de Atuação

 

Para atuar em escala industrial, o engenheiro químico precisa de uma formação abrangente nas ciências básicas (Matemática, Física e Química), além de conhecimentos de Economia, Administração e Controle da Produção. Ambos de forma aprofundada.

Também é necessário que este profissional tenha contato com a área de informática, incluindo linguagem de programação, para que consiga utilizar ferramentas tecnológicas em seus projetos.

Sendo assim, com uma gama de conhecimentos em diversas áreas, o engenheiro químico pode atuar em setores como:

 

Projetos  

 

Essa área aborda o projeto de construções e montagem de fábricas, usinas e estações de tratamento de rejeitos industriais, incluindo a determinação dos processos de produção, segurança e logística mais adequados.

Também fica a seu cargo, atuando nessa área, especificar os materiais a serem utilizados nos processos e o contato com fornecedores de equipamentos, meio ambiente, segurança e materiais químicos.

 

Pesquisa e Desenvolvimento

 

Realiza as práticas e experimentos que serão desenvolvidos nos laboratórios ou plantas piloto, além do contato com os clientes em relação às aplicações do produto e sua composição.

E ainda, essa área comporta a criação e desenvolvimento de produtos químicos e tecnologias mais eficientes para aperfeiçoar os processos de fabricação na indústria.

 

Processo Industrial

 

Utiliza softwares de simulação e cálculos para planejar e também inspecionar as operações industriais e acompanha os testes e experimentos na área de produção.

Além disso, implementa práticas com a finalidade de aumentar a produtividade dos processos, reduzir custos e aumentar a segurança no ambiente de trabalho.

 

Meio ambiente

 

Nessa área, o engenheiro químico faz pesquisas para implementar processos não poluentes, com menor impacto ambiental e de acordo com as regulamentações vigentes.

Sendo assim, seu trabalho é tratar e reciclar resíduos gerados pela empresa, definindo padrões e maneiras de preservação ambiental em toda a cadeia produtiva.

 

Engenharia Química na sociedade

 

A Engenharia Química possui influência direta na sociedade e participa ativamente na criação e desenvolvimento de práticas dentro da indústria que geram menos impacto no meio ambiente.

Atualmente, o plástico de sacolas e outros produtos pode demorar até 100 anos para se degradar. Para começar a solucionar esse problema, a Engenharia Química trabalha na criação de novos materiais, como polímeros biodegradáveis.

Outro exemplo é no ramo de desenvolvimento de fontes de energias renováveis, como a utilização de matérias primas como mamona e cana de açúcar na produção do biodiesel e etanol, respectivamente.

 

Universidades que oferecem Engenharia Química

 

Bom, o primeiro passo para quem se interessou pela área, é escolher uma universidade certificada pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo as notas do ENADE dos anos 2013, 2014 e 2015, essas são as 10 melhores instituições de ensino do país, referentes ao curso de Engenharia Química.

 

 

Contudo, o ENADE é apenas um entre os vários métodos de classificação. Para conhecer outras formas que podem ser mais relevantes para você, clique aqui.

 

Salário

 

Depois de conhecer todos os detalhes sobre a Engenharia Química, você deve estar se perguntando qual o salário do professional da área, como prometido. Calma, eu já vou te contar!

A Lei 4.950/A, de 22 de abril de 1966, que especifica o salário mínimo dos profissionais de Engenharia no Brasil. De acordo com ela:   

 

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos

  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos

  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos     

 

Mas é claro que no mercado de trabalho, as empresas oferecem valores bem distintos umas das outras. Quer conhecer alguns valores reais?

Segundo o blog Love Mondays, onde, até o momento dessa postagem, foram postados 103 salários, a média mensal de um salário de engenheiro químico é de R$ 8.072,00. O blog também mostra que a maior faixa salarial fica entre os valores de R$ 5.345,00 e R$ 9.479,00.

Lá, encontrei disponível alguns salários de grandes empresas do ramo:

 

  • Shell Brasil: R$ 15.005,00

  • Petrobras: R$ 8.544,00

  • Schlumberger: R$ 8.314,00  

  • Ambev: R$ 4.069,00


 

Como possui áreas de atuação em diversas setores distintos, o engenheiro químico é muito requisitado no mercado de trabalho. Porém, as maiores oportunidades surgem nas indústrias petroquímicas, de alimentos, de polímeros, de tintas e vernizes, de cosméticos, de combustíveis e farmacêutica.

 

Vai escolher a Engenharia Química?

 

 

A Engenharia Química influencia em grande parte dos setores dentro da indústria por englobar conhecimentos de diversas áreas em sua formação. Sendo assim, você pode se encontrar em algumas dessas áreas de atuação dessa engenharia.

Contudo, se ainda está em dúvida nessa difícil escolha, acompanhe nossa série sobre as Engenharias que sai toda sexta aqui no blog!

Ah! E se você curtiu o artigo ou ainda tem alguma dúvida, deixe seu comentário! 

 

Dica Bônus

 

Essa é pra quem realmente já está pensando no futuro e já quer começar a se organizar! O curso de Introdução ao Excel vai iniciar a sua capacitação e te oferece ferramentas que podem te auxiliar a estruturar seu horário de estudo.

 

 

Assim, fica mais fácil para você se preparar e também para entrar com tudo no curso de engenharia que escolher!