Saúde digital, e-saúde ou saúde 4.0 são todas terminologias utilizadas para se referir à integração da tecnologia com a área da saúde. 

Considerando todos os impactos que a transformação digital trouxe para diversos segmentos, seria imprudente resistir a tais mudanças no universo da saúde. 

Em São Paulo, por exemplo, isso já é uma realidade, onde o Hospital Universitário da UFSCar realiza mais de 3 mil atendimentos por telemedicina

Este exemplo mostra que, além de possível e viável, a saúde digital também pode se tornar mais acessível.

Agora, se quiser entender mais sobre o que é saúde digital e quais seus benefícios não deixe de acompanhar este conteúdo até o final. Para isso, estruturamos esse tema nos seguintes tópicos:

  • O que é saúde digital?

  • Qual é a importância da saúde digital?

  • Exemplos de tecnologia utilizadas na saúde digital;

  • 7 benefícios da saúde digital;

Preparada(o) para expandir seus conhecimentos? Pegue um café e vamos lá!

 

O que é saúde digital?

 

A saúde digital é a utilização da tecnologia para aumentar a qualidade do atendimento, dos diagnósticos e dos tratamentos de pacientes.

Indo muito além de apenas informatizar o atendimento pelo uso de tecnologias, é possível integralizar todos os níveis de processos utilizando suas vertentes a favor da clínica médica. 

Para poder fazer uso das tecnologias, também é necessário estar por dentro das melhores técnicas de gestão para clínicas médicas. Pensando nisso, preparamos para você o E-book Gestão para Médicos.

Com ele, você aprenderá a como gerir seu consultório, seu tempo e suas finanças. Ficou interessada(o)? É só clicar no botão abaixo!

E-book gestão para médicos

Ainda não tem certeza se fazer uso da saúde digital é um bom caminho para sua clínica? Então, confira a seguir o que preparamos para você!

 

Qual é a importância da saúde digital?

 

A saúde digital também traz mais segurança em seus resultados, não apenas em diagnósticos, mas nos tratamentos de modo geral.

Por meio da transformação digital, ela assegura que, ao se tratar de algo tão importante quando a vida e saúde das pessoas, nós tenhamos todas as alternativas disponíveis.

Afinal, se você pensar na medicina de cem anos atrás, vai perceber como estar alinhado às tecnologias digitais permitiu que as doenças fatais se tornassem, nos dias de hoje, situações mais controláveis.

Quer saber como aplicá-la no seu dia a dia? Veja os exemplos que preparamos a seguir!

 

Exemplos de tecnologia utilizadas na saúde digital

 

O maior exemplo de tecnologia utilizada na saúde digital é provavelmente o prontuário eletrônico. Presente no dia a dia de centenas de rotinas hospitalares, o prontuário eletrônico é muito mais do que uma digitalização das informações do paciente. 

Trata-se de um sistema integrado em toda a unidade, que permite aos profissionais de diversas especialidades consultarem a informação de um mesmo paciente em diferentes níveis de atendimento ou tratamento.

Com ele, inclusive, é possível verificar o histórico de cirurgias, de remédios, de sintomas e de tratamentos anteriores de um paciente. 

Além disso, possibilita a checagem do histórico de saúde de toda a família, aumentando a velocidade e aceitabilidade dos diagnósticos.

Esse tipo de sistema costuma conectar os setores de forma mais eficiente, antecipando a entrega de exames e impedindo diversos erros e atrasos. 

Esta conectividade também facilita o compartilhamento de informações entre diferentes unidades de saúde.

Outro exemplo é a teleconsulta cujos atendimento médicos são feitos por intermédio de ferramentas tecnológicas. Por meio disso, não é necessário que médicos e pacientes estejam no mesmo espaço físico para que o atendimento ocorra.

Agora que você já sabe como a saúde digital pode estar presente no seu cotidiano, veja os principais pontos positivos para fazer uso dela!

 

7 benefícios da saúde digital

 

Os benefícios da saúde digital vão desde um melhor treinamento para médicos, por meio da realidade virtual, até gerenciar uma clínica, utilizando softwares capazes de integralizar todos os processos deste universo. 

Para que você entenda melhor a saúde digital, separamos sete benefícios com diferentes impactos na área da saúde. Confira a lista:

 

1. Rapidez nos exames

 

Com sistemas mais avançados em hospitais, clínicas e consultórios médicos, é possível ganhar maior velocidade nos acessos e durante os resultados de exames.

Isso por que não existe uma necessidade de retirada dos exames presencialmente. Assim, economiza-se o tempo de entrega de relatórios e de guias, por meio de uma comunicação integrada em toda a unidade de saúde ou entre as unidades parceiras.

 

2. Diagnóstico mais preciso

 

Com sistemas focados na tecnologia de informação, as unidades de saúde podem realizar diagnósticos mais precisos.

Por meio dos resultados dos exames e do auxílio de inteligência artificial, por exemplo, os profissionais de saúde têm uma visão mais clara do que descartar e do que considerar em uma avaliação médica.

 

3. Monitoramento contínuo

 

Por meio da IoT na medicina, foi possível desenvolver um monitoramento contínuo de pacientes que precisam de atenção especial.

Trazendo essa teoria para a nossa realidade, podemos constatar que, hoje em dia, a tecnologia já nos permite usufruir de ferramentas essenciais como o marcapassos inteligentes e o monitor contínuo de glicose.

Tais dispositivos coletam, armazenam e enviam informações em tempo real para que o profissional responsável possa monitorar continuamente a saúde de seus pacientes.

Desta maneira, além de facilitar o serviço do profissional, ajuda o paciente a ter uma melhor experiência de todo o processo clínico. 

 

4. Maior interação com os clientes

 

Alguns aplicativos simples de saúde já conseguem promover uma maior interação com os pacientes. 

Os usuários podem armazenar os sintomas diariamente e enviar o conjunto de informações, para ser avaliado por um médico no fim de cada mês. Na suspeita de algum problema o médico, podem solicitar exames ou recomendar um especialista.

Dessa forma, embora não haja um contato pessoal, é possível criar uma interação maior com a rotina do paciente, além de monitorar sua rotina com possíveis sintomas que ele mesmo esqueceu de mencionar durante a consulta. 

 

5. Eficiência na agenda

 

Entre os principais benefícios da saúde digital, podemos destacar a eficiência na organização e no controle diário da agenda. 

Afinal, diversas clínicas já adotaram métodos de agendamento de consultas online, otimizando o tempo do profissional com do paciente de maneira geral. 

Com isso, é possível que a clínica crie um ambiente mais organizado e personalizado, fazendo com que o paciente consiga se sentir realmente conectado com a nova proposta empregada.

Inclusive esse tipo de sistema possibilita que o profissional programe horários de intervalo, que não serão interrompidos por pacientes em espera prolongada.

Já em clínicas com muitas especialidades, este tipo de prática otimiza o atendimento, gerando assim uma integração da agenda com a escala dos profissionais, evitando possíveis erros e desgastes.

 

6. Redução de custos

 

No universo da saúde digital, diversas atividades são automatizadas. Os aplicativos e os sistemas auxiliam no gerenciamento de diversas funções. Desta forma, é possível reduzir custos que são muito mais profundos e complexos.

Um exemplo claro, para o entendimento de qualquer gestor, está na diminuição de jornadas de trabalho extra que, muitas vezes, acabam sendo desnecessárias, caso processos de automação sejam implantados em setores estratégicos. 

 

7. Praticidade

 

Considerando alguns dos benefícios citados acima, a praticidade certamente pode ser levada em consideração.

Pensando, de maneira prática, na velocidade dos exames, no monitoramento contínuo e nos diagnósticos, podemos dizer que a saúde digital é inúmeras vezes mais prática que os sistemas de saúde comuns.

A maior prova disso é o aumento do atendimento à distância por meio das teleconsultas, que vem se tornando cada vez mais popular ao redor do Brasil.

 

Sempre é tempo de melhorar!

 

Neste artigo, você aprendeu um pouco mais sobre saúde digital e como ela pode ajudar o seu trabalho cotidiano em uma clínica.

Para que você possa estruturar ainda melhor sua clínica, preparamos para você o curso de Formação Empreendedora! Afinal, se você pretende se consolidar na sua área, é sempre preciso estar atento às melhores práticas e estratégias existentes.

Com o curso, você aprenderá a identificar oportunidades e chances de melhoria e a definir propostas de valor! Para começar a expandir seu conhecimento, é só clicar no botão abaixo!

Curso de formação empreendedora