Você sabe por que um analista de processos é tão importante para o cotidiano das empresas? Calma que eu vou te contar:

Aumentar a produtividade na realização dos seus serviços é o que todas as empresas almejam, sejam elas pequenas, médias ou grandes. Ainda mais hoje em dia, em que conceitos como a Internet das Coisas (IoT)Big Data e análise de dados estão cada vez mais presentes.

Para que ocorra a tão esperada melhoria contínua no trabalho de uma empresa, é fundamental que exista uma análise precisa dos processos de produção, bem como dos processos de negócio.

Seja para interagir com os clientes, se destacar entre os concorrentes ou lançar novos produtos no mercado, a análise de processos se revela muito importante em qualquer empreendimento.

É por essa razão que a presença do analista de processos é de grande ajuda para qualquer área de negócios. 

E aí, já está ficando por dentro do assunto? Então continue com a gente para aprende mais!

Nós separamos os seguinte tópicos para você:

  • O que faz um analista de processos?

  • Qual é a formação e o perfil profissional do analista de processos?

  • Mercado de trabalho para o analista de processos;

  • Analista de processos e aplicação do Seis Sigma;

  • O analista de processos exerce funções importantes nos negócios.

 

O que faz um analista de processos?

 

O analista de processos é o profissional que realiza a análise de processos, sugere melhorias nos procedimentos de trabalho e ainda conhece vários métodos de gestão de trabalho, incluindo o Seis Sigma, entre outras metodologias. 

Além disso, um analista de processos estipula metodologias e processos de trabalho, pesquisa parâmetros, estabelece fluxo das atividades e verifica possíveis falhas. Tudo isso, sempre com a proposta de solucionar erros e propor a melhoria dos processos.

Para compreender melhor o que faz um analista de processos, é pertinente também compreender o que é a análise de processos. Essa análise consiste em uma revisão e criação de um melhor entendimento relacionado aos processos de negócio. 

Análise de processos abrange a revisão de tudo que constitui um processo, incluindo aí as entradas, as saídas, procedimentos, controles, colaboradores, aplicações, tecnologias e a maneira como ocorre as interações de todos esses elementos para produzir resultados.

A análise abrange a avaliação de tempo, os custos e a qualidade de processos, podendo para isso usar modelos visuais estáticos ou dinâmicos.

Diante disso, no atual contexto em que as empresas se encontram, cada vez mais a presença do analista de processos ganha bastante relevância. Desse modo, novas estratégias, abordagens e tecnologias começam a ser analisadas para melhorar a produtividade.

Dentre as exigências do mercado, os profissionais que realizam a análise de processos passam a ser valorizados em qualquer área de negócios.

E por falar em processos, você conhece o método Seis Sigma? Se você quer aprender mais sobre essa metodologia baixe o nosso e-book gratuito! É só clicar no botão abaixo:

 

imagem do ebook: o que é e como funciona o seis sigma?

 

Qual é a formação e o perfil profissional do analista de processos?

 

A tarefa de compreender todos os procedimentos que fazem parte de uma organização é do analista de processos. Tais processos abrangem desde a infraestrutura de tecnologia da informação até as mais altas esferas de negócio.

Desta forma, a formação desse profissional está relacionada diretamente com áreas que envolvem a análise de requisitos, o gerenciamento corporativo e conceitos de tecnologia da informação.

Tais conhecimentos são importantes para assim ser mantido um padrão entre os processos e as estruturas da organização. Isso possibilita que a empresa tenha condições de controlar com mais eficiência os custos e melhorar a performance de uma forma geral.

Apesar de não existir um curso específico para quem deseja seguir a carreira de analista de processos, a obtenção de um diploma de nível superior em cursos como administração de empresas ou ciências da computação fornece o conhecimento adequado para esse profissional. 

O curso de administração de empresas, de uma forma geral, apresenta conteúdos relacionados a processos de negócios, gerenciamento de projetos, economia e liderança.

Os cursos em ciência, tecnologia da informação e programação de computadores também são indicados para quem quer atuar como analista de processos. O conteúdo desses cursos auxilia a compreender melhor a análise e manipulação de dados.

O perfil desse profissional deve ser dinâmico e caracterizado pela curiosidade. Ou seja, ter vontade constante de aprender e pesquisar é um dos requisitos básicos para futuros analistas de processos.

Além disso, ter uma boa capacidade de trabalhar em equipe, bem como possuir perfil de liderança também ajuda muito. 

 

Mercado de trabalho para o analista de processos

Analista-de-processos.png

 

O mercado de trabalho para o analista de processos é bastante promissor. Ele pode atuar em diferentes áreas de negócio, tanto nas pequenas quanto nas grandes empresas.

Sendo assim, é possível trabalhar como estagiário ou exercer funções em posições mais elevadas na organização.

Após adquirir a experiência necessária, os analistas de processos podem ocupar cargos que proporcionam mais responsabilidades e mais exposição ao trabalho.

Ao exercer as suas funções, o analista de processos se torna um dos pilares para o êxito dos mais variados tipos de negócios. 

 

Analista de processos e aplicação do Seis Sigma

 

O aumento da produtividade em um negócio requer o conhecimento de vários modelos de gestão de projetos. Um dos alicerces para uma boa análise de processos é a utilização da metodologia Seis Sigma.

Essa metodologia consiste em um conjunto de práticas capazes de trazer melhorias contínuas para o trabalho. Ela é de grande utilidade para que a empresa consiga atingir as suas metas, obtendo uma boa margem de lucro e melhorar a sua relação com os clientes.

Uma das principais características do Seis Sigma é o fato dele contar com dois tipos de métodos. Ambos são divididos em cinco fases, as quais veremos a seguir: 

 

DMADV

É a sigla para as fases de definição (define), mensuração (measure), análise (analyze), desenho (design) e verificação (verify). É um método mais voltado para a criação de novos produtos e serviços.

 

DMAIC

É a sigla para as fases de definição (define), mensuração (measure), análise (analyze), melhoria (improve) e controle (control). É um método bastante adequado para melhoramento contínuo dos processos.

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre esses métodos ou sobre a diferença entre eles, eu vou deixar para você um artigo do nosso blog que pode te ajudar muito: DMAIC e DMADV: qual a diferença entre eles?

 

 

O analista de processos exerce funções importantes nos negócios

 

Hoje em dia, uma boa gestão é a base para que qualquer projeto seja bem sucedido. Sendo assim, o analista de processos ganha cada vez mais protagonismo.

Portanto, para saber ainda mais sobre importante assunto e também se aprofundar no Seis Sigma, adquira o Curso Green Belt desenvolvido pela Voitto. Ele oferece conteúdos ricos e elucidativos acerca desses temas básicos sobre gestão.   

Clique no botão abaixo e comece agora:

 

banner do treinamento de green belt em lean seis sigma