Nome engraçado, não é mesmo? Mas saiba que o Poka Yoke veio para corrigir um “problema” típico de muitas empresas.

Por muito tempo, ações corretivas foram empregadas no ambiente corporativo como a melhor alternativa para gerenciar uma área e empresa.

Elas não necessitavam de quaisquer investimentos – financeiros e qualitativos e, apesar de na maioria das vezes trazerem prejuízos, ainda não acarretavam a falência de um negócio.

Entretanto, desde a propagação do Sistema Toyota de Produção – o Lean Manufacturing – e do Controle da Qualidade Total (TQC) nos anos 70, a aderência de práticas e de ações preventivas veio sendo, cada vez mais, adotada para uma empresa manter-se em um mercado continuamente mais competitivo.

Nem preciso salientar que nos dias atuais, gerenciar uma organização através de ações corretivas deixou faz tempo de ser adequada, certo? Hoje, atuar de forma preventiva ao surgimento de problemas e oportunidades de melhoria de desempenho é crucial para manter sustentável o crescimento e o progresso de uma organização.

Por isso, nesse artigo você irá entender a importância de promover uma cultura preventiva na sua companhia, irá compreender a diferença entre erro e defeito e descobrir o que é e como funcionam os dois tipos de aplicação da ferramenta usada para prevenir o surgimento de problemas... Descobrirá o que é Poka Yoke!   

Caso você queira aprender o básico sobre a metodologia Lean Manufacturing, na qual o Poka Yoke está inserido, te convido a se capacitar GRATUITAMENTE no nosso curso de introdução ao Lean.

 

 

Cultura de Prevenção: compreenda a sua importância!   

 

A prevenção de problemas não ocorre do dia pra noite. Ela deve ser estimulada diariamente como um processo cultural em que cada problema manifestado em um processo deve ser encarado como uma oportunidade de melhoria, pela qual através de sua resolução perante o ataque a sua causa raiz, seu regresso seja posteriormente contido ou eliminado.

Uma cultura de prevenção de problemas é uma das exigências primordiais para o funcionamento do sistema Lean Manufacturing, já que processos autônomos exigem menores intervenções humanas e consequentemente, uma menor probabilidade de erro operacional. É nesse princípio que o Poka Yoke se baseia!

 

Erros e Defeitos: qual deles combater?

 

 

A relação de causa e efeito é idêntica à relação de erro e defeito, quer ver só? Um erro indica uma falha no processo, que pode gerar em seguida um ou mais defeitos no produto se não for previamente resolvido.

Ou seja, é então para combater as causas do erro que Shigeo Shingo – um dos engenheiros da Toyota nos anos 60 – desenvolveu a ferramenta enxuta Poka Yoke – que significa à prova de erros. 

 

O que é Poka Yoke?

 

 

Poka Yoke é uma ferramenta enxuta representada por simples dispositivos e/ou procedimentos que possuem como missão inicial prevenir o surgimento de erros em um processo produtivo através da eliminação de suas causas geradoras.

Quando o ataque à causa do erro ainda não é possível ou conveniente, ao menos a detecção de sua origem é efetuada com o propósito de conter a obtenção de defeitos nos produtos processados.   

 

Quais os tipos de Poka Yoke mais comuns?

 

Existem 4 modalidades do método Poka Yoke que são amplamente utilizados em processos de produção para evitar erros, sendo elas:

 

  • Prevenção;

  • Detecção;

  • Valor fixo;

  • Etapas.

 

Vamos ver cada umas delas de maneira mais aprofundada?

 

Poka Yoke de Prevenção

 

O Poka Yoke de prevenção é a primeira modalidade proposta para aplicação. Seu objetivo é eliminar de vez a causa geradora do erro, que pode estar ligada a inúmeras possibilidades.

Algumas delas são: falta de treinamento operacional, excesso de atividades manuais, alta rotatividade de operários em uma linha de produção, ambiente de trabalho desorganizado, condições operacionais inadequadas.

 

Exemplos de Poka Yoke de prevenção

 

Os Poka Yokes de prevenção podem ser comparados a um pen drive – que possui uma ranhura específica de forma que o encaixe ocorra somente do lado correto, a um verificador automático de ortografia e gramática de um processador de texto, a moldes de produção destinados ao encaixe de peças exclusivas, e por aí vai.

 

 

Poka Yoke de Detecção

 

O Poka Yoke de detecção conta com duas modalidades propostas para aplicação: a de controle e a de advertência.

O método de controle tem como finalidade interromper o processo perante a ocorrência de um erro operacional – obrigando sua resolução imediata por meio do combate a sua causa raiz.

Já o Poka Yoke de advertência possui como objetivo, advertir por meio de sinais visuais e/ou auditivos o surgimento do erro – informando aos operários sobre sua origem de modo que uma prévia análise de contenção seja realizada.

 

Exemplos de Poka Yoke de detecção

 

Os Poka Yokes de detecção podem ser relacionados a um disjuntor, por exemplo, que tem como função interromper a transmissão de energia perante sobrecargas elétricas.

A uma campainha comercial deixada acima no balcão para assegurar que a entrada de novos clientes seja percebida e até ao indicador de gasolina representado por uma luz vermelha mais intensa no painel do carro quando o tanque entra na reserva.

 

Poka Yoke de Valor fixo

 

O Poka Yoke de Valor fixo serve para assegurar que um número específico de movimentos tenha sido feito durante o processo.

 

Exemplo de Poka Yoke de Valor fixo

 

Separação de peças para montagem. Dessa forma, se sobram peças na bandeja, significa que alguma montagem foi feita de maneira incorreta.

 

Poka Yoke de Etapas

 

O Poka Yoke de Etapas evitam falhas pela ordem de execução. Ele determina se todos os passos de uma operação estão sendo seguidos na ordem correta. Se não for feito nas etapas certas, não será possível realizar a operação desejada.

 

Exemplo de Poka Yoke de Etapas

 

Um exemplo clássico presente na rotina diária de todas as pessoas é sacar dinheiro no caixa eletrônico. Você precisa seguir uma série de etapas como colocar o cartão, retirar o cartão, utilizar a biometria, dentre outras, para só ao final receber o dinheiro, caso siga as etapas corretamente.


 

Como fazer um Poka Yoke?

 

Elaborar um Poka Yoke é fundamental para prevenir erros e tornar uma produção enxuta. Então, para te auxiliar nesse processo, vou lhe mostrar as 5 etapas para elaboração de um bom Poka Yoke.

 

1 - Definição

 

  • Criar a equipe, sempre incluindo aqueles que trabalham diretamente com o processo;

  • Kaizen blitz é uma atividade de equipe muito efetiva para esse tipo de tarefa;

  • Se o processo exato a ser melhorado ainda não estiver definido, realizar o Mapeamento do Fluxo de Valor (VSM);

  • Descrever o problema.

 

2 - Medição

 

  • Através do mapeamento do processo, identificar a etapa que pode estar originando o defeito;

  • Analisar o problema com ferramentas como o Diagrama de Ishikawa para chegar a sua causa raiz.

 

3 - Análise

 

 

4 - Melhoria

 

  • Definir o tipo de Poka Yoke a ser utilizado: o de controle é mais indicado, pois elimina a necessidade do fator humano;

  • Realizar sessões de brainstorm em equipe para gerar ideias de dispositivos Poka Yoke ou procedimentos que possam eliminar ou detectar o erro. É preciso lembrar sempre que o Poka Yoke deve ser o mais simples e barato possível;

  • Testar as soluções encontradas, tentando fazer com que falhe e definir a melhor opção.

 

5 - Controle

 

  • Implementar a solução encontrada em larga escala dentro da organização;

  • Treinar pessoal na sua utilização;

  • Criar um padrão para Poka Yoke com: problema a ser solucionado, ação em caso de emergência, método e frequência de checagem da operação, método de checagem da qualidade em caso de parada;

  • Monitorar se os defeitos diminuíram desde a implementação da ferramenta.

 

Seguindo essas 5 etapas, com certeza você conseguirá elaborar seu Poka Yoke de maneira eficiente, tornando seu processo bem mais enxuto e à prova de erros!

 

Aplicações do Poka Yoke no dia a dia

 

Talvez você esteja pensando que só lida com Poka Yoke quem está ativamente participando em processos industriais, mas isso não é verdade.

Essa ferramenta está muito mais presente nas suas atividades do que você imagina, e vou lhe provar isso agora.



Viu só? Várias atividades comuns utilizam essa técnica à prova de erros, e tenho certeza que somos muito beneficiados através dela.

Afinal, já pensou se não existisse as janelas de segurança perguntando se desejamos salvar o documento antes de fechar? Quantas vezes teríamos perdidos textos importantes, não é mesmo?

 

Quer saber mais sobre as ferramentas do Lean Manufacturing?   

 

Como você viu, o Poka Yoke pode ser utilizado de maneiras formas para prevenir erros. Além dessa técnica, o sistema de manufatura enxuta conta com várias outras ferramentas para o combate de desperdícios – todas muito bem vindas para aplicação no cenário industrial e empresarial.

Para conhecê-las mais a fundo e saber muito mais sobre o funcionamento desta inovadora metodologia da qualidade - a produção enxuta - o que acha de conferir o nosso novo Programa Formação de Especialista em Lean aqui da Voitto?