Podemos concordar em dizer que a blockchain (cadeia de blocos) é uma das tecnologias mais impressionantes e disruptivas do século XXI. Em 2008, a publicação do artigo “Bitcoin: A Peer-to-Peer Electronic Cash System”, de Satoshi Nakamoto, deu origem a essa onda de blockchain, bitcoin e criptomoedas.

No entanto, devido à complexidade da tecnologia cripto, não se esperava que a cadeia de blocos tomasse a proporção que ela tem hoje em dia, influenciando até a maneira como negócios estão surgindo.

Não sabe do que estou falando? Sério?

É sobre a onda de startups que têm aplicado blockchain como solução para desenvolver seus modelos de negócios. Quer conhecer que startups são essas? Ótimo! Neste artigo, você vai encontrar uma lista de 7 startups com tecnologia blockchain na área de finanças, educação, seguros e mobilidade.

São elas:

  • Myriad;
  • BeeTech;
  • Sensedia;
  • 88i;
  • Monzo;
  • DriveOn;
  • Blockchain Academy.

A maioria das empresas da lista são brasileiras! Quem sabe, depois de ler o artigo, você não se interesse em trabalhar em alguma delas, não é? Já vou adiantando que você precisa desenvolver suas habilidades relacionadas a tecnologia e linguagem de programação para atuar em uma startup dessas.

E para ajudar você com isso, temos um curso de fundamentos essenciais para Python no qual você aprenderá os fundamentos da lógica de programação e o suficiente para conseguir utilizar essa linguagem na resolução de problemas do dia a dia.

Legal, não é? Então, acesse o curso agora mesmo clicando no botão abaixo e se inscreva.

Curso de fundamentos essenciais para Python!

 

7 startups que utilizam tecnologia blockchain

 

Primeiro, vamos entender o cenário das startups que aplicam blockchain. No primeiro semestre de 2019, de acordo com a Outlier Ventures, elas arrecadaram US$ 822 milhões de investimento a mais que o mesmo período do ano anterior.

É um aumento significativo em criptonegócios, o que mostra que eles estão atraindo os olhos dos investidores e, por isso, é importante você também ficar de olho!

Conheça alguma dessas startups!

 

1. Myriad

 

A Myriad é uma startup brasileira com modelo Business-to-Business (B2B), que tem como objetivo prestar serviços de gestão da informação para negócios.

Eles chamam esse objetivo de “verdadeira transformação digital” e para cumpri-lo, aplicam a tecnologia blockchain para gerar documentos seguros e imutáveis.

Os principais serviços são: 

  • MyContent+: é um software de gestão da informação que conta com um sistema CMS exclusivo que digitaliza, armazena, gerencia e distribui as informações de forma organizada.
  • MyDoc+: é solução para empresas que precisam armazenar documentos físicos. Utiliza um sistema de WMS para gerir os armazéns onde as cópias dos documentos são protegidas.
  • MyCloud+: um serviço de armazenamento na nuvem. Além disso, a Myriad cuida de prover a infraestrutura para as empresas conseguirem ingressar na transformação digital.

Interessante, não? Saindo de uma startup blockchain de gestão da informação vamos conhecer, no próximo tópico, a fintech que emprega a famosa blockchain ripple. Continue a leitura!

 

2. BeeTech

 

Let people bee global!

O objetivo da BeeTech é fornecer uma rede bancária descentralizada por meio da tecnologia Ripple.

A startup é a primeira fintech do Brasil que utiliza a Ripple. Os serviços prestados são:

  • FXaaS API: integração dos sistemas de transferência de dinheiro para diferentes lugares no mundo, com alta velocidade e baixas taxas.
  • OpenPayments: a solução para empresas do exterior para receber pagamentos de clientes brasileiros de maneira muito descomplicada.

A BeeTech atua em uma área muito delicada no mercado: os sistemas de pagamentos. Aplicar a tecnologia blockchain para resolver problemas nessa área é a garantia de segurança e agilidade que tanto o cliente quando o vendedor precisam.

Uma das soluções da BeeTech é o FXaaS API, como você leu. Mas você sabe o que é API?

API é a sigla para “Application Programming Interface”, que significa Interface de Programação de Aplicativos. O API tem como objetivo integrar dados de diferentes programas e aplicativos.

A próxima startup com blockchain criou um modelo de negócio em torno de API’s. Vamos conhecer?

 

3. Sensedia

 

A Sensedia é uma startup brasileira que aplica blockchain para criar um sistema de gerenciamento de API’s.

Como você acabou de ler, o API integra dados de diferentes programas. Já pensou na quantidade de informações que são trocadas dentro de uma empresa? Apesar dos API’s integrarem essas informações, é preciso que os gestores tenham uma visão holística sobre elas.

Para isso, a Sensedia criou a plataforma de API Management Sensedia, que monitora os dados e qualidade dos processos integrados pelos API’s. Por meio da plataforma, o gestor consegue ter uma visão generalizada das informações, realizar análises e tomar decisões eficientes para o negócio.

Perceba que o propósito das startups que utilizam blockchain é garantir o gestão de dados e segurança de informações. Uma área que precisa essencialmente desses dois aspectos é o mercado dos seguros.

A próxima startup atua nesse mercado. Preparado para conhecê-la? Siga a leitura!

 

4. 88i

 

A 88i é uma insurtech (startup de seguros) brasileira criada por Rodrigo Ventura, um economista formado pela PUC-SP e que já trabalhou em grandes empresas como HSBC, Bradesco, Porto Seguro e KPMG.

A startup conta com mais de 1200 usuários dos serviços de seguro para:

  • Celular;
  • Telemedicina;
  • Vida e acidentes pessoais;
  • Bagagem;
  • Assistência para automóvel;
  • Impedimento ao trabalho.

A startup se descreve da seguinte forma:

“Somos um ecossistema de proteção integrado com várias seguradoras, com contratação de forma digital, sem papelada, sem corretor, sem burocracia.”

Se você estiver se perguntando: mas como atingir isso? A resposta é simples: aplicando a tecnologia blockchain. 

 

5. DriveOn

 

Ainda falando de seguros, mas agora na perspectiva das seguradoras.

A DriveOn pensou em como resolver o problema das seguradoras em monitorar os automóveis segurados para evitar esquemas fraudulentos e incentivar o uso consciente por parte dos usuários.

Quer saber como?

De acordo com Expedito Belmont, o CEO da startup:

“A DriveOn resolve o dilema da transformação digital da mobilidade com o uso efetivo da tecnologia Blockchain.”

A empresa monitora as informações sobre o comportamento dos condutores e características mecânicas dos veículos. Em seguida, aplica a cadeia de blocos para registrar essas informações e remunerar os usuários com o ativo digital token Cryptomiles.

Dessa forma, ocorre incentivo para que os usuários cuidem melhor de seus automóveis e as seguradoras, na posse dessas informações, conseguem acompanhar os veículos segurados.

Agora, vamos voltar para o mundo das fintechs e conhecer uma startup de serviços bancários com tecnologia blockchain.

 

6. Monzo 

 

A única startup dessa lista que não é brasileira, mas que não poderia ficar de fora por seus resultados impressionantes.

A Monzo é uma fintech de serviços bancários que, por conta das baixas taxas e boa prestação de serviços, atraiu mais de 1 milhão de clientes desde 2015 quando foi fundada na Inglaterra.

O principal serviço da Monzo é a conta corrente. Não é tão complicado para abrir a conta uma vez que a startup aplica blockchain para certificação da identidade dos usuários, além de aplicá-la nas transações financeiras.

Utilizar os serviços da startup são uma boa solução, caso você vá viajar para o exterior.

 

7. Blockchain Academy

 

Por fim, a última startup é a Blockchain Academy.

A Blockchain Academy é uma edtech com foco em criar um ecossistema para ensino e aceleração de negócios que utilizam a tecnologia blockchain.

Foi fundada em 2016, possui mentores de diferentes áreas (software, jurídica, economia, business e inovação) e oferece três tipos de serviços:

  • Cursos abertos;
  • In Company;
  • Consultoria Cocriativa.

Mais de 4000 empreendedores passaram por essa startup e grandes empresas, como a Votorantim, Carrefour e BTG Pactual, já utilizaram os seus serviços In Company.

 

Agora, uma dica bem legal para você

 

Nesse artigo, você conheceu 7 startups que aplicam tecnologia blockchain em seus negócios e com certeza percebeu que são negócios bastante escaláveis.

A blockchain é uma das tecnologias mais incríveis que temos hoje, concorda? Se você gosta de tecnologia e quer trabalhar com isso, o caminho certo é tentar vaga em uma dessas startups citadas no artigo. 

Por onde começar?

Essa é a dica para você! Além das habilidades com programação que falei anteriormente, você também pode desenvolver sua capacidade de analisar dados de um negócio em diferentes níveis e como tomar de decisões mais embasadas e bem estruturadas.

Isso e muito mais você aprenderá no curso de introdução ao Power BI. Esse é o software criado pela Microsoft para análise inteligente de negócios.

Você não vai perder a oportunidade incrível de fazer esse curso, qualificar-se e dar um passo a mais na sua qualificação, não é?

Tudo o que você precisa fazer é clicar no botão abaixo, se inscrever e pronto! Bem simples.

Vamos lá, comece agora!

Curso de introdução ao Power BI