Para começar a falar sobre os treinamentos seis sigma, quero te contar uma história... Ao final dos anos 2000, Jack Welch era  CEO da General Eletric e obteve retornos bilionários para a empresa.

Isso chamou atenção de muitas pessoas e, assim, começou a busca para o entendimento do que estava por trás deste incrível resultado,foi então que descobriram a  metodologia Seis Sigma.

Com isso, muitas empresas de treinamentos e consultorias em gestão começaram a se especializar e buscar conhecer mais a fundo a filosofia.

De lá pra cá, aconteceu uma grande explosão na procura por capacitação e treinamentos seis sigma.

Mas a dúvidas que surge muitas vezes é: Os treinamentos seis sigma obedecem ou não uma sequência? Será que precisa fazer primeiro o Green Belt para depois fazer o treinamento black belt e ter a  certificação black belt?

No meio de tudo isso, muitas pessoas ficam em dúvida se existe uma sequência obrigatória para os treinamentos Seis Sigma ou não. Então continue lendo para entender sobre a classificação dos Belts, como funcionam os treinamentos e como ingressar nessa metodologia gratuitamente!

 

O que é seis sigma?

 

Caso você ainda não conheça essa incrível metodologia de melhoria contínua, irei explicar brevemente: Seis Sigma é um sistema de gestão, que é quantitativo, estruturado e disciplinado.

Essa metodologia trabalha com três grandes objetivos, que são: 

 

 

Os reais benefícios da aplicação do Seis Sigma é comprovado na prática - tanto no ambiente administrativo, quanto industrial.

Ao invés de conceituar apenas práticas de gestão sustentáveis, como a antecessora ‘Qualidade Total’ pregava, o Seis Sigma conta com uma robusta e, ao mesmo tempo, flexível estruturação, através do uso de sua principal arma: o  método DMAIC.

Assim como funciona sua aplicação para o aumento de desempenho no cenário organizacional, os treinamentos seis sigma também obedecem ao ritmo do método DMAIC.  Através de seus particulares 5 passos, os alunos são capacitados ao longo dos treinamentos seis sigma a conhecerem e se aperfeiçoarem em cada uma das mais eficientes ferramentas estatísticas e da qualidade.

 

Quais as classificações existentes dos treinamentos Seis Sigma?

 

A metodologia Seis Sigma possui uma cadeia hierárquica, mas ao contrário da hierarquia convencional, você não precisa passar por todos os níveis antes de alcançar o topo. Como assim? Vou te explicar passo a passo. 

Existem 5 níveis dentro dessa filosofia de  melhoria contínua, e são eles:

 

  • White Belt: nível mais operacional.

    Conhece os fundamentos da metodologia, porém não entende das ferramentas e sobre a aplicação de projetos.


     

  • Yellow Belt: assim como o White Belt, atua no nível operacional.

    A diferença é que o Yellow pode ser visto como o gestor das equipes operacionais, ou seja, possui um pouco mais de conhecimento sobre o Seis Sigma, coordenando a aplicação de pequenos projetos dentro da organização.


     

  • Green Belt: é o primeiro nível que está habilitado a desenvolver projetos Seis Sigma dentro da organização.

    Possui um amplo conhecimento das ferramentas técnicas do Seis Sigma. Elabora projetos que levam de 3 a 4 meses para seram concluídos, dentro de uma área da empresa.


     

  • Black Belt: é o ápice da metodologia Seis Sigma em relação a desenvolver projetos.

    Os Black Belts possuem domínio de todas as ferramentas necessárias para aplicar em grandes projetos de melhoria dentro da organização. Seus projetos duram de 4 a 6 meses, e normalmente abrangem mais de uma área da empresa. 


     

  • Master Black Belt: o nível máximo dentro do Seis Sigma. Possui todo o conhecimento de um Black Belt, além de conhecer mais a fundo ferramentas estatísticas.

    Opera em todos os níveis da organização, focando mais na parte estratégica. Lida com a alta administração da empresa, e é responsável pela aplicação e gestão do programa Seis Sigma em toda a organização.

     

Certamente você deve estar pensando que precisa percorrer todos os níveis certo? Mas não é assim dentro dos treinamentos seis sigma. Vou lhe explicar...

 

Preciso passar por todos os níveis para me tornar um Master Black Belt?

 

Não! Você pode ir direto para o topo. Mas como isso é possível? Os treinamentos de Seis Sigma vão se incorporando um ao outro. Ou seja, se você faz o Yellow, você aprende tudo que o White aprendeu, e mais o complemento.

Se você se inscreve no curso de Black Belt, você estará recebendo desde o White até o Green, mais o upgrade necessário para se tornar Black Belt.

Exatamente por isso não existe uma sequência obrigatória e nem restrições entre os treinamentos seis sigma e suas as certificações. Da mesma forma, se você já possui uma certificação seis sigma, pode ir para a seguinte sem dificuldades. Como assim? É simples.

Se você já for Green Belt e quiser se tornar Black Belt, basta fazer o curso complementar, e receberá seu certificado atestando que possui o conhecimento necessário para ser Black. Se já for um Black Belt e quiser tornar-se Master, basta fazer o upgrade. Acho que agora ficou claro, certo?

Em resumo, você pode adquirir um treinamento e todos os anteriores virão embutido nele, ou você pode apenas fazer os upgrades que desejar, caso já possua as certificações anteriores.

 

Então, como funciona de fato um treinamento em Lean Seis Sigma?

 

Você notou que, agora, inseri o termo Lean antes do Seis Sigma?

Fiz isto porque as práticas e ferramentas enxutas do  Lean Manufacturing, aliadas aos seus objetivos de combater os  8 desperdícios Lean, foram incorporadas pouco tempo depois ao Seis Sigma, resultando, assim, no modelo de gestão empresarial em prol da  melhoria contínua mais moderno e revolucionário da atualidade.

Esta integração de seis sigma e lean não interferiu na sequência dos treinamentos seis sigma, apenas contribuiu de forma muito significativa com o arsenal de técnicas e ferramentas utilizadas pela metodologia DMAIC, tornando-a ainda mais eficaz.

 

Conheça as 3 etapas dos treinamentos Seis Sigma

 

1. Princípios do Lean Seis Sigma

 

É exatamente nesta integração que o treinamento em Lean Six Sigma começa. Através da apresentação sobre a história e as motivações para o surgimento de cada um dos dois modelos, os propósitos e princípios do Lean Seis Sigma são, então, conhecidos, assim como os objetivos contemplados pelo método DMAIC.

 

2. A Metodologia DMAIC e suas etapas

 

Aqui se concentra a maior parte do curso. Agora, as fases de cada passo do método DMAIC – Definir, Medir, Analisar, Melhorar e Controlar – vão sendo fortemente exploradas, revelando as finalidades de cada uma delas, em conjunto com seu arsenal de práticas e ferramentas estatísticas, enxutas e da qualidade disponíveis e recomendadas para aplicação.

 

3. O Projeto Lean Seis Sigma

 

Ao final da exploração do método DMAIC, o estudante e/ou profissional estará apto a aplicar todo este arsenal de ferramentas ao seu ambiente de trabalho, só que desta vez da forma mais estruturada e eficiente possível - é por isto que o desenvolvimento de um projeto particular é muito importante.

Aplicar o que aprendeu é primordial para perpetuar os conhecimentos adquiridos e corrigir de antemão as ineficiências que podem ser encontradas. Assim, podemos assegurar que, através de uma monitoria, o aluno alcance o necessário para seguir com projetos individuais futuros.

 

Quer conhecer mais sobre o Lean Seis Sigma?

 

Se você chegou até aqui, claramente, se interessou pela metodologia Lean Seis Sigma. 

Quer saber mais? Como prometido no início do artigo, a Voitto oferece, de forma GRATUITA e ONLINE, o treinamento de  White Belt em Lean Seis Sigma com direito a certificado.

Que tal aproveitar esta oportunidade para se destacar no mercado de trabalho e além disso, se capacitar, conhecendo um pouco mais sobre a metodologia mais difundida no mercado?

 

 

Quer saber como avaliar se a empresa de treinamento é adequada?

 

Você sabia que não existe nenhum órgão regulamentador de certificação da metodologia Lean Seis Sigma no Brasil? Ou seja, muitas empresas de treinamento podem oferecer conteúdos insignificantes, capacitando os alunos de forma muito abaixo do esperado.

Então avaliar antecipadamente a instituição de ensino, assim como os profissionais que ministram o curso, é de vital importância.

Para saber mais sobre como avaliar a empresa de treinamento, antes de efetuar a inscrição, recomendo que você dê uma boa olhada neste outro artigo aqui sobre  como identificar um bom treinamento de Lean Seis Sigma , tenho certeza que ele irá te ajudar a escolher a melhor empresa de treinamentos seis sigma.