Você sabe qual o ticket médio da sua empresa?

Uma empresa de sucesso é aquela que organiza dados e consegue mensurar resultados. É através dessa análise que se consegue ver um balanço geral da saúde da empresa, ou seja, se ela está lucrando ou pecando e devendo em alguma questão, este é um dos pilares de uma boa gestão.

Mas você sabia que existem algumas ferramentas que podem te ajudar a definir em números esses resultados? É o caso do Ticket Médio, uma ferramenta bastante empregada em vendas para calcular o índice de rentabilidade de determinado produto e também sua aceitação no mercado.

Mas calma, não termina por aqui. Ao longo deste artigo vamos entender melhor o que é Ticket Médio, você aprenderá:

  • O que é Ticket Médio?
  • Como funciona o Ticket Médio?
  • Como calcular um Ticket Médio?
  • Como aumentar o Ticket Médio e atingir suas metas?

 

O que é Ticket Médio?

 

O Ticket Médio é um indicador de performance muito aplicado em vendas. Com ele é possível obter dados importantes para o planejamento estratégico, como por exemplo, avaliar se a empresa está caminhando no rumo certo, atendendo as expectativas do mercado, ou se algo está impedindo a empresa de atingir sua meta.

Entretanto, ele pode ser usado em outras áreas também, não necessariamente em vendas.

 

Como Funciona o Ticket Médio?

 

Como vimos anteriormente, o ticket médio funciona como um indicador de performance, muito utilizado para mensurar números de vendas entre outros índices.

Fazendo uma análise matemática simples entre dois dados.

Por se tratar de uma média, pode ser feita de maneira muito simples e intuitiva, apenas utilizando o número total de produtos vendidos pelo número de clientes que adquiriram este produto. Assim, você terá um ticket médio de vendas x número de clientes

Mas como de fato funciona essa análise?

Antes de entender como de fato funciona um ticket médio, é importante estar ciente do contexto em que ele é inserido dentro da empresa. Ele deve estar no planejamento estratégico, ok? Para você entender a utilização desse índice de forma estratégica, é importante conhecer o significado das siglas OKR e KPI.

 

1. OKR

A sigla OKR vem do inglês e significa “Objectives and Keys Results” (Objetivos e Resultados Chave). É uma metodologia de gestão muito utilizada para a definição de metas, resumindo, ela é responsável por aumentar o engajamento dos colaboradores, o controle sobre os processos e, assim, faz com que os objetivos se tornem realidade por meio de ações planejadas.

 

2. KPI

A palavra KPI é uma abreviação de “Key Performance Indicator”. Sua tradução literal seria algo como “indicador chave de performance”, muito usada durante as reuniões de planejamento estratégicos, uma vez que o KPI é uma ferramenta de análise e medição de dados.

Em outras palavras, o KPI é um indicador de desempenho dentro de um projeto de gestão, muitas vezes apresentado como um número ou um percentual.

Resumidamente, o ticket médio é um KPI, um indicador de resultado que está inserido em algo muito maior dentro do planejamento estratégico, as OKR’s.

 

Como calcular um ticket médio?

 

O cálculo do ticket médio é muito simples e intuitivo, basta apenas uma interação matemática para se chegar ao valor que está sendo desejado.

Para chegar a esse valor, é necessário seguir 3 passos:

  • Defina o período que você deseja analisar (dia, semana, mês, ano);
  • Verifique a quantidade de clientes atendidos e a quantidade de vendas no período analisado;
  • Divida os valores analisados pela quantidade de clientes atendidos;

Quer aprender na prática como pode ser calculado esse ticket médio seguindo esses 3 passos propostos acima? Para isso, vamos definir nossos números a serem examinados:

 

  • Total obtido em Vendas (TV): R$ 10.500
  • Período a ser analisado (Pa): 1 mês (aprox. 30 dias)
  • Número de Vendas (NV): 100

 

Os dados acima representam o levantamento em números para vendas pelo período de um mês. Vamos agora definir o valor do Ticket Médio (Tm)? A fórmula pode ser representada por: 

 

Tm= TV/NV

Substituindo os valores:

Tm= 10.500/100

 

Tm= R$ 105,00

 

Ou seja, analisando os dados obtidos através da equação do ticket médio, temos que, dentro do período de um mês, cada venda gerou cerca de R$ 105,00 para a empresa.

Mas e se quisermos saber o ticket médio em relação ao número de total de vendas pelo número de dias trabalhados? Basta alterar os dados na equação, veja abaixo:

 

Tm= NV/Pa

Substituindo os valores:

Tm= 100/30

 

Tm= 3,33

 

De acordo com o cálculo, em um mês (30 dias aprox.), foram feitas 3,33 vendas por dia, achou pouco? Saiba que existem maneiras de aumentar esse ticket médio!

Existem outras técnicas e métodos usados para se elaborar um bom planejamento estratégico, uma boa gestão é aquela que utiliza de artifícios da própria empresa para superar os obstáculos, se você deseja aumentar o seu leque de estratégias para vendas não perca tempo, comece hoje mesmo o seu curso gratuito de Estratégias para Aumentar Receitas.

 


 

Como aumentar o Ticket Médio e atingir suas metas?

 

Você já percebeu a importância de se mensurar esses dados e como calcular seu ticket médio. Agora é hora de aprender a como melhorar seus índices, aumentar suas vendas e atingir suas metas!

Não existe uma regra geral de como se subir o valor do ticket, mas existem algumas artimanhas para conseguir atingir seus objetivos, e com certeza você já deve ter vivenciado algumas delas no seu dia a dia. Quer saber quais? Veja algumas opções abaixo e aplique hoje mesmo!

 

1. Atraia um público específico para determinados tipos de produtos

Nossa primeira dica é muito simples, mas que pode ter um impacto significativo no seu ticket médio Trata-se de definir uma persona, ou um público alvo, para seus produtos ou serviços.

Quando se define o “cliente ideal”, você começa a afunilar suas vendas. Com um processo mais dinâmico e personalizado, você sabe quem é seu público, o que ele consome e,  assim, pode direcionar melhor seus esforços para atender aquele tipo de público a aquela demanda específica.

 

2. Bom Atendimento

Nossa segunda dica pode parecer algo muito “simples” de se pensar, mas que, faz toda a diferença na experiência do cliente. Um bom atendimento sempre lhe deixará portas abertas, o processo de vendas começa desde o cumprimento inicial entre as duas partes, e não termina no fechamento da compra.

Ter um bom relacionamento entre seus clientes fará com que eles voltem e te procurem.   Quem não gosta de ser bem tratado?

Um brinde ao efetuar uma compra, um agradecimento especial aos clientes mais assíduos, ou simplesmente proporcionar um bom tratamento durante o atendimento pode fazer a diferença na hora de fechar uma venda.

“As pessoas esquecerão o que você disse, as pessoas esquecerão o que você fez. Mas elas nunca esquecerão como você as fez sentir.”

Carl W. Buehner

 

3. Oferecer Combos

Quem nunca foi a uma rede de fast food, escolheu seu pedido no cardápio e, ao finalizar a compra, a atendente pergunta: 

“..por apenas mais 1 real, deseja trocar sua batata média por uma grande?”

E na maioria das vezes a gente aceita, não é mesmo? Pensamos: “É só um real, não vai fazer diferença”. Pois bem, você acaba de “cair” numa das técnicas mais usadas para se elevar o ticket médio :)

Oferecer combos de produtos é sempre uma vantagem, pois o seu cliente acaba sendo induzido, de maneira involuntária a consumir mais. Ao oferecer um combo você acaba passando uma sensação de que irá adquirir mais produtos pagando menos por isso. E brasileiro ama uma promoção, não é mesmo?

 

4. Promoções e Descontos

Nossa quarta dica é referente a prática de oferecer descontos e promoções para os clientes. Muitas vezes uma negociação pode ser virada a seu favor simplesmente ao oferecer um desconto para que o cliente feche a compra naquele momento.

As promoções são muito usadas quando se deseja alavancar as vendas de um determinado produto. Quando produtos com pouca demanda acabam se “acumulando” em estoque, uma boa maneira de resolver essa situação é oferecendo promoções e descontos sobre esses produtos e serviços para que sejam vendidos o mais rápido.

 

5. Ofereça mais produtos no fechamento da compra

Você sabe o porquê em todo supermercado, próximo aos caixas, há produtos como: chocolates, doces, salgadinhos? 

A resposta é muito simples: é para que você seja induzido a comprar “algo a mais”. É muito difícil que uma pessoa saia de sua residência e vá até um mercado apenas para comprar um chocolate, porém, existem uma infinidade de clientes que vão ao mercado comprar outros itens.

Geralmente o que acontece é que próximo aos caixas sempre se formam as filas para atendimento, o que resulta em uma espera do cliente para finalizar sua compra. Me diga se enquanto você espera não começa a observar as coisas ao seu redor e acaba ficando tentado a levar “algo que ele não queria de início”?

Você sempre pode oferecer produtos aos seus clientes no fechamento da compra, seja por meio de combo, promoção ou apenas como sugestão.

 

Obrigado, volte sempre!

 

“Existe apenas um chefe, o cliente. E ele pode demitir todos na empresa, desde o presidente ao faxineiro, simplesmente gastando o dinheiro em outro lugar.”

Sam Walton (Fundador do Wal-Mart)

O cliente tem sempre razão e, para ganhar sua fidelidade, é necessário muito empenho aliado as estratégias certas para cativar e fidelizá-lo. Portanto, se o seu intuito for aumentar o ticket médio de suas vendas, melhorar o relacionamento com os clientes e gerar um crescimento em suas conversões, não perca tempo! Comece hoje mesmo o curso de Técnicas de Vendas e Excelência no Atendimento.

 


 

Encontrou o que buscava? Nos dê sua opinião.