Você sabe qual a relação do Minitab com a estatística? E por que essa relação é tão importante.

A estatística é um campo de estudo muito utilizado por diversos âmbitos. Na esfera pública, é usada para análise demográfica, territorial e econômica, como também em sua integração curricular nos centros de pesquisa e em universidades. O seu emprego também é notado em setores privados, financeiros e empresariais.

Grande parte desta elevada e constante demanda por recursos estatísticos – que, atualmente, ainda cresce com o auxílio de softwares especializados – se deu principalmente por conta dos avanços computacionais que permitiram facilitar o seu uso e a sua interpretação.

 

 

No artigo de hoje, vou te explicar qual a relação da estatística com o programa Minitab: como ele pode te ajudar no seu dia-a-dia acadêmico e profissional, as facilidades que você poderá obter com o download deste software e como nós empregamos seu uso nos nossos cursos de Seis Sigma!
 

Para que serve a estatística?

 

Antes de conhecer o Minitab, é importante que você saiba a razão de sua aplicação. Para fazer isso, basta pensar em qualquer problema que você tenha no seu cotidiano – seja ele acadêmico ou profissional.

Já parou para refletir sobre a quantidade de variáveis que interferem neste problema, no processo que ele faz parte e, por fim, em seu resultado? São muitas variáveis, não é mesmo?

Então, para conseguir relacionar de forma eficiente toda esta quantidade gigantesca de dados e informações de um processo é que são aplicados os estudos estatísticos - que possuem como finalidade otimizar de modo constante todo o processo de tomada de decisão.

Decisões tomadas com suporte científico são muito mais eficazes que decisões tomadas com base em achismos e opiniões. Eficazes no sentido de obterem maior desempenho, qualidade, velocidade e rentabilidade.

 

 

Um processo decisório estruturado e baseado sob um método científico e estatístico tem como objetivo relacionar todas estas variáveis – incluindo até as que não são tão significantes – para informar aos seus usuários a melhor maneira de atuar sobre um problema e sobre todo o processo para que se obtenha o melhor resultado final.

Só que a nossa capacidade intelectual de utilizar de forma rápida este recurso é muito baixa, e foi para satisfazer essa demanda, surgiram programas computacionais estatísticos, como o Minitab, que são cada vez mais aproveitados nos dias de hoje.
 

Por que usar o programa Minitab?

 

O programa Minitab foi criado com o objetivo de ser um faciitador do processo de tomada de decisões pautadas em análises e estudos estatísticos complexos de uma maneira muito mais organizada, acessível, fácil e rápida.

Atualmente, o Minitab é um dos mais utilizados por setores de qualidade e melhoria contínua em grandes corporações. Seu próprio nome já se tornou referência para uso em programas como o Seis Sigma.

O programa conta com uma rica plataforma, ao mesmo tempo simples e dinâmica, que, apesar de ser parecida com o Excel, possui um nível de aplicação muito maior para com o uso de inúmeras ferramentas estatísticas e da qualidade, como:

Histograma, Diagrama de Ishikawa e de Pareto, Cartas de Controle, Testes de Correlação e de Regressão, Boxplot, ANOVA, DOE e uma infinita gama de outras possibilidades.

 

 

Tá, eu sei, com toda esta vasta quantidade de ferramentas possíveis, você talvez já esteja pensando que só conseguiria utilizá-las com meses de estudo, não é verdade?

Porém, justamente, para eliminar este conceito de estudos estatísticos complexos, é necessário um alto nível de domínio do programa Minitab.

Pois ele, não só conta com facilidades para manipular os dados de modo muito mais eficiente, como também para elaborar apresentações e relatórios elegantes de forma automática no próprio Word se você desejar.
 

Quais ferramentas podem ser usadas no programa Minitab?

 

Como vimos no item anterior, são inúmeras as ferramentas para análise e solução de problemas que podem ser usadas no programa.

Todas elas aplicadas com um objetivo em comum: colaborar de um jeito simples para a melhor solução perante complexos problemas empresariais - e quais ferramentas seriam estas?
 

  • Estatística básica: elabore estudos estatísticos descritivos, aplique testes de hipóteses, confira intervalos de confiança e testes de normalidade;
     

  • Regressão e ANOVA: conheça as relações entre as variáveis de um problema e identifique as principais causas que o afetam;
     

  • Ferramentas da qualidade: confira a validade de seu sistema de medição com MSA, defina a capacidade do seu processo em atender seus limites de especificação com CEP;
     

  • Planejamento de experimentos: ajuste e configure as várias possibilidades de operação que seu sistema possui com DOE e determine a forma mais rentável e produtiva de operá-lo;
     

  • Cartas de controle: controle a estabilidade de seu processo e atue de forma preventiva no combate as suas variações;
     

  • Confiabilidade e sobrevivência: examine a durabilidade de um novo produto com análise de distribuição e o teste de vida acelerado e conheça as principais características que resultam nesta projeção.
     

Para acessar a lista completa da relação de ferramentas que o Minitab dispõe é só clicar aqui!
 

Como faço o download gratuito do Minitab?


 

Para fazer o download de avaliação gratuito por 30 dias da versão Minitab 18 é muito fácil!

Basta você acessar o site do programa e selecionar a opção por avaliação gratuita. Lá serão exigidas informações básicas para preenchimento, como seu nome, e-mail, telefone e alguns dados sobre a organização ou instituição de ensino que você atua.

Depois, um link para download será enviado para seu e-mail. Então, é só clicar para baixar e instalar no seu computador ou notebook!

Quer aprender a usar o Minitab? Nós temos um curso GRATUITO de introdução a esse programa. Clica no botão abaixo e comece a sua experiência!


 

Como a Voitto utiliza o Minitab em seus cursos Seis Sigma?
 

Por facilitar e muito a vida do profissional Lean Seis Sigma, a Voitto conta com aulas e videoaulas exclusivas para apresentar uma introdução ao Minitab.

Além disso, inclui na própria ementa de seus cursos de Green Belt e Black Belt a interpretação da resolução de vários exercícios, tanto simples quanto complexos, envolvendo a aplicação de ferramentas estatísticas e da qualidade com o auxílio deste programa.

Além de explicações em aula sobre como manusear sua plataforma, o futuro especialista em Lean Seis Sigma irá contar também com assistência para resolver vários exercícios extras que são propostos no conteúdo curricular de cada curso.

Tudo isso para que o estudante se torne cada vez mais apto a aproveitar as vantagens do uso desta ferramenta.

Se você se interessou pelos cursos Seis Sigma e pelo Minitab, e quer saber mais sobre como funciona o processo de certificação nesta inovadora metodologia de melhoria empresarial, eu tenho uma dica:

Nós temos um artigo que conta tudo sobre Certificação Seis Sigma; com ele você irá conhecer as fases do treinamento e todo o passo a passo para obter a sua certificação.

 

Quer saber mais sobre Seis Sigma?
 

A Voitto oferece de forma online e gratuita a formação de White Belt em Lean Seis Sigma.

Com este curso, você irá descobrir como funciona este programa de melhoria contínua, seu método DMAIC e suas principais ferramentas, além de também entender os motivos por trás decorrentes de tanto sucesso e o porquê deste programa se relacionar tanto com o Minitab.

E aí, vai ficar de fora dessa?



Gostou do nosso conteúdo? Então não esqueça de deixar seu comentário ele é muito importante para nós!