Os programadores contam com diversas ferramentas para facilitar o desenvolvimento de seus projetos. Entre elas, temos o IDE Python, um utensílio valioso que merece atenção, ajudando na elaboração de softwares.

Segundo uma pesquisa do Stack Overflow, Python é considerada a linguagem mais amada por 73% dos programadores. Utilizando um IDE, fica mais fácil ainda desenvolver programas nessa linguagem.

Para que você possa saber um pouco mais sobre esse assunto, preparamos os seguintes tópicos:

  • O que é um IDE?

  • Quais as características de um IDE?

  • Quais as vantagens desses ambientes?

  • 5 IDEs para se usar em Python;

Preparado para entender as principais características e vantagens desses ambientes de desenvolvimento? Vamos lá!

 

O que é um IDE?

 

IDE é um acrônimo para Integrated Development Environment, em português, Ambiente de Desenvolvimento Integrado, em português. Ele é um programa que reúne ferramentas necessárias para a construção de outros softwares.

A utilização de um IDE ajuda muito os programadores e empresas, pois torna mais rápido o desenvolvimento de aplicações, aumentando a produtividade e reduzindo custos. 

Bom, para poder desenvolver um programa, antes de tudo, é necessário você dominar uma linguagem de programação como, por exemplo, o Python.

Ainda não sabe programar em Python? Ou já sabe um pouco, mas gostaria de se aprimorar? Foi pensando nisso que preparamos para você o curso Fundamentos Essenciais para Python.

Nele, você aprenderá a resolver problemas usando técnicas orientadas por dados, usar com propriedade as principais estruturas de dados, utilizando o Python para solucionar as dificuldades do dia a dia! Interessado? É só clicar no botão abaixo!

Curso de Fundamentos Essenciais para Python

Todos esses programas possuem características em comum. A seguir, mostramos para você todas elas!

 

Quais as características de um IDE?

 

Agora que você sabe o que é um IDE, vamos ver algumas particularidades que ele contém:

 

Editor de código-fonte

Permite escrever e fazer a edição do código nas linguagens de programação suportadas pelo IDE. Alguns exemplos famosos são Sublime Text e o Visual Studio Code.

 

Preenchimento inteligente

Esse é um recurso trazido pelos IDEs que agiliza o desenvolvimento, pois escreve automaticamente trechos do código como, por exemplo, comandos de função.

 

Refatoração

A refatoração otimiza constantemente o software, reduzindo a possibilidade de ocorrência de bugs e tornando o código mais rápido para ser executado.

 

Compilador

O compilador transforma o código que você escreveu em uma determinada linguagem de programação para a linguagem de máquina, de modo que os computadores o entendam.

 

Debugger

É outra ferramenta que contribui para auxiliar no processo de encontrar e de resolver defeitos no código-fonte, melhorando o desempenho do programa.

 

Geração de código

Com esse recurso, é possível predefinir trechos de códigos para serem usados de modelo em outros projetos, agilizando o desenvolvimento de trabalhos futuros.

 

Agora que você já sabe as principais características, entenda um pouco mais dos benefícios que o uso desses programas podem te trazer!

 

Quais as vantagens desses ambientes? 

 

Como podemos ver, os IDEs reúnem diversas ferramentas que tornam mais simples a vida dos programadores. Vamos listar alguns benefícios que a utilização desses programas pode trazer para seus projetos:

  • Reduz o tempo gasto em cada aplicação;

  • Permite o desenvolvimento de um código mais limpo, organizado e legível;

  • Aumenta a produtividade dos desenvolvedores e das empresas;

  • Reduz a quantidade de bugs e falhas no código-fonte;

  • Reúne diversas ferramentas em um só lugar.

Quer começar a usar um IDE, mas não sabe qual? Confere a lista que preparamos para você!

 

5 IDEs para se usar em Python

 

Vamos as 5 principais IDEs usada para programar em Python. Confira a lista:

 

1. Spyder

 

O Spyder é uma ferramenta leve, simples e ao mesmo tempo poderosa. É um IDE Python de código aberto que conta com elementos avançados de edição, depuração e testes interativos.

Ele é bastante utilizado para o aprendizado de Data Science, apesar de não fornecer ferramentas tão avançadas nesse sentido como outras disponíveis. Mas ele é prático e seu depurador destaca bem funções, variáveis e erros.

Conta também com um recurso de exploração de variáveis, que exibe os conteúdos armazenados dentro de cada uma. Isso poupa a escrita de comandos de impressão de variáveis na tela.

 

2. IDLE

 

O IDLE é um IDE Python que vem com o pacote de instalação padrão do Python. Ele é completamente escrito em Python e é feito utilizando o Ttinker (a biblioteca de Python para construção de GUIs). 

IDLE quer dizer Integrated Development and Learning Environment ou, em português, Ambiente Integrado de Desenvolvimento e Aprendizagem. Ele é bem simples e pode ser usado em diversos projetos de menor porte.

Conta com um editor de textos multi-janela que tem destaque em sintaxe, preenchimento inteligente, indentação automática e outras funcionalidades, além de um depurador integrado com passo a passo. 

 

3. PyCharm Community

 

O PyCharm é o melhor IDE para iniciantes. Ele possui diversas funcionalidades para tornar o ambiente de desenvolvimento em Python mais familiar, além de disponibilizar funções de Python internamente. Permite ainda visualizar tutoriais básicos dentro da aplicação e acesso rápido a bibliotecas.

Esse IDE Python fornece recursos de análise de código, gerenciamento de sistemas de controle de versão e ainda suporta a programação de aplicações web com Django, um dos frameworks Python mais famosos.

 

4. Jupyter

 

É um IDE Python gratuito, utilizado principalmente na análise e ciência de dados. Ele é fácil e intuitivo, proporcionando um bom ambiente para iniciantes em Python. Também conta com muitos materiais de referência, tornando-se um dos IDEs mais utilizados pela comunidade.

Ele trabalha muito bem com grandes conjuntos de dados. Além disso, é ótimo para a estética do código e atua como uma ferramenta de demonstrações. É possível visualizar e editar facilmente seu código para deixá-lo mais atraente e apresentável.

Por exemplo, é possível usar outros recursos de bibliotecas de visualização de dados, como a Matplotlib, para mostrar gráficos no mesmo documento em que o código Python está ou exportar o código-fonte para PDF.

Ele possui ainda integrações com HTML, por exemplo, que fazem a diferença principalmente na hora de apresentar projetos ou utilizá-los para o aprendizado. 

 

5. Ninja IDE

 

O nome Ninja IDE é um acrônimo para Not Just Another IDE, em português, não somente mais uma IDE. Seu foco é no desenvolvimento integrado e na utilização multiplataforma. Por isso, o Ninja IDE oferece suporte para quase todo sistema operacional, como GNU Linux, Mac OS e Windows.

Além disso, este IDE Python torna a programação mais fácil, rápida e tranquila, permitindo a criação de softwares para os mais variados objetivos. Isso se deve também a sua extensibilidade

Ele fornece um editor de código completo, com realçamento de termos, conclusão de código, assistente para importações, navegação, etc. Podemos também estender a funcionalidade editor utilizando plugins. 

Outra funcionalidade interessante para o desenvolvimento web é que podemos executar um arquivo HTML no editor do IDE, para visualizar como as mudanças ficariam em uma aba do navegador.

 

Incrível, não é mesmo? A melhor parte disso tudo é que você pode escolher qual IDE está mais adequada para a sua realidade como desenvolvedor. 

 

Continue indo além!

 

Nesse artigo, você aprendeu um pouco mais sobre IDE para a linguagem Python e como o uso dessa ferramenta pode tornar mais acessível a realização de seus programas. 

Para ter sucesso profissional, é necessário estar em melhoria contínua e buscando dominar novas ferramentas cada vez mais. Se você se interessa por programas que permitam a análise de dados de maneira eficiente e efetiva, você gostará de aprender um pouco mais sobre Power BI.

O Power BI é um software da Microsoft voltado para Business Intelligence. Pensando em expandir seus conhecimentos, trazemos o curso de Introdução ao Power BI 2.0!

Nele, você aprenderá a tratar informações, relacionar tabelas e bases de dados. Além disso, dominará como criar relatórios para visualizar e analisar informações de maneira ágil.

Não perca essa chance e se inscreva!

Curso de Introdução ao Power BI 2.0