Existem várias classificações de sistemas de produção diferentes pelo mundo. Normalmente, elas são utilizadas para caracterizar o modelo aplicado a cada tipo de manufatura, outra vantagem é também facilitar o desenvolvimento de técnicas ou de metodologias de planejamento e gestão melhor direcionadas para cada modalidade.

Neste artigo, focaremos em explicar e em exemplificar um tipo muito comum ao redor do mundo: a produção contínua. Um sistema bem diferente daqueles sob encomenda.

Para facilitar o entendimento, decidimos dividir esse tema em alguns tópicos:

  • O que é produção contínua?
  • As principais características da produção contínua;
  • Classificações da produção contínua;
  • Quer se especializar ainda mais?

 

O que é produção contínua?

 

A produção contínua é a classificação dada para um sistema de produção muito comum nas manufaturas, como o próprio o próprio nome já fala, aquele em que a linha não para de produzir, sem paradas e interrupções em 24 horas por dia .

Para que esse sistema funcione bem, o conhecimento apurado sobre o produto é necessário, mas não se resume a somente isso, também é imprescindível que haja um planejamento rigoroso. Afinal, os custo e despesas decorrentes de uma pausa inesperada pode ser catastrófico do ponto de vista financeiro.

Outro fator que se faz preciso é uma cadeia de escoamento da produção altamente eficiente e preparada para que os produtos não fiquem empacados no estoque.

Podemos citar como os principais exemplos desses tipos de produção as refinarias e siderúrgicas, que não param de produzir.

O conhecimento na área de Planejamento e Controle de Produção (PCP) é extremamente importante para qualquer organização que deseje alcançar o sucesso com esse tipo de produção.
Pensando nisso, preparamos para você um curso especial de Fundamentos de Planejamento e Controle de Produção

Com ele, você será capaz de distinguir as etapas de um PCP, classificar o sistema produtivo de uma organização, avaliar os processos de produção de uma empresa quanto aos objetivos de desempenho, relacionar a estratégia da organização com o planejamento da produção e muito mais.

Não perca tempo, inicie seu aprendizado agora mesmo!

Fundamentos de Planejamento e Controle de Produção - PCP

Agora que você já consegue compreender o básico do PCP, imaginamos que a curiosidade para conhecer algumas características do sistema de produção contínua é inevitável, não é mesmo? Então, vamos lá!

 

As principais características da produção contínua

 

Nesse tópico, separamos para você as três principais atribuições do sistema de produção contínua e que ocorrem de maneira comum nas manufaturas que adotam esse tipo produtivo. Confira!

 

1. Grande quantidade de produtos

 

Achamos que essa você já devia ter conseguido imaginar, mas é impossível não falar dessa característica.

A produção contínua, ou seja, ininterrupta gera uma quantidade enorme de produtos. Mesmo que a montagem ou a fabricação seja em um período de tempo longo, o alto volume de produção pode ser maior do que qualquer outro sistema que fosse implantado.

 

2. Processos padronizados

 

Como os turnos de produção não param, há uma rotatividade de funcionários ou a manutenção contínua do trabalhos das máquinas. 

Isso exige que os processos de fabricação ou de montagem sejam bastante padronizados, para que não haja erros que comprometam a linha e também para que as máquinas e os funcionários consigam realizar as funções com maior facilidade.

Isso acaba por nos levar à nossa próxima característica.

 

3. Pouca variabilidade

 

Esse padrão que o modelo de produção deve seguir, faz com que as variedades de produtos elaborados seja baixíssima.

Como Henry Ford falava: 

“Qualquer cliente pode comprar o carro da cor que ele desejar, desde que seja preto.”

Esse é um dos grandes motivos que esse tipo de sistema de produção vem perdendo espaço nas linhas de produção. Com a evolução da globalização, o mercado exige uma maior personalização de produtos o que torna esse modelo quase impossível de ser aplicado em alguns segmentos.

Mas, sabia que mesmo dentro da produção contínua existem alguma subdivisões? Continue lendo e descubra quais são elas.

 

Classificações da produção contínua

 

Um dos maiores estudiosos de Programação, Planejamento e Controle da Produção (PPCP) no Brasil, Sérgio Baptista Zaccarelli estabeleceu três subdivisões dentro da Produção Contínua. Conheça elas a seguir:

  • Produção contínua pura: nessa subdivisão existe apenas uma linha de produção, todos os produtos gerados são iguais, visto que os processos de transformação de toda a matéria-prima são totalmente padronizados;
  • Produção contínua com montagem ou desmontagem: já nessa, existem diversas linhas de produção contínua que funcionam simultaneamente e que, no fim, convergem no linha de montagem ou desmontagem;
  • Produção contínua com diferenciação final: nesse caso, existem características de fluxo igual a um ou outro dos subtipos apresentados anteriormente, no entanto, o produto resultante pode apresentar certas diferenças.

 

Quer se especializar ainda mais?

 

A produção contínua, sem dúvidas, é um grande desafio tanto da parte da programação quanto do controle desse sistema.

Para que ela se mantenha operante e trabalhando de forma eficiente, é imprescindível que haja um plano de ação de melhoria contínua. Uma metodologia que pode ser o grande diferencial na sua organização é a Lean Seis Sigma, formada pela junção de dois conceitos muito utilizados na indústria, o Lean e o Seis Sigma.

Essa junção tem como finalidade melhorar os resultados da empresa por meio da redução da variabilidade nos seus processos e por meio da eliminação dos desperdícios e de atividades que não agregam valor, reduzir custos.

Pensando nisso, preparamos um Treinamento de White Belt em Lean Seis Sigma, o primeiro módulo da formação dessa metodologia. 

Com essa oportunidade, você será capaz de integrar equipes de resolução de problemas que irão suportar os Yellow, Green e Black Belts na execução de projetos, implementar os conceitos Lean no seu dia a dia, compreender e utilizar ferramentas de melhoria contínua, identificar as causas-raiz de problemas encontrados e muito mais.

Acesse e comece já a sua especialização!

Treinamento de White Belt em Lean Seis Sigma