Você sabe como proporcionar maior produtividade, economia e controle sobre a qualidade do produto da sua empresa? Será que ela já produz o seu potencial máximo com o mínimo de investimentos?

O PCP traz ótimos diagnósticos e métodos para tornar a resposta destas perguntas afirmativa. 

A ferramenta gerencia recursos operacionais, fazendo uma análise de dados de todas as operações e consolidando informações. Estas análises são usadas para elaborar planos de produção, controle e programação dos processos.

 

O que é PCP?

 

PCP é a sigla usada para Planejamento e Controle de Produção, conceito que se traduz por um sistema de gerenciamento de processos produtivos e mão de obra para uma empresa.

Trata-se do estudo e da otimização de todas as atividades relacionadas ao processo de produção e da consolidação de todas as informações relativas ao mesmo. Gerencia as principais atividades do empreendimento.

Ele atua principalmente nos setores de produção e  logística, pois estes são vitais para que uma empresa possa conseguir mais qualidade, agilidade e economia dentro do processo de produção.

Se este assunto te interessa, baixe já o nosso ebook gratuito “ Ms Project: Como gerenciar seus projetos” e aprenda a usar esta ferramenta como aliada nos seus planejamentos.

 

 

Quer saber como extinguir desperdícios e maximizar os lucros da sua empresa?

Vem comigo que agora eu vou te explicar como o PCP pode fazer isso e ajudar a sua empresa a alcançar ainda mais sucesso!

 

Quais vantagens o PCP traz para sua empresa?

 

Quando falamos de uma ferramenta de otimização de produção, é natural que surja a dúvida: quais vantagens essa ferramenta traz?

Pensando nisso, listei para você as 5 principais vantagens da utilização do PCP:

 

 

3 principais vertentes do PCP

 

É possível separar a atuação do PCP em 3 principais vertentes; são elas:

 

Planejamento

Quais produtos devem ser produzidos? Como eles devem ser produzidos? Quando devem ser produzidos? Estas são perguntas que devem ser respondidas por práticas realizadas nesta vertente.

 

Programação

Nesta vertente é feito o gerenciamento dos recursos que serão utilizados em cada processo, de forma a manter o fluxo de produção o quão constante for possível.

 

Controle

Aqui são feitos o monitoramento e a análise dos processos. A partir destas análises é que as vertentes anteriores tomam decisões, o que torna esta, uma das mais importantes vertentes.

 

O que faz o profissional PCP?

 

O profissional PCP é como um mestre da produção, que deve seguir o fluxo de trabalho de algum segmento, visando a obtenção de melhores resultados.

Sua tarefa não é unicamente operacional. O gestor desta atividade deve estar constantemente em contato com outros setores da administração da empresa. Juntos, eles devem traçar estratégias precisas e direcionar investimentos e recursos para as melhores aplicações.

Ele deve dominar o processo de produção, ter uma visão sistêmica de toda a cadeia logística, saber tudo sobre a rotina produtiva, matérias primas, equipamentos produtivos, rendimento de maquinários e gargalos do sistema de produção.

O profissional analista em PCP atua gerindo os recursos operacionais, as matérias primas, a mão de obra, a capacidade de produção e os processos produtivos.

Seu objetivo é otimizar o processo de produção como um todo, fazendo uso de ferramentas como a previsão de demanda, tanto em curto prazo quanto em médio e longo prazo, a administração de materiais, o planejamento agregado da produção e outras que abordaremos a seguir.

 

Quais ferramentas o PCP utiliza?

 

No tópico acima, nos referimos a algumas ferramentas muito autoexplicativas usadas pelo profissional PCP. Agora trago para você uma lista com outras ferramentas e metodologias mais completas, que também auxiliam este profissional e merecem maior destaque.

 

Just in time

Just in time é um conceito que busca eliminar estoques e agilizar a produção.

Por meio de planejamento, programação e controle, busca alinhar as ordens de produção com a previsão de demanda. Por meio de estimativas, tenta produzir em quantidade o mais próximo possível da quantidade a ser vendida, evitando assim, gastos com estocagem de produtos.

 

Kaizen

Kaizen é um termo em japonês que significa “mudança para melhor” ou “melhoria contínua”.

O foco desta metodologia é a melhoria contínua de processos através da aplicação de um projeto chamado de “Evento Kaizen”.

Esta filosofia se fundamenta na sempre existente possibilidade de melhora. Atua direcionando o trabalho individual dos colaboradores para as metas compartilhadas da empresa, prevalecendo o trabalho coletivo sobre o individual e eliminando os desperdícios e retrabalhos.

Caracteriza-se por uma estratégia barata e muito útil, que reflete rapidamente nos resultados da empresa.

 

Kanban

Kanban  é um sistema que propõe o uso de cartões ou post-it para indicar e acompanhar de maneira visual o andamento dos fluxos de produção nas empresas, sendo útil na aplicação do conceito de “just in time” descrito anteriormente.

O sistema fornece, para todos os colaboradores de uma função, uma programação detalhada da produção, com informações importantes como a quantidade de produtos necessária e quando fabricá-los.

 

Lean Manufacturing

Lean Manufacturing é uma filosofia de excelência operacional que procura reduzir custos de fabricação sem perder em qualidade ou produtividade.

A filosofia cita 8 desperdícios que devem ser combatidos e, se possível, extinguidos dentro de uma empresa, e ainda algumas formas de combatê-los.

A manufatura enxuta, tradução do inglês, propõe justamente a eliminação de toda atividade que não agrega valor ou eficiência aos processos produtivos.

Quem se interessa pela ferramenta deve ainda entender um de seus grandes fundamentos, o Jidoka. Trata-se da “autonomação” da linha produtiva, que promete aliar a automação de processos ao toque humano, visando potencializar a produção enxuta nas indústrias.

 

Poka-Yoke

Poka-Yoke é uma ferramenta criada com o intuito de corrigir erros e prevenir falhas. Deve ser aplicada em qualquer situação que envolva risco de defeitos.

O termo, traduzido como “à prova de falhas” é, na verdade, uma ferramenta de inspeção, que busca resolver antecipadamente e de forma descomplicada, possíveis imperfeições no processo de produção.

 

Programa 5s

5s é um programa de qualidade de gestão que tem como objetivo desenvolver a limpeza, a organização e a padronização dos processos produtivos e do ambiente da empresa como um todo.

O programa se baseia em 5 conceitos que, em japonês, são palavras com a inicial “s”, por isso o nome. Os 5 conceitos são:

 

  • Senso de utilização;

  • Senso de Organização; 

  • Senso de Limpeza;

  • Senso de Padronização e Saúde;

  • Senso de Disciplina e Autodisciplina.

 

Se quiser aprender tudo sobre a aplicação deste método, acesse aqui nosso artigo completo sobre “Implantação do programa 5s”.

 

Seis Sigma

Seis Sigma é um conjunto de práticas baseadas no processo DMAIC (Definir, Medir, Analisar, Melhorar e Controlar), e tem como objetivo melhorar sistematicamente os processos produtivos ao eliminar defeitos. 

A ferramenta é uma forma de mensurar o nível de desempenho dos processos da empresa para então, buscar um diagnóstico para os problemas encontrados.

Para ver o Seis Sigma na prática, não deixe de olhar o nosso artigo Seis Sigma em todo lugar: onde podemos ver suas aplicações?”.

 

Não deixe o conhecimento no papel!

 

Se este artigo te deixou animado para testar alguma dessas ferramentas e você conseguiu vislumbrar aplicações na sua empresa, ótimo! Mas eu preciso te alertar sobre algumas coisas.

Como dito anteriormente, é necessário um conhecimento profundo sobre todas as áreas da empresa pelo profissional responsável pela aplicação do Planejamento e Controle de Produção.

Isto demandará disposição, foco, estudo e muitas horas extras, em busca de noções do panorama geral da empresa e das práticas específicas de cada área.

Mas não desanime, o caminho é árduo porém compensador!

Se bem aplicado, o PCP trará resultados incríveis para sua empresa, destacando-a como negócio de sucesso e a você como um grande analista de planejamento e controle de produção.

Pra você que quer aprender a melhor ferramenta para te ajudar a aplicar o PCP, deixo a recomendação do nosso curso gratuito “Introdução ao Gerenciamento de Projetos na Prática”.