A comunicação tem importância primária no desenvolvimento da humanidade. Na verdade, é essa capacidade de se comunicar de formas tão diversas e complexas que nos distingue dos outros animais, e é considerada uma das principais características de uma inteligência avançada.

Essa habilidade se divide em comunicação verbal e não verbal. Embora a diferença entre elas seja relativamente simples de se definir, é necessário entender a importância que cada uma tem na hora de transmitir informações. Nesse artigo você verá:

  • O que é a comunicação?
  • Comunicação verbal
  • Comunicação não verbal

 

O que é a comunicação?

 

A comunicação é dada pela troca de informação entre no mínimo dois indivíduos, sendo constituída pela linguagem verbal e/ou não verbal. Ou seja, na hora de se comunicar, é possível fazer uso de uma delas separadamente ou aplicá-las em conjunto.

Podemos dizer que a comunicação só é efetiva se o receptor entender a mensagem que o emissor quis transmitir. Para isso, é necessário que a mensagem seja clara e objetiva.

Tenha em mente que a mensagem é o verdadeiro tesouro da comunicação, e essa mensagem pode ser transmitida de forma verbal ou não verbal.

Assim, considerando a oratória como uma das soft skills mais demandadas pelo mercado de trabalho, a Voitto preparou a Websérie Soft Skills. Você aprenderá, com dicas práticas, como desenvolver as habilidades do profissional do futuro com a consultora Liliane Luchin e, assim, alavancar na sua carreira!

São 5 episódios, a exemplo: “Soft skills: saiba quais são as mais valorizadas” e "Comunicação eficiente e negociação”. Só clicar abaixo e se desenvolver:)

 

Websérie Soft Skills

 

Com essa introdução sobre comunicação e sua importância, que tal ver quais são as diferenças entre elas?

 

Comunicação verbal

 

A comunicação verbal pode ser definida como sendo toda linguagem falada ou escrita, ou seja, toda mensagem transmitida através de palavras. É parte do dia a dia de todos nós e possui uma variedade enorme, pois existem por volta de 7.000 idiomas no mundo!

De uma certa forma, a linguagem é diferente para cada um desses idiomas, com formas diferentes de enxergar o mundo.

Outro ponto de destaque é o advento da escrita, considerada a maior invenção de todos os tempos, e que permitiu que a informação fosse documentada, mantendo assim registros para a posteridade.

Assim, é possível perceber a importância que esse tipo de comunicação tem. E não é somente o que se diz, mas como se diz. Seu tom de voz e o volume com que fala influenciam consideravelmente na comunicação, tornando uma mensagem mais “agradável" ou não.

Enquanto o tom de voz é um elemento da linguagem não verbal, as palavras ditas pertencem à verbal e têm muita importância na comunicação. Não caia nessa de achar que elas não importam. Afinal de contas, não tem linguagem corporal e tom de voz que consertem uma palavra errada na hora errada.

 

Comunicação não verbal

 

A comunicação não verbal é compreendida por tudo aquilo que não faz uso de palavras. Já falamos sobre o tom de voz, mas esse é apenas um dos elementos desse tipo de linguagem. Outro exemplo é a linguagem corporal, que abrange tanto os movimentos do corpo quanto as expressões faciais.

Esse tipo de comunicação exerce muita influência no discurso, sendo um dos principais pontos de observação para quem quer falar bem em público. Cuidados com as mãos, a postura e a tonalidade da voz fazem a diferença, transmitindo mais confiança e segurança.

A linguagem não verbal possui características interessantes e universais, como alguns gestos (existem várias exceções) que são entendidos em qualquer lugar do mundo ou mesmo uma expressão facial de tristeza, que é basicamente a mesma para todos.

Outro excelente exemplo da aplicação da linguagem não verbal é na sinalização de trânsito. Já parou para pensar que a maioria das placas de trânsito não possuem palavras escritas nelas? Mesmo assim, entendemos perfeitamente a mensagem transmitida por elas, pois aprendemos tanto na autoescola quando por repetição e pelo convívio na sociedade.

É interessante perceber que nos acostumamos com essas convenções e achamos muito estranho quando ocorre qualquer mudança. Pense bem, você consegue se imaginar parando quando o semáforo indica luz verde? Seria bem estranho, não é mesmo?

Um ponto a se destacar é que essa escolha se deu baseado na nossa percepção visual, que associa o vermelho ao perigo e o verde à tranquilidade. O amarelo, que é o intermediário entre eles, se torna assim o sinal de atenção.

Mas qual a importância disso? Bem, é baseado na maneira como nossa interpretação de mensagens não verbais é feita que desenvolvemos os estudos em linguagem corporal, pois nossa mente associa determinados gestos a sentimentos, tornando a comunicação mais ou menos efetiva.

 

Quero melhorar minha comunicação!

 

Agora que você já sabe a diferença entre comunicação verbal e não verbal e qual sua importância para o processo de transmissão de informações, deve estar querendo aprender ainda mais, certo?

Afinal de contas, no mundo moderno, é muito importante desenvolver as habilidades de oratória para conseguir se comunicar com as pessoas de forma que elas ouçam o que você tem a dizer, tanto no trabalho quanto em sua vida pessoal.

Para te ajudar nesse processo, a Voitto traz até você o curso de Oratória e Técnicas de Apresentação, com dicas sobre storytelling, pitch, entonação, gestos e outros elementos que darão um up na sua performance. Não perca tempo e se inscreva já!

 

Curso de Oratória e Técnicas de Comunicação

 

Não se esqueça de deixar seu comentário nesse artigo dizendo o que achou, pois seu feedback é muito importante para nós!