É bastante improvável que você nunca tenha visto um carro da Ford passando pelas ruas, ou mesmo teve algum modelo deles.

A companhia foi responsável pela popularização dos automóveis, a partir da produção de carros em massa a baixo custo.

Esta indústria automobilística foi a primeira capaz de conseguir fabricar um carro a cada 98 minutos.

A pergunta que não quer calar é: Como surgiu tudo isso? Como é essa linha de produção que Henry criou? Venha com a gente, vamos te contar tudo!

 

O que é a Ford?

 

 

A Ford Motor Company, Ford para os íntimos, é uma fabricante de automóveis multinacional dos Estados Unidos.

Foi fundada em 16 de junho de 1903 por Henry Ford, com um investimento de 28 mil dólares feito por 12 investidores, entre eles os irmãos Jhon Dodge e Horace Dodge.

A Ford é uma empresa controlada pela mesma família por mais de 100 anos.

No Brasil, a marca americana estabeleceu sua linha de montagem em 24 de abril de 1919 na cidade de São Bernardo do Campo em São Paulo, onde montava os kits do modelo T e dos caminhões TT.

 

Relação entre a Ford e Seis Sigma

 

 

A Ford utiliza a metodologia de excelência operacional do Seis Sigma, uma filosofia que tem agregado valor profissional a todos que a conhecem, ela é focada em diminuir a variabilidade e melhorar os resultados.

Se você ficou curioso para saber mais sobre como essa metodologia funciona, não deixe de conferir o curso GRATUITO para dar aquele upgrade na sua carreira profissional de White Belt em Lean Seis Sigma.

 

 

Inclusive, ter certificado como especialista green ou black belt é um dos requisitos para vários cargos de melhoria contínua. Então, não deixe de conferir nossos artigos linkados acima e descobrir mais sobre Seis Sigma.

 

Quem é Henry Ford?

                    

 

Em Springwells Township, a história se inicia no Condado de Wayne, Michingan, na data de 30 de julho de 1863. Lá nasceu Henry Ford.  

Cresceu em uma fazenda de sua família, recebeu educação numa escola pública, onde logo cedo já demonstrava o seu interesse e amor pela mecânica, que fez  com ele se desenvolvesse num verdadeiro gênio e futuro fundador da Ford.

Henry começou a sua jornada bem jovem, aos 12 anos, ocupando boa partedo seu tempo em uma pequena loja de máquinas produzida por ele mesmo.

Em 1878, quando tinha seus 15 anos, em sua pequena loja, construiu o seu primeiro motor a vapor.

O empresário próximo dos seus 40 anos de idade fundou a Ford Motor Company, que, sem demorar muito, tornou-se a companhia mais bem-sucedida do mundo, além de sobreviver a grande depressão de 1929.

 

Como foi seu desenvolvimento?

 

Em 1879, Henry foi trabalhar como aprendiz de operador de máquinas em Detroit, primeiro na James F. Flower & Bros. e depois na Detroit Dry Dock Co.

Três anos depois, próximo dos seus 20 anos, retornou para a fazenda, operando motores portáteis a vapor da Westinghouse; pouco tempo depois, Henry foi contratado para cuidar do conserto e montagem de locomóveis.  

Assumiu em 1891 o cargo de engenheiro maquinista na Edison Illuminating Company, de Detroit, e, dois anos depois, foi promovido a engenheiro chefe.

E o que um engenheiro ama fazer? Experimentos. E foi assim que tudo começou.

Em um dia de Natal, na cozinha de sua casa, com a ajuda da sua esposa Clara, Henry colocou seu primeiro motor para funcionar.

Em 1896 ocorreu a conclusão do seu primeiro veículo, o Ford Quadricycle.

 

 

No ano seguinte, Henry foi impulsionado e criou coragem para continuar seus experimentos ao ser apresentado para Thomas Edison.

Se você quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e como crescer mais rápido profissionalmente, não deixe de conferir este artigo.

 

Como surgiu a Ford?

 

Tudo começou em 1903, quando Henry fundou a Ford Motor Company, que viria a produzir cinco anos depois o Ford T, o primeiro carro popular.

 

 

Um veículo que chamou a atenção de todos pelo seu preço barato e, além disso, era um veículo confiável, seguro e fácil de dirigir.

Após isso, Henry ficou ainda mais empolgado e começou a investir bastante em seu conhecimento. Com isso, o empresário criou o conceito de linha de montagem visando melhorar a produção.

Esse modelo de montagem trouxe para a Ford:

  • Redução considerável do custo de fabricação dos veículos;

  • Aumento do salário dos funcionários;

  • Preço de venda dos veículos reduzido.

 

Não demorou muito para que esse modelo de montagem se espalhasse pelo mundo e começasse a ser usado por diversas indústrias.

 

Quer saber mais sobre esse modelo de montagem?

 

Em 1913, Henry resolveu implantar o modelo de linha de montagem e a produção em série, os quais ficaram conhecidos como Fordismo.

O modelo consistia em produzir mais em menos tempo, para isso, ao invés do funcionário ser encarregado por todo o processo de montagem e construção do carro, ele ficava responsável somente por uma etapa e aprimorava seu potencial naquela tarefa.

Para cada operário de acordo com a sua função, Henry estipulava a velocidade necessária para se executar aquela etapa.

Para que esse método fosse bem executado, era necessário que cada operário e ferramenta estivessem dispostos na ordem natural de operação.

 

 

Agora o operário não ia mais até o carro com suas ferramentas, o carro ou parte dele era deslocado através de equipamentos até os operários que iriam executar o próximo passo da montagem.

Essa criação de Henry foi muito bem-sucedida, fazendo ele se tornar um dos maiores produtores de automóveis, além de alavancar a produção, diminuindo o tempo de montagem de cada veículo de 12 horas para, aproximadamente, 90 minutos.

Henry conseguiu, através desse modelo de produção, abaixar o valor do Ford T de 850 dólares para menos de 300 dólares, tornando assim o modelo de veículo popular.

 

 

Em pouco tempo, a Ford conseguiu alto nível de produtividade, que chegou a representar cerca de 2 milhões de veículos/ano.

Muitas pessoas acham que a Ford foi a criadora dos automóveis, porém isso é um grande engano, pois Karl Benz foi o criador do primeiro automóvel.

A Ford foi a primeira criadora de automóveis a fabricar um veículo acessível até mesmo para os seus próprios operários, isso sem dúvida foi o que fez com que a Ford se expandisse rapidamente.

 

Funcionários valorizados?

 

“Há um punhado de homens que conseguem enriquecer simplesmente porque prestam atenção aos menores que a maioria despreza.”

(Henry Ford)

 

Isso mesmo, não é uma pegadinha. Henry tinha uma maneira bem peculiar de lidar com seus funcionários, ele acreditava no potencial de cada um.

O lema era: funcionário que produz é funcionário feliz, por isso, Henry entregava uma boa remuneração pelos serviços prestados de cada um, chegando a ser o dobro do que era pago habitualmente.

O empresário acreditava que se os funcionário estivessem felizes sendo bem remunerados, a produção seria maior e melhor.

Essa postura fez ele alavancar na produção, se tornando o maior produtor e um empresário muito bem-sucedido.

 

Já ouviu falar da Fordlandia?

 

 

Parece piada, mas não é. Um dos desejos do fundador da Ford era criar uma cidade no meio da floresta Amazônica, para ser mais precisa no interior do Pará.

Pode parecer loucura, mas o objetivo disso era ficar mais próximo da extração de borracha, podendo fabricar pneus, mangueiras e juntas.

Em pouco tempo, a cidade ficou pronta, contendo escolas, eletricidade, saneamento, clube social/recreativo e um hospital.

Alguns operários da fábrica de automóveis, foram enviados para habitar nessa cidade.

Não resta dúvida de que ele era um verdadeiro gênio, não é mesmo?

Mas infelizmente nem sempre tudo sai perfeito como desejamos, Fordlandia nunca conseguiu se tornar aquilo que Henry tanto sonhava.

 

“O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência.”

(Henry Ford)

 

Você deve estar se perguntando o porquê, não é mesmo? Então, vamos aos 4 graves problemas que ocorreram:

  • Logo após a compra do terreno, o ciclo da borracha, no Brasil, entrou em declínio, pois os britânicos levaram 70.000 sementes de seringueira da Amazônia para o sudeste da Ásia;

  • A Ford não soube respeitar a cultura já existente lá, tentando impor a cultura americana;

  • Os funcionários de Henry não tinham conhecimento suficiente em botânica e acabaram fazendo as plantações das seringueiras muito próximas umas das outras;

  • A gota que faltava para colocar tudo isso água abaixo aconteceu em 1945, quando surgiu a borracha sintética, que era feita de derivados de petróleo, então, o projeto perdeu o sentido e não tinha mais razões para se manter.

 

Uma incrível curiosidade envolvendo essa história foi sobre a morte de Henry, pois ele faleceu sem sequer colocar os pés na Amazônia por medo das doenças existentes lá.

 

Você sabia?

 

 

  • Detroit automobile company foi a primeira tentativa de Henry em montar uma fábrica de veículos, a fábrica chegou a produzir apenas 12 veículos e faliu;

  • Com a ajuda de Harold Wills, Henry construiu um carro de corridas;

  • Henry Ford recebeu o financiamento de Alexander Malcolmson, um negociante de carvão, e formaram a Ford & Malcolmson para fabricar automóveis;

  • Anos mais tarde, Henry estabelece recorde mundial de velocidade com o Arrow de 50 cv, ao atingir 147 km/h sobre um lago coberto de gelo;

  • Durante a primeira guerra, Henry tentou, sem muito êxito, entrar no mercado de aviação, com o nome de Ford Airline Company;

  • Aston Martin, uma fabricante britânica de carros de luxo, fez parte da Ford Motor Company de 1994 até 2007;

  • Ford chegou a oferecer, aproximadamente, 4925 milhões de dólares para fazer da Aston Martin sua subsidiária.

 

E aí, o que achou dessa história inspiradora?

 

Como vimos, Henry Ford era um homem visionário que veio de uma família que vivia em uma fazenda, teve vários planos frustrados, mas não desistiu.

Henry buscava sempre se especializar cada vez mais, estudando e buscando mais conhecimentos técnicos e práticos.

E não parava por aí, ele buscava sempre inovar e estar à frente do mercado, buscando expandir e variar seus negócios.

 

“Quer você acredite que consiga fazer uma coisa ou não, você está certo.”

(Henry Ford)

 

Use essa história para inspirar a sua carreira!

Não se esqueça de nos contar o que você achou e, caso tenha dúvida, deixe nos comentários. Seu feedback é de extrema importância para nós.

 

Conheça as histórias de outras empresas de sucesso!

 

 

Dica Bônus

 

Você tem sentindo que está ficando para trás no mercado de trabalho? Deseja impulsionar sua carreira e o seu negócio, mas não sabe como?

Tenho uma excelente oportunidade para você, não a deixe passar!

Venha estudar com referências em liderança e gestão, faça parte de uma rede de alta performance para desenvolver habilidades e se preparar para o emprego dos sonhos!

A Voitto Premium é um plano de assinatura criado para quem está em busca de uma solução acessível a fim de se preparar para os desafios do mercado.

Está esperando o quê? Clique no botão abaixo e comece a usufruir de todos os benefícios que te esperam!

 

 

Se ainda ficou com alguma dúvida, comente aqui embaixo, ficaremos muito felizes em ajudar! Ah, não se esqueça de mandar esse artigo para algum amigo!