A engenharia é um dos campos de mais rápido crescimento e mais empolgantes da atualidade. Ela oferece aos profissionais recém-formados um potencial significativo de ganhos, estabilidade no emprego e claro, muita satisfação pessoal.

Por isso, todo profissional de sucesso está sempre em busca de capacitação e de melhoria contínua, não só nas habilidades técnicas chamadas Hard Skills como também nas chamadas Soft Skills.

 

O que são as Soft Skills?

 

Soft Skills é um termo em inglês usado para definir habilidades comportamentais e competências subjetivas desenvolvidas ao longo da vida e que, geralmente, são mais difíceis de definir e mensurar.

Também são conhecidas como people skills (habilidades com pessoas) e interpersonal skills (habilidades interpessoais). Elas também estão relacionadas com as capacidades pessoais e também de interagir e lidar com outras pessoas no ambiente de trabalho.

Segundo Dale Carnegie, “mesmo em linhas técnicas como a engenharia, cerca de 15% do sucesso financeiro é devido ao conhecimento técnico e cerca de 85% é devido à habilidade em engenharia humana, à personalidade e à capacidade de liderar pessoas”.

Agora que você já sabe o que é qual a importância das soft skills, se prepare! Neste artigo vou te mostrar quais são as habilidades mais importantes e indispensáveis na carreira de qualquer engenheiro.

 

Vamos para a imersão?

 

1. Pensamento criativo

 

Nossa primeira da lista de Soft Skills está relacionada com o modo que se encara os problemas. Um engenheiro está sujeito à resolução de diversos problemas, desde situações mais simples até sistemas complexos.

Daí vem a importância de se ter soluções criativas, pois nem sempre as decisões serão baseadas em números e estatísticas para a resolução de problemas. A chave aqui é usar os conhecimentos que você tem e aplicá-los de formas diferentes em cada situação.

As empresas valorizam profissionais que conseguem imaginar e aplicar diferentes saídas para resolver problemas. Essas habilidades demonstram que sua formação é baseada em inteligências multidisciplinares.

 

Como melhorar essa Soft Skill?

 

Ao contrário do que muitos pensam, criatividade pode sim ser treinada. Sendo você uma pessoa criativa ou não, tente sempre pensar em mais de uma solução sem ser a primeira que vier na cabeça.

Você também pode praticar alguma tarefa que exija mais do seu cérebro, como a prática de escrita e leitura diária e também outras atividades, como sudoku ou xadrez.

Pode parecer um impacto pequeno a curto prazo, mas esse tipo de exercício ativa várias áreas do cérebro e aumenta o número de conexões entre os neurônios.
 

 

2. Comunicação eficiente

 

A engenharia é um ramo técnico e depende muito da comunicação precisa entre colaboradores e engenheiros. Além disso, é necessário que você tenha a habilidade de se comunicar com pessoas de outras áreas e também clientes, que geralmente não tem formação técnica.

Ela é uma das soft skills mais relevantes, pois se faz necessário que durante a comunicação você seja capaz de traduzir seu conhecimento especializado em termos que outras pessoas possam entender.

Muitos engenheiros são verdadeiros mestres Jedi nas Hard Skills, mas ainda pequenos padawans na Soft Skill da boa comunicação.

 

 

Como melhorar a Soft Skill da comunicação?

 

A primeira coisa é saber falar de si mesmo, conseguir fazer uma apresentação pessoal. A essa atividade chamamos de pitch pessoal. Temos um artigo excelente que explica o que é e como treinar o seu.

Pratique sua oratória sempre que possível com amigos e peça que eles forneçam um feedback, o que, com certeza, vai te ajudar a melhorar.

Mesmo que você seja formado, não tenha medo de errar. Caso tenha a oportunidade de se apresentar em público ou simplesmente explicar detalhes do seu trabalho para alguém, faça isso.

Pode parecer difícil no início, mas somente com alguma prática você será capaz de desenvolver essa soft skill.

 

3. Pensamento crítico

 

O pensamento crítico é uma soft skill que figura entre as mais valorizadas no ambiente corporativo. Ela pode ser definida como: a capacidade de refletir e questionar ações e seus impactos.

Muito mais que somente executar tarefas, um engenheiro deve se questionar e planejar o que está fazendo e o que fará na sequência.

Todos os dias é necessário tomar decisões no trabalho, e muitas vezes elas são feitas à pressa e sob pressão. Então, é importante relacionar as competências técnicas com o pensamento crítico, sempre medindo as vantagens e desvantagens de cada decisão.

 

Como trabalhar o pensamento crítico?

 

Segundo Sir Oliver Wendell Holmes: “A mente que se abre para uma nova ideia não volta mais ao seu tamanho original.”

Então seja pró-ativo, não fique esperando que as coisas aconteçam ao seu redor. Procure desafios para aprender com eles, isso vai fazer com que você possa refletir sobre diversas situações a que não era exposto antes.

 

 

4. Negociação

 

Essa é um dos exemplos de soft skills que apesar de ser muito bem avaliada, costuma ser rara de ser encontrada na formação de engenheiros.

A regra é clara, quem apresenta boas capacidades de negociar, com certeza está na vantagem no mercado de trabalho.

Um bom negociador é aquele que encara toda e qualquer circunstância onde é preciso conseguir um acordo. Seu foco deve estar no interesse mútuo e não nas posições que a outra parte vir a apresentar.

Afinal, nem sempre o que for apresentado será a única solução para o problema.

 

Como melhorar minhas soft skill de negociação?

 

Segundo um estudo da Universidade da Califórnia, na Berkeley Haass School of Business, negociação é uma das soft skills que pode ser desenvolvida por qualquer pessoa. Com um pouco de prática e aprimoramento, todos podem alcançar o patamar de potenciais negociadores de sucesso.

Se quiser aprender mais, temos um ebook fantástico e gratuito que tira todas as dúvidas e ainda ensina 5 técnicas de negociação de sucesso. Tenho certeza que você vai gostar.

 


5. Gestão de pessoas e trabalho em equipe

 

Seguindo a linha do escritor Dale Carnegie, vamos falar dessa soft skill que diz respeito a obter o melhor resultado de cada pessoa. Além disso, é necessário estimular as competências coletivas, como forma de fazer com que trabalhem em equipe.

Só é possível conseguir um melhor aproveitamento nas atividades pela partilha de responsabilidades entre pessoas e pela gestão eficaz do trabalho. Contudo, muitos engenheiros, principalmente em início de carreira tem dificuldades com isso.

Pode parecer que não, mas delegar tarefas e manter uma equipe unida em prol de um resultado às vezes se torna uma tarefa árdua.

 

Como melhorar o trabalho em equipe?

 

Você precisa ser capaz de trabalhar em colaboração com diferentes tipos de pessoas em todos os níveis. Para isso, pode explorar habilidades de comunicação verbal e de linguagem corporal, por exemplo.

Como forma de organizar a equipe, coloque tudo o que precisa ser feito no papel e depois defina o que cada pessoa tem mais facilidade de fazer ou gostaria de executar.

Além disso, como forma de liderar, você precisa do caráter e integridade que vão fazer com que as outras pessoas passem a confiar em você. Perceba que, com o tempo, isso vai impactar no modo como todos vocês trabalham juntos.

 

6. Inteligência emocional

 

Indispensável para qualquer cargo mas especialmente importante em situações de stress e grande pressão.

Engenheiros trabalham para resultados e geralmente isso vem acompanhado de grandes responsabilidades. De nada adianta ser super produtivo mas ter pavio curto e ser afetado por mudanças repentinas de humor.

As empresas, cada vez mais, têm buscado profissionais que são autocentrados e consigam ser calmos e também enérgicos na hora certa. Isso vem de um autoconhecimento e também com a maturidade.

Além disso, podemos destacar positivamente profissionais que têm capacidade de se colocar no lugar do outro e entender seus sentimentos. A isso chamamos de empatia.

 

Como trabalhar a inteligência emocional?

 

É impossível falar desse assunto, hoje em dia, sem citar Daniel Goleman. Ele é um jornalista americano, autor do livro Inteligência Emocional, leitura mais que recomendada.

Para trabalhar a soft skill da inteligência emocional podemos destacar alguns pontos:

 

  • Saber seus pontos fortes e os de melhoria;

  • Aprender a dizer não;

  • Dominar as emoções, como disse acima;

  • Perceber as emoções e caráter de outras pessoas;

  • Não se ofender e, caso ocorra, não guardar rancor;

  • Conseguir se desligar de pessoas tóxicas;

  • Saber ouvir e prestar atenção aos outros.

 

Esses são os destaques relevantes de serem desenvolvidos durante sua formação e que têm grande impacto na sua vida profissional.

 

7. Gestão do tempo

 

Ter o controle da gestão do tempo é uma das soft skills mais importantes para os engenheiros modernos. Gerenciar a própria rotina e o tempo dos outros, levando em conta os objetivos como controle, planejamento e programação da produção, têm muito valor agregado ao trabalho.

Esse é um profissional para se manter, principalmente na indústria 4.0, onde essa soft skill está ligada diretamente à produtividade. Então é necessário uma harmonia, nem com cargas assoberbadas de trabalho e nem com períodos de tempo ociosos.

Quando um funcionário trabalha excessivamente se sente estressado. Por outro lado, se ele tem uma demanda menor, pode se sentir desmotivado. Por isso, esse equilíbrio é fundamental.

 

Como posso melhorar minha gestão do tempo?

 

Organize-se, conheça sua rotina e administre suas prioridades. Isso te ajudará não só em seu trabalho, como também te trará mais qualidade de vida.

Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje. As coisas mais importantes a serem feitas devem ser priorizadas, lembre-se que o fim depende do início, então comece logo e independente da tarefa, faça bem feito!

Para começar a desenvolver essa soft skills, crie sua própria rotina, faça listas, tudo o que funcionar para você no quesito organização. Se você começar a gerenciar isso agora, em pouco tempo vai alcançar resultados fantásticos de otimização do tempo e produtividade.

Se quiser aprender mais, elaboramos um curso de Gestão do Tempo e Produtividade Profissional que ensina passo a passo como organizar o tempo por meio de planejamento, gestão da rotina e disciplina orientada a resultados.

Não perca mais tempo e se inscreva. Temos recebidos vários feedbacks de pessoas que estão conseguindo excelentes resultados após a realização do curso.

  

 

Busque sempre se capacitar

 

Como você pôde perceber, devemos sempre buscar o desenvolvimento pessoal, pois nada melhor que investir em nós mesmos para desenvolver essas soft skills.

Além disso, as soft skills, por serem mais difíceis de se aprender do que as hard skills, costumam ser mais bem avaliadas por recrutadores. Eles entendem que o candidato pode rapidamente aprender uma hard skill, enquanto desenvolver uma habilidade comportamental demanda bem mais tempo.

Se você gostou desse artigo, deixe um comentário abaixo para avaliar nosso conteúdo, pois seu feedback é muito importante para nós. Não esqueça de mandar essa lista para seu amigo engenheiro que precisa aprender a relevância do desenvolvimento das soft skills. (: