Completou ou está prestes a completar a graduação, mas ainda não tem ideia do que o mercado de engenharia espera de você? Perdeu o emprego e se sente um pouco desatualizado? Então você está no lugar certo! Com as 7 dicas que veremos à frente, sua inserção ou recolocação no mercado será uma mera questão de tempo.

A entrada no mercado de trabalho é sempre um momento crítico na vida de todo profissional, sendo marcada pela árdua batalha entre tantos gladiadores em busca do sonho de um bom emprego. Viajei demais? Talvez não. Ok, talvez só um pouquinho. Mas e se eu te disser que segundo o INEP os cursos de engenharia estão entre as 10 graduações mais procuradas no Brasil?

Bem, acho que agora começo a me fazer entender. Em meio a tanta competição, vencerá quem estiver mais preparado. E sabe qual a melhor notícia que eu poderia te dar? Essa preparação só depende de você! Ah, mas você já deve ter escutado esse clichê um monte de vezes, certo? Pois bem, então vamos te dar um empurrãozinho.

 

1. Estudar hoje, estudar amanhã, estudar sempre

 

Se temos um mercado de engenharia tão competitivo e acirrado, faz-se necessário estar sempre um passo à frente de seus concorrentes. Para isso, você não pode se contentar com a graduação, mas deve continuar se aprimorando.

Um curso de Pós-Graduação já te posiciona em vantagem na corrida em busca de trabalho, assim como aumenta sua renda. Quer saber quanto? Segundo a Catho, o profissional que possui especialização ganha em média 22% a mais do que aquele que só possui a graduação, além de manter a empregabilidade.

Logo, está esperando o que para começar aquela Pós que havia sido deixada para segundo plano?

 

2. Do you speak English?

 

Ainda não? Então agora é a hora! O inglês está deixando de ser um diferencial e tem se tornado uma obrigação para se conseguir ingressar no mercado de engenharia. A língua universal é essencial para se conseguir melhores posições e melhores salários.

A mesma pesquisa da Catho revela que para profissionais de níveis júnior, pleno e sênior têm um aumento de 20% na remuneração, enquanto coordenadores podem chegar a um aumento de 62%. Além de tudo isso, vale lembrar que muitos materiais de referência estão somente em inglês, o que o torna uma chave para novos conhecimentos.

E mais, você estará apto para se relacionar com pessoas do mundo todo, o que com toda certeza é de muito valor para qualquer empresa. E com o avanço da internet, você encontra conteúdo de muita qualidade e até mesmo gratuito, facilitando seu aprendizado.

Então, com todas essas vantagens, que tal dar um upgrade no seu inglês?

 

3. Network

 

Uma boa rede de contatos é sempre uma vantagem para qualquer profissional. Isso abrirá muitas portas de emprego e oportunidades de negócio. Um engenheiro com relacionamentos é um engenheiro requisitado. “Nenhum homem é uma ilha”, já dizia John Donne.

Uma boa ferramenta para aquisição de contatos é a rede social LinkedIn, de cunho profissional, em que um perfil atualizado pode render muitas oportunidades. A plataforma permite inclusive adicionar certificados que você porventura tenha.

 

4. Capacitação ou morte!

 

Acho que não é para tanto, mas você com certeza entendeu. Se você quer estar sempre em destaque, nunca pode parar de aprender, ou acabará “morrendo” no campo de batalha. Cada vez mais o mercado de engenharia tem exigido mais do que apenas a graduação. Embora já tenha falado sobre a Pós-Graduação, ela não é a única opção.

O treinamento profissional tem se tornado uma obrigação para conseguir uma vaga em diversas áreas de atuação. Conhecimento de Excel, por exemplo, deixou de ser apenas um know-how extra para se tornar essencial. E, dependendo da sua área de atuação, cursos como Lean Seis Sigma fazem uma diferença colossal na busca pelo emprego dos sonhos.

 

5. Relacionamento interpessoal

 

Hoje em dia, não basta ter o conhecimento técnico e uma capacitação profissional. O relacionamento com os outros profissionais é de suma importância, sendo muitas vezes priorizado em detrimento da técnica. As empresas têm buscado mais e mais engenheiros que sabem se comunicar, pois estarão em frequente contato com outras áreas.

Liderança também é a característica do momento, pois o profissional de engenharia precisa sempre ter iniciativa, capacidade de inovação e de transmitir conhecimento de forma clara. Tanto liderança como comunicação estão na lista de habilidades mais importantes para o mercado de trabalho. São habilidades que se complementam e fazem diferença entre um profissional comum e um engenheiro que será notado.

 

6. Só teoria não basta

 

Você com certeza já ouviu engenheiros já colocados no mercado dizerem que há um hiato entre o que aprenderam na universidade e a prática no mundo real, certo? Pois bem, isso é um fato! Essa é a razão pela qual muitos bons alunos na faculdade acabam não conseguindo ingressar no mercado de engenharia. Não basta saber muito se não souber como aplicar esse conhecimento.

Ter feito um bom estágio é imprescindível para ganhar experiência na área e não sair da graduação “cru”. Além de todo o conhecimento prático obtido e a familiarização com o ambiente de trabalho da área escolhida por você, estagiar vai desenvolver sua habilidade de comunicação e trabalho em equipe, melhorando suas relações humanas, que como já vimos, são essenciais para qualquer empresa.

 

7. Tenha conhecimento sobre outras áreas

 

Você provavelmente já percebeu que atualmente o engenheiro raramente fica engessado na sua área de atuação. Ter conhecimento amplo é necessário para se diferenciar e para garantir sua empregabilidade. Afinal, em tempos de crise, as empresas querem cortar gastos, e se você sabe como fazer muitas coisas, provavelmente estará fora desta “lista negra”.

Com o tempo, muitos engenheiros naturalmente acabam convergindo para funções mais administrativas. Isso acontece pelo próprio plano de carreira oferecido pela maioria das empresas, que aproxima o profissional dessa área conforme ele vai subindo os degraus de sua carreira.

Mas você não precisa esperar para ter conhecimento de gestão, ou até mesmo relações humanas. Comece agora mesmo a expandir seu conhecimento, não fique preso na mesma ideia de sempre, ou acabará ficando ultrapassado.

 

Agora é a hora!

 

Já vimos o que o mercado de engenharia espera de você nesse ano que se inicia, então é hora de “botar a mão na massa”! 2018 está apenas começando, e com ele novas oportunidades. Mais uma vez, não se esqueça de que seu futuro está em suas mãos.

Para te dar uma ajuda nessa tarefa de se preparar para a batalha, segue um link para um curso de Excel gratuito para você fazer nesse tempo de preparação. Antecipe a largada e tome a dianteira na corrida pelo emprego ideal. Ah, e não se esqueça de nos dizer quais são suas expectativas para esse novo ano nos comentários. Feliz ano novo!