Se você é uma pessoa muito atarefada, provavelmente deve procurar organizar o seu tempo para conseguir executar todas as suas tarefas.

Porém, nem sempre é possível cumprir todas as obrigações conforme o planejado e o resultado são mais e mais assuntos acumulados para resolver.

Logo, é preciso muito mais do que planejamento para executar todas as tarefas em dia, não é mesmo? Disciplina e controle também são essenciais.

No setor industrial não é diferente, contudo as consequências para o não cumprimento do que foi planejado são muito mais sérias. Muitas organizações chegam a decretar falência.

Neste contexto, o PPCP é um órgão essencial para o planejamento das ações de qualquer empresa.

Então, se você quer saber mais sobre esse assunto, continue lendo este texto e conheça também os principais sistemas de gestão que todo os profissionais de PPCP devem dominar.

 

O que é PPCP?

 

PPCP (Planejamento, programação e controle de produção) são ações de controle utilizadas para lidar com imprevistos, verificar o nível de qualidade e facilitar o andamento dos processos produtivos dentro de uma organização.

Logo, é o PPCP da empresa que determina questões como a quantidade de produção, o prazo de execução e quando determinado produto será entregue.

Vamos ver cada etapa mais a fundo?

 

Planejamento

 

Para  que um projeto seja executado com sucesso o primeiro passo é o planejamento. Afinal, é nesta etapa que são definidos o tempo de execução de cada etapa do projeto e qual o resultado esperado.

Quando o assunto é um projeto a longo prazo, é essencial pensar no que chamamos de planejamento estratégico.

É neste tipo de planejamento que é definido aspectos essenciais como o diferencial competitivo adotado pela empresa e a inovação de valor.

Já o planejamento a curto prazo é fundamental para assegurar que todos os objetos e metas sejam cumpridos.

Afinal, uma empresa que não define as suas metas não sabe qual caminho seguir, o que pode levar a perda de engajamento da equipe de trabalho.

Mas, seja de curto ou longo prazo, um bom plano empresarial é essencial para posicionar a empresa frente ao mercado competitivo e também para facilitar o crescimento da organização.

 

Programação

 

A programação do PPCP tem como principal objetivo facilitar a implementação do que foi definido pelo setor de planejamento.

É função do programador assegurar com os responsáveis pelas linhas de produção a quantidade de produtos a serem produzidas e os processos a serem executados.

 

Controle

 

A parte de Controle é responsável pela manutenção e a maior eficiência da área produtiva.

Assim, o setor de controle de uma empresa deve ser capaz de fazer análises e monitorar os processos de produção.

Esta área do PPCP também deve lidar com qualquer imprevisto que aconteça dentro das linha de produção.

 

O que o bom profissional de PPCP precisa ter em mente?

 

O profissional que vai atuar em qualquer uma das áreas do PPCP, seja de planejamento, programação ou controle, precisa ter uma visão macro de todos os processos de produção.

Para isso, é fundamental dominar as filosofias/sistemas da gestão da qualidade que agregam valor e eficiência aos processos fabris. Dentre as principais filosofias, é válido destacar o uso do Seis Sigma, 5S, Kaizen e Lean Manufacturing.

O Seis Sigma é uma metodologia quantitativa, estruturada, direcionada e disciplinada na melhoria dos processos já existentes. Sendo que os maiores objetivos deste sistema são a redução dos custos, otimização dos processos e a satisfação dos clientes.

O programa 5S visa a melhoria da produtividade e do ambiente de trabalho por meio de 5 sensos: organização, limpeza, autodisciplina, bem estar e utilização.

Já o Kaizen é um sistema voltado para a melhoria contínua, no qual tem como propósito a eliminação de desperdícios e a participação de todos os funcionários da organização.

Por fim, a metodologia Lean Manufacturing funciona da maneira mais enxuta possível, uma vez que propõe a eliminação de todos os processos que não agregam valor para o cliente, por meio da aplicação da filosofia kaizen.

 

Conheça alguns sistemas de gestão utilizados no PPCP

 

Organizar todos os processos produtivos, principalmente os que dependem de vários setores dentro de uma empresa, não é uma tarefa fácil.

Para assegurar que todo o processo de planejamento, processo e controle da produção ocorra sem grandes empecilhos, as principais organizações utilizam sistemas importantes, como o Just in Time e o Kanban.

Então, continue lendo este texto e conheça um pouco mais sobre esses sistemas de gestão.

 

Just in Time

 

O Just in time é um método utilizado para alavancar o sistema produtivo e eliminar os desperdícios de uma organização. o maior objetivo desta metodologia é a redução de custos por meio do fornecimento e da produção dos materiais na quantidade e locais corretos.

Além disso, o sistema Just in Time possui características que contribuem muito para o PPCP, como: máquinas sequenciadas de acordo com o processo, fluxo de uma peça só e produção de acordo com o conceito de Takt time.

Quando as máquinas estão sequenciadas durante o processo de produção é possível criar um fluxo de materiais, o que evita que o funcionário tenha  que “ir e voltar” constantemente e perca tempo de trabalho.

Já o fluxo de uma peça só é uma ótima maneira de melhorar o processo e agregar valor, visto que quando o operador manuseia uma peça por vez o trabalho se torna muito mais específico e a criação de lotes intermediários é eliminada.

Por fim, a produção de acordo com o conceito de Takt time significa dar um ritmo constante ao trabalho, a fim de conduzir todo o processo de forma que não haja interrupções durante a produção.

 

Kanban

 

O Kanban é utilizado para gerenciar a produção de produtos em todas as etapas de uma operação industrial.

Por meio deste sistema torna-se viável garantir que cada processo receba instantaneamente a informação exata da quantidade necessária para ser produzida conforme o fluxo puxado pelo cliente.

O Kanban funciona através de cartões e quadros de produção. Os cartões são responsáveis por assinalar ao funcionário o estado atual da produção.

Já o quadro de produção possui informações do nível do estoque. Normalmente, quando o estoque está em nível crítico é utilizado a cor vermelha, em alerta a cor amarela e em segurança a cor verde.

Contudo, para que essa metodologia seja utilizada de forma efetiva nas indústrias é necessário seguir algumas regras, por exemplo:

  • Qualquer retirada sem um cartão Kanban é proibida.

  • Qualquer retirada maior que a especificada no Kanban é proibida.

  • Produto físico transportado deve estar sempre acompanhado de um Kanban.

  • Produção superior à requisitada pelo Kanban é proibida;

  • Obedecer a sequência de produção especificada pelo Kanban;

  • Produtos defeituosos não devem ser enviados ao processo posterior (cliente)

 

Aprenda cada vez mais!

 

Viu como o planejamento é importante tanto na nossa vida pessoal quanto em setores industriais? Afinal, todo projeto de sucesso começa com um bom planejamento, passa por uma boa programação e deve ser controlado para que continue rendendo bons resultados.  

Então, se você tem interesse em ser um profissional da área de PPCP ou quer otimizar os seus projetos, eu recomendo que você não perca tempo e faça já o curso gratuito de White Belt.

 

 

Através deste curso introdutório, você vai aprender um pouco mais sobre os recursos de uma empresa e como organizar a mão de obra a fim de alavancar resultados, tudo isso por meio dos conceitos da filosofia Lean Seis Sigma.