Gestão de Stakeholders, como assim? Você deve estar se perguntando isso, mas calma, vamos esclarecer!

Stakeholder significa público estratégico. Em inglês stake significa interesse, participação, risco. Holder significa aquele que possui. Assim, stakeholder também significa parte interessada ou interveniente.

O sucesso de qualquer empreendimento depende da participação de suas partes interessadas e por isso é necessário fazer um gerenciamento pautado na constante análise de stakeholders. Dessa forma, a empresa se assegurará que as expectativas e interesses de cada parte sejam conhecidos e considerados pelos gestores em cada decisão a ser tomada.

De modo geral, essas expectativas envolvem satisfação de necessidades, compensação financeira e comportamento ético. Cada interveniente ou grupo de intervenientes representam um determinado tipo de interesse no processo. O envolvimento de todos os intervenientes não maximiza obrigatoriamente o processo, mas permite achar um equilíbrio de forças, promover um bom relacionamento e minimizar riscos e impactos negativos na execução desse processo.

O principal objetivo da planilha que vamos trabalhar é proporcionar uma análise e registros de principais informações quanto ao gerenciamento de stakeholders, além de possibilitar diversas análises através de indicadores.

 

Faça junto com a gente!

 

Para você poder acompanhar este artigo de forma dinâmica, não deixe de baixar a planilha. Basta clicar no botão abaixo:

 

 

Veja na vídeo-aula abaixo o funcionamento da planilha

 

 

Entenda a Ferramenta

 

A página inicial possui a estrutura mostrada abaixo. Utilize os botões para navegar entre as abas. Basta clicar no botão e você será direcionado para a aba respectiva.

 

 

Stakeholders

 

A primeira aba denominada Stakeholders é considerada de suma importância para facilitar a comunicação e analisar  as diferentes expectativas, influências e meios de comunicação com as partes interessadas do negócio/empresa.

O primeiro passo é identificar e preencher o lado esquerdo da planilha com todos os stakeholders do negócio.

 

 

A seguir, para cada stakeholder listado, é preciso que sejam indicados os diferentes níveis para os três principais e diferentes pilares.  No exemplo abaixo, utilizou-se Influência, urgência em comunicar e nível de comunicação atual; porém a empresa pode e deve trocá-los por pilares mais relevantes para a área em que a empresa atua.

 

 

Posteriormente, os campos de interesses e/ou expectativas e propostas de comunicação deverão ser preenchidos, bem como definidos um fatores de peso para cada grupo de stakeholder de acordo com o grau de impacto do mesmo sobre as decisões e andamento da empresa.

 

 

Panorama

 

A aba denominada Panorama, como o próprio nome diz, objetiva apresentar um panorama geral das informações registradas sobre os stakeholders, estratificando as mesmas quanto aos principais pilares.

O primeiro gráfico é uma quantificação geral, indicando a quantidade de stakeholders da empresa.

 

 

Já os demais gráficos dos pilares estratificam todas as partes interessadas em cada nível de influência, possibilitando analisar quantos possuem maiores e menores impactos sobre o negócio.

 

 

Já conhece as principais funções do Excel?

 

Se você está um pouco confuso com algumas funções ou formatações do Excel e deseja aprender o necessário para conseguir utilizar esse software de forma proveitosa, você não pode perder o curso Introdução ao Excel.

E quer saber mais? O curso é totalmente GRATUITO! Isso mesmo, a Voitto disponibiliza para você de graça um curso onde você aprenderá desde formatação de células até um entendimento de tabelas dinâmicas.

Está esperando o que? Não perca tempo e clique na imagem abaixo para começar o curso!